12 de janeiro de 2012

CONTA-GOTAS ... Notícias


ESTABILIDADE  .... Prefeito de Uberaba chama sindicalistas para o debate
ASSUMIDOS E SIMPATIZANTES .... Lucília-Rosa Vermelha agita os comunistas da região
CURIOSIDADE HISTÓRICA ... Leia decreto de Dom Pedro II definindo salários para juiz e carcereiro de Uberaba
ELEIÇÕES 2012... PSTU vai participar da campanha; PMDB continua sem comando; PV ajeita situação interna; PT escolhe candidato a prefeito

AGITAÇÃO
COMUNISTA
Neste dia 13 de janeiro, sexta-feira, acontece o lançamento do livro Lucília – Rosa Vermelha. Idealizada e prefaciada pela jornalista Evacira Coraspe e escrita pelo jornalista Luiz Alberto Molinar e a historiadora Luciana Maluf Vilela, a obra conta parte da trajetória da comunista mais famosa de Uberaba e região: Lucília Rosa.
QUEM COME
CRIANCINHAS?
Quem nunca ouviu falar na versão dos capitalistas antigos de que “comunista come criancinha?” – que era pra ninguém se aproximar dessa gente que defende tudo dividido igual entre todo mundo...Achou confuso? Pois até os comunistas se confundem na hora de explicar quem é o Partido Comunista Brasileiro PCB, e quem é o Partido Comunista do Brasil – PCdoB. Enfim, falando em comunistas e comunistas, quem come – ou comia criancinha, é o PCB, a origem de tudo.
A ORIGEM
Sem entrar no mérito de quem está certo ou certo, o que vale aqui, é lembrar que o PCB foi fundado em 1922, e portanto, entre mortos e feridos – tempos na clandestinidade e outros na legalidade, a legenda tem quase 90 anos, sendo o mais antigo partido do país. É a base de Lucília Rosa e de Luiz Carlos Prestes – o herói da heroína de Lucília-Rosa Vermelha.
TEMPOS
MODERNOS
Mas quem tem expressão nacional nestes tempos de PT no poder é o PCdoB – nascido de rachas do PCB. Bem menos radical do que o “adversário”, o PCdoB – fundado em 1962, conseguiu espaços importantes nos meios sindicais e estudantis, e, acima de tudo, na política. Tem 13 deputados federais – sendo que um deles já presidiu a Câmara dos Deputados.
ENTRE NÓS
Em Uberaba – onde nasceu Lucília e acontece o lançamento do livro, o PCB tem quatro filiados e nem aparece na listas das legendas existentes na cidade. Já o PCdoB tem um diretório municipal eleito com todas as pompas, e cujo mandato vai até dezembro de 2013. E mais: 295 filiados, entre eles, o vereador Lourival dos Santos, ex-presidente da Câmara, e que começou esta história toda de se contar a vida de Lucília Rosa em livro.
 ...............................................
"...Possivelmente tocados pela grandeza e 
generosidade da vida que narravam, 
Luciana Vilela e Luiz Alberto Molinar construíram 
uma verdadeira história social da esquerda 
do Triângulo Mineiro.  Isto é, a própria memória 
das “pessoas humildes sem história” – 
com suas cores, seus retratos, suas aventuras e fracassos, utopias e esperanças – vêm à tona, escavados, 
reconstituídos, repostos em sua plena humanidade." 
Artigo de Juarez Guimarães, professor da UFMG – 
Universidade Federal de Minas Gerais, na orelha de 
apresentação do livro Lucília – Rosa Vermelha 

 ...............................................
EXPECTATIVAS
Intensificam as expectativas dos observadores da política de Uberaba quanto ao futuro comando do principal partido do processo eleitoral de 2012 – o PMDB do prefeito Anderson Adauto. Sem dirigentes desde outubro do ano passado, a legenda ainda não está se movimentando, pelo menos explicitamente, para montar o diretório (ou comissão provisória) que vai organizar a campanha de seus candidatos.
POR ENQUANTO
Dos quatro partidos de Uberaba que tiveram seus comandos encerrados nos últimos meses, apenas o PV ajeitou sua situação – segundo o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais. Nova comissão provisória foi anotada, com mandato até 30 de junho de 2012, e portanto, com tempo hábil para organizar as candidaturas. As convenções para homologação dos candidatos acontecem de 10 a 30 de junho.
ACÉFALOS
Além do PMDB, continuavam sem comando – até o fechamento desta edição de Conta-Gotas, o PDT (que teve mandato encerrado em 1º de janeiro de 2012) e o PSOL (que está sem “chefia” oficial desde 2010).

NEM TÃO
DESORGANIZADO
Adriano Espíndola
PSTU - Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado, que nasceu de rupturas no PT, tem diretório nacional com vigência até 2013 e diretório estadual/MG com mandato até setembro de 2012, mas não aparece entre as legendas organizadas em Uberaba. Ainda assim, terá participação direta nas eleições municipais de 2012.
OU É...OU É
Seu principal filiado, o advogado Adriano Espíndola será candidato – ou a prefeito ou a vereador, dependendo das conjunturas internas e externas. Com tendência mais forte para a Câmara Municipal.
PARTIDOS
INEXISTENTES
Por sinal, dos 28 partidos que possuem filiados em Uberaba, apenas três não aparecem na lista das legendas existentes oficialmente: o próprio PSTU (22 filiados), o PCB (quatro filiados) e o PCO (nove filiados).

A ESCOLHA
Se os comunistas são assunto em Uberaba nestes tempos de Lucília-Rosa Vermelha, o PT também não fica atrás. É que o diretório municipal petista marcou para dia 14 de janeiro, sábado, a escolha do seu pré-candidato a prefeito. Uma primeira reunião convocada com este objetivo não chegou a uma definição. Estão no páreo o deputado estadual Adelmo Carneiro Leão e a coordenadora de políticas públicas para mulheres de Uberaba, ex-vereadora Marilda Ribeiro Resende.

OBSERVAÇÃO
Prefeito de Uberaba conseguiu fazer
o tranquilo presidente do SSPMU,
Luís Carlos dos Santos, ficar emburrado
(Foto: Enerson Cleiton)
Prefeito Anderson Adauto está de férias fora de Uberaba, mas não perdeu uma vírgula sequer da reação dos sindicalistas às declarações que fez ao Jornal da Manhã – na edição de 11 de janeiro, quarta-feira. Ao dizer que servidor concursado “usa mal a estabilidade”, AA provocou um rebuliço nos três sindicatos que representam o funcionalismo da prefeitura. Neste 13 de janeiro, sexta-feira, o prefeito entrou em contato com sua assessoria para manifestar sobre o tititi que deixou pra trás.
REAÇÃO 1
Os sindicatos dos servidores (SSPMU), dos educadores (Sindemu) e do Codau (Sindae) saíram em defesa da categoria e, em reunião convocada de última hora, decidiram pela realização de um ato público no final de janeiro, se até lá o prefeito não der uma resposta para as pautas de reivindicações de 2012.
REAÇÃO 2
Já o prefeito – na manifestação que deve ser divulgada nas próximas horas, anuncia que as pautas foram encaminhadas aos setores competentes, e que ele vai sentar-se com os sindicatos em fevereiro. E mais: convoca os sindicalistas para um debate sobre concursos, reafirmando sua posição contrária à estabilidade no serviço público.
  ...............................................
DIÁLOGOS NO FACEBOOK
_“Grande Fahim, quanto tempo! 
Vamos bater um papo depois. Um abração!”
_“Estou à sua disposição. Vai ser muito bom!”
*Franco Cartafina – neto do casal Silvério/Teresinha, que está animado com uma eventual estreia na disputa por uma cadeira de vereador, conversa com Fahim Sawan, que dispensa comentários
  ...............................................

PRA NÃO DEIXAR
DÚVIDA
Decreto publicado na última edição do Porta-Voz, jornal oficial do município de Uberaba, nomeia Ronaldo Batista Silva para o cargo em comissão de coordenador de Planejamento e Gestão da Unidade de Gestão do Projeto - UGP - Projeto Água Viva. Detalhe: o decreto foi publicado duas vezes...

ALELUIA!
E por falar no Porta-Voz, a mesma edição traz a designação de 18 médicos 24 horas. Vale lembrar – mais uma vez, que Uberaba está sob estado de emergência, decretado pelo governo municipal, justamente porque existe uma defasagem de 77 médicos de urgência e emergência na rede pública.

 ...............................................

CURIOSIDADE HISTÓRICA
Pedro II - 16 anos
 *Em novembro de 1842, e portanto, com 16 anos de idade – um ano após ter a maioridade antecipada, o imperador Dom Pedro II (1831/1889) define os salários de juízes municipais e de carcereiros das cadeias de Uberaba, Araxá, Patocínio, entre outras localidades da então província de Minas Gerais

Decreto nº 242, de 6 de Novembro de 1842
Marca ordenados aos Juizes Municipaes e de Orphãos da Provincia de Minas Geraes, cria hum Promotor Publico em cada huma das Comarcas da mesma Provincia, e estabelece-lhes ordenados, bem como marca a gratificação do Chefe de Policia, e os vencimentos dos Carcereiros das Cadéas.

     Hei por bem, para execução da Lei numero duzentos sessenta e um de tres de Dezembro do anno proximo passado, e em conformidade dos respectivos Regulamentos, Decretar o seguinte: 

     Art. 1º Os Juizes Municipaes e de Orphãos dos Termos de Uberaba, Araxá, Patrocínio, Ouro Preto, Sabará, Pitangui, Curvello, Caeté, S. João de El-Rei, S. José, Lavras, Oliveira, Tamanduá, Campanha, Tres Pontas, Ayuruoca, Baependy, Pouso Alegre, Jacuhy, Caldas, Jaguary, Itabira, Piranga, Serro, Diamantina, Conceição, Minas Novas, Rio Pardo, Formigas, S. Romão, Januaria, Paracatú, da Provincia de Minas Geraes, vencerá cada um o ordenado annual de trezentos mil réis. 

     Art. 2º Os Juizes Municipaes dos Termos reunidos de Queluz com o do Bomfim, de Barbacena com o da Pomba, de S. João Nepomuceno com o do Presidio, da Villa Nova da Formiga com o de Piumhy, de Marianna com o de Santa Barbara, vencerá cada um o ordenado annual de duzentos e cincoenta mil réis. 

     Art. 3º Haverá um Promotor Publico em cada uma das Comarcas da dita Provincia. Os das Comarcas do Ouro Preto, Rio das Velhas, Serro e Parahybuna, vencerá cada um o ordenado annual de setecentos mil réis. Os das Comarcas do Rio das Mortes, Rio Verde, Sapucahy, Rio de S. Francisco e Piracicava perceberá cada um o de seiscentos mil réis. Os das Comarcas de Paraná, Rio Grande, Paracatú e Jequitinhonha o de quinhentos mil réis cada um. 

     Art. 4º O Chefe de Policia da sobredita Provincia perceberá a gratificação annual do oitocentos mil réis. 

     Art. 5º O Carcereiro da cadêa da Capital da Provincia terá o vencimento annual de quatrocentos mil réis...Os das cadêas dos Termos do Presidio, de Uberaba, do Araxá, , do Patrocinio, S. João Nepomuceno, de S. José, de Lavras, de Oliveira, de Tamanduá, da Villa Nova da Formiga, de Piumhy, de Baependy, de Ayuruoca de Tres Pontas, de Pouso Alegre, de Jacuhy, de Jaguary, de Caldas, da Conceição, do Rio Pardo, de Formigas, Januaria e de S. Romão, de sessenta mil réis cada um, dependendo, porém, taes vencimentos da approvação da Assembléa Geral Legislativa, na conformidade do artigo oitavo da Lei de tres de Dezembro do anno proximo passado.
     Paulino José Soares de Sousa, do Meu Conselho, Ministro e Secretario de Estado dos Negocios da Justiça, o tenha assim entendido e faça executar.

Palacio do Rio de Janeiro em seis de Novembro de mil oitocentos quarenta e dous, vigesimo primeiro da Independencia e do Imperio.
     Com a Rubrica de Sua Magestade o Imperador.

Publicação:
Coleção de Leis do Império do Brasil - 1842 , Página 448 Vol. 1 pt. II (Publicação Original)
  ...............................................

Um comentário:

  1. Apesar da sigla PCB, o nome sempre foi Partido Comunista do Brasil, desde de 1922, o racha que aconteceu no final da década de 50 foi por conta de um desvio de conduta dos militantes "PCB", que culminou com a paralisia durante a ditadura e no processo de redemocratização teve seu término com o aparecimento do PPS. Quero lembrar que o jornal do partido "A Classe Operária" é publicado pelo PCdoB.

    ResponderExcluir