20 de janeiro de 2012

CONTA-GOTAS ... Notícias



ESTICADA ESTRATÉGICA ... PMDB de Uberaba estica comando até o 2º turno das eleições
CURIOSIDADE HISTÓRICA ... Câmbio negro provoca greve de fome ... de açúcar
FERVURA ... Bastidores esquentam na situação e na oposição

QUENTURA
Nomeação de Túlio Reis mostra
que o prefeito está mexendo as
peças do xadrez
Dizem as más – e as boas línguas, que nem o tempinho fresco da noite de 19 de janeiro, quinta-feira, conseguiu acalmar a fervura que tomou conta dos bastidores...aqui e ali, tanto na base aliada do prefeito Anderson Adauto (PMDB) quando na oposição. O motivo? Simplesmente a notícia de que o advogado Marco Túlio Oliveira Reis foi nomeado subsecretário Municipal de Governo.
TABULEIROS
Acontece que – conforme alertou Conta-Gotas em primeira mão, na noite em que saiu a edição do Porta-Voz da nomeação, trata-se da pasta comandada por Rodrigo Mateus, o homem que o prefeito tenta convencer o PMDB a aceitar como o candidato da legenda. Com a saída de Rodrigo do cargo, tudo indica que Túlio vai assumir a pasta.
RESUMO DA ÓPERA... Enquanto está todo mundo observando, criticando, achando que ele não emplaca o candidato preferido, Anderson Adauto está movendo as peças do xadrez.
 ---------------------------------------------
“Meu amigo e irmão, você está de volta. 
Muito bom ouvir você na rádio. 
Melhor será em 2013 com você na Prefeitura de Uberaba. 
Um abraço meu prefeito.”
Vereador Samuel Pereira para seu colega de Câmara 
e radialista Almir Silva – ambos do PR, nos espaços virtuais do Facebook
 -----------------------------------------
TUCANATO
Até os tucanos – da oposição, teriam se esquecido um pouco dos entreveros internos e estariam reunidos com representantes de outra legenda, discutindo aliança. No centro das conversas, o engenheiro Maurício Cecílio, lançado pré-candidato único pelo PSDB. Só pra lembrar dos entreveros internos: pouco depois do lançamento de Cecílio, o ex-deputado Fahim Sawan “se colocou à disposição para a disputa”. 

ESTICADA
ESTRATÉGICA
E o comando do PMDB/Uberaba ganha fôlego até 28 de outubro de 2012. Diretório municipal eleito em 2009 teve o mandato encerrado dia 28 de outubro de 2011, e se manteve assim, até neste dia 18 de janeiro de 2012, quarta-feira, no site oficial do Tribunal Superior Eleitoral. Só neste dia 19 de janeiro é que o TSE anotou mais um ano de mandato para o diretório.
MERA COINCIDÊNCIA (?)
Desta forma, o novo prazo do comando peemedebista vai até o final das eleições municipais. Elas acontecem dias 7 de outubro (1º turno) e 28 de outubro (2º turno, caso nenhum candidato a prefeito seja eleito no 1º turno).
NA CABEÇA
A composição do diretório indica que, dos 117 eleitos, 97 estão ativos – com algumas alterações nos cargos. O presidente atual é Eduardo Palmério. Ele era o 1º vice-presidente eleito, mas assumiu a presidência, em substituição a Luiz Humberto Alves Borges, que se afastou do cargo.
REMANEJAMENTOS
O deputado federal Paulo Piau assumiu a 1ª vice-presidência, e João Caldas – que era o 2º vice assumiu a secretaria-geral. O vereador Tony Carlos é o líder da bancada peemedebista na Câmara – que inclui o vereador Cléber Humberto Ramos.
TODO PODER
O prefeito Anderson Adauto e a primeira-dama Ângela Mairink integram o diretório como delegados do partido.  E vale ressaltar: uma olhada superficial nos 97 nomes que estão na ativa, indica um diretório pró-Anderson Adauto. Ou seja...muito pró-Anderson Adauto. Ou melhor...muito mesmo!
TUDO DE BOM
Ainda de acordo com um olhar superficial nos 97 membros ativos do diretório, é possível explicar a razão de uma esticadinha de um ano no comando, sem a necessidade de se eleger um novo diretório ou se montar uma nova comissão executiva. Só mesmo um incidente de percurso poderá impedir a aprovação do nome defendido pelo prefeito para disputar sua sucessão.
 ---------------------------------------
209.112
Eleitorado de Uberaba – segundo o Tribunal Regional 
Eleitoral de Minas Gerais (TRE/MG), divulgado 
neste 19 de janeiro de 2012, às 19h12

  ---------------------------------------

RESTAURAÇÃO
E o presidente da Câmara de Uberaba, Luiz Dutra (PDT), reabre concorrência pública para contratar obras de restauração e reforma dos edifícios que abrigam o Poder Legislativo. Processo acontece dia 7 de março de 2012, a partir das 13h20.
ÀS TRAÇAS
Na edição divulgada na noite de 26 de dezembro de 2011 Conta-Gotas anunciava que a primeira licitação promovida pela Câmara simplesmente passou batido. Apesar de muitos interessados terem aparecido, manifestado, visitado o local das obras – etc. e tal, nenhum apareceu no dia “D” – 26 de dezembro.
CARAPUÇA...
Naquela oportunidade, o presidente da Câmara dava faniquito nervoso. Segundo ele, as empresas poderiam ter contestado os preços juridicamente, já que os consideraram aquém dos valores de mercado. Em vez disso boicotaram a licitação. Dutra mandou um recado a quem de direito, garantindo que a Câmara abriria outro processo licitatório para as obras. E arrematou: “o novo procedimento vai continuar sendo fiscalizado pela Comissão de Vereadores, pelo Ministério Público, pela imprensa e pela população em geral”.
 ----------------------------------------
“São pais e mães que eu não gostaria de ter. 
São irresponsáveis, pois na primeira dificuldade financeira 
- e às vezes até mesmo sem razão, eles vendem suas moradias, em prejuízo daqueles que sonham em ter um teto”
Prefeito Anderson Adauto – uma arara com os pobres que 
conseguem moradias do Minha Casa, Minha Vida e vendem o ágio para terceiros
  ----------------------------------------

CURIOSIDADE HISTÓRICA
Greve de fome de açúcar
13 de maio de 1946

João Henrique
*Deputado constituinte dá um tempo nos debates e votação 
da Constituição Federal para defender, em plenário, o povo de Uberaba

 “Senhor presidente, a cidade de Uberaba, a terceira de Minas e a mais populosa do Brasil Central, está inclinada a declarar-se coletivamente em greve, numa original, mas significativa greve de fome em relação ao consumo de açúcar.
Há muito que a população daquele município vem sofrendo as torturas da falta de açúcar e vem conhecendo os vexames do câmbio negro.
...Abastece aquela zona a Cooperativa dos Usineiros de Pernambuco...e sucede que essa cooperativa, de maneira injusta, desarrazoada, está exigindo do consumidor uberabense que pague preço fora e acima da tabela oficial.
...O povo uberabense...não está, evidentemente, disposto a se deixar explorar...e assim se reuniu em sessão pública no Edifício da Câmara Municipal, onde tomou, de maneira unânime e sob aplausos gerais, a seguinte deliberação:
o uberabense prefere sofrer falta de açúcar, fazendo a greve de fome do açúcar, à humilhação de adquirí-lo por preço acima do estipulado pela tabela oficial, concorrendo para o nefando câmbio negro, que tanto lhe repugna...
Nesse sentido foi dirigido ao senhor Presidente da República...o telegrama...
_Rogamos medida salvadora urgente...assinado por Lauro Fontoura (Prefeito); Francisco Mori (Presidente da Associação Chauffeurs); Hercílio Martins da Silveira (pelo Sindicato dos Bancários); Eliseu Batista (Presidente da Associação dos Odontologistas de Uberaba); Álvaro Guaritá (Presidente da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Uberaba); Quintilliano Jardim (Diretor do Lavoura e Comércio); Nicanor Souza Júnior (Diretor de “O Triângulo”); Clarimundo Moreira Lemos (Presidente do Sindicato Construções Civis); Orlandino de Almeida (Presidente Círculo Operário de Uberaba); Moacir Medina Coeli (Presidente 14 Sub-Seção Ordem dos Advogados); Luís Guaritá (pela Associação Comercial e Industrial).
...Estou trazendo aqui o apêlo da população de Uberaba à mais alta autoridade do País. É um assunto tão importante que não comporta o faccionismo partidário...
Estou fazendo um apêlo em nome da população de Uberaba, sempre corajosa na defesa da justiça e do direito, e também, neste instante, enviando daqui minha palavra de solidariedade aos intrépidos e altivos uberabenses. (PALMAS).
Fonte: Transcrito dos anais da Câmara dos Deputados
----------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário