3 de fevereiro de 2013

CONTA-GOTAS...Notícias


Articulações aecistas rendem
cargo estratégico para Uberaba
Diretor-geral do Instituto de Terras do Estado de Minas Gerais – Iter, autarquia ligada à Secretaria de Estado Extraordinária de Regularização Fundiária, Márcio Eli Almeida Leandro (FOTO), deve ser transferido, nos próximos dias, para o segundo cargo mais importante da poderosa Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais. Deixa uma função técnica para se embrenhar na política.
2014 VEM AÍ ---- Levado para a administração estadual pelas mãos do presidente do PSD/Uberaba, deputado federal Marcos Montes, o uberabense vai assumir a Secretaria-Adjunta da pasta comandada por Danilo de Castro – considerado o homem forte dos dois governos tucanos: de Aécio Neves, hoje senador, e de Antônio Anastasia. Ele é ainda, o principal articulador político do grupo aecista, e, em consequência, da candidatura de Aécio a presidente da República em 2014.
AGRADOS --- A nomeação de Márcio Eli para ser o braço direito de Danilo de Castro está sendo vista, por fontes da coluna Conta-Gotas, como parte dos rearranjos que os aecistas andam promovendo, aqui e acolá, com vistas a preparar o terreno político para 2014. Os aliados do senador em Uberaba são valorizados – leiam-se Marcos Montes e companhia, enquanto os relutantes – leiam-se Paulo Piau e companhia, veem as portas se abrindo para uma aproximação.
PARCEIRO ANTIGO --- Por mais de uma década ocupando funções na Prefeitura de Uberaba, inclusive nos dois governos de Marcos Montes, o novo secretário-adjunto de Estado de Governo acompanhou MM em 2004 quando ele assumiu, no governo de Aécio Neves, a Secretaria de Desenvolvimento Estadual, de Esportes e Juventude – então Sedese.
DE TÉCNICO A POLÍTICO --- Ex-subsecretário de Marcos Montes, o deputado estadual Wander Borges (PSB) se tornou secretário da pasta Extraordinária de Regularização Fundiária, e indicou Márcio Eli para diretor do Iter. Em março de 2012, o uberabense teve que se submeter a interrogatório de uma comissão especial da Assembleia Legislativa de Minas Gerais para assumir o cargo – uma exigência legal, e foi aprovado sem qualquer senão.
-----------------
ANÚNCIO DO TITULAR DA SEPLAN DE UBERABA É QUESTÃO DE HORAS
Paulo Piau está prestes
a concluir a formatação
do seu 1º escalão
(Foto: Sebastião Santos)
Enquanto isso, em Uberaba, o prefeito Paulo Piau (PMDB) deve anunciar a qualquer momento o titular da Secretaria Municipal de Planejamento – um dos últimos cargos a serem preenchidos no primeiro escalão da Prefeitura de Uberaba. Indicado por representantes da construção civil, o engenheiro Cláudio Junqueira já prepara o terno para tomar posse.
REFORMA --- Apesar da definição dos nomes, é certo que os nomeados vão encontrar mudanças pela frente, nas pastas que estão assumindo agora. É que o prefeito articula a contratação de uma consultoria para promover uma ampla reforma administrativa na prefeitura.
INDEPENDÊNCIA --- O próprio Cláudio Junqueira deverá perder um braço da Seplan, já que a Superintendência de Projetos e Parcerias Intersetoriais – Seppai, será transformada em secretaria. A Seppai foi entregue ao administrador Glauber Faquineli, que tem a função de localizar e captar recursos nas mais variadas esferas, principalmente federal e externos.
Na verdade, pelo menos três secretarias podem ser criadas, e duas delas com grande possibilidade de os titulares já estarem definidos, dependendo apenas da performance que vão demonstrar a partir de agora.
SERVIÇOS URBANOS --- Além da Seppai, a Secretaria Municipal de Infraestrutura – que permanece interinamente com José Donizete Melo, é outra que terá mudança. O empresário Roberto de Oliveira – Robertinho da Indaiá, acaba de assumir a Superintendência de Serviços Urbanos, ainda ligada à Secretaria de Infraestrutura, mas com forte tendência a se tornar independente.
CIDADE LIMPA --- Roberto tem atribuições tipo, identificar a necessidade de serviços e obras de engenharia e limpeza urbana, tais como, varrição, capina, coleta de lixo e disposição final de resíduos sólidos sob a forma de concessão e permissão; planejar, organizar, dirigir, coordenar, executar e avaliar as ações relativas a serviços e obras públicas, especialmente nos aspectos de infraestrutura viária, estrutura operacional e logística, mecanismos de regulação e serviços, entre outras.
OS ÚLTIMOS --- Na semana passada o prefeito anunciou outros nomes, chegando a fazer uma surpresa. O vice-prefeito Almir Silva (PR) deixou a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, e foi substituído pela colega de partido, Ângela Dib, ex-presidente da Casa do Menino.
O coronel PM da reserva e ex-comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, Emanuel Kappel assumiu a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes Especiais, Proteção de Bens e Serviços Públicos. Até então, a pasta estava interinamente sob o comando do secretário de Governo, Wellington Cardoso Ramos. 
O LÍDER --- E nesta segunda-feira, 4 de fevereiro - data da estreia da legislatura 2013/2016, Paulo Piau indicou seu líder na Câmara Municipal. Nenhuma surpresa...Trata-se do vereador reeleito Tony Carlos, do PMDB de Piau e seu preferido na disputa pela presidência do Poder Legislativo. Suplente de deputado estadual, Tony - enquanto não assume cadeira na Assembleia Legislativa, vai se beneficiando do cargo de líder, que oferece uma boa visibilidade política.
--------------------
PAZ E AMOR ---- Repórter-fotográfico Enerson Cleiton expõe, na imagem, o clima
de tranquilidade da 1ª sessão da nova legislatura da Câmara de Vereadores, inclusive
nos momentos de escolha dos membros das 18 comissões permanentes
Vereadores veteranos ficam com 
presidência das comissões permanentes mais disputadas 
da Câmara de Uberaba
Sem polêmicas – ao contrário do que se esperava, vereadores eleitos e reeleitos definiram nesta segunda-feira, 4 de fevereiro, os membros das 18 comissões permanentes da Câmara de Uberaba. Mandato é de um ano. Do total, 11 são presididas pelos reeleitos para mandato consecutivo, inclusive as comissões mais disputadas por serem consideradas de maior importância ou de maior visibilidade.
PODEROSA ---- É o caso da Comissão Permanente de Legislação, Justiça e Redação, convocada para dar parecer em todas as matérias que tramitam no Legislativo. Seus quatro integrantes são da “velha guarda” da Câmara: o presidente Luiz Humberto Dutra (PDT); o relator João Gilberto Ripposati (PSDB); o vogal Afrânio Cardoso (PP) e o suplente Cléber Humberto Ramos (PMDB).
TENTATIVA --- Vale lembrar que Dutra presidiu a mesa diretora no último mandato da legislatura passada e tentou retornar ao cargo no início da nova legislatura (2013/2016), mas perdeu para as articulações dos novatos que optaram por Elmar Goulart (PSL) na presidência.
RECONDUÇÃO --- O veterano Marcelo Machado Borges (DEM) foi reconduzido à presidência da Comissão de Assistência aos Servidores Municipais – cargo que ocupou no último ano da legislatura passada. O novato Ismar Marão (PSB) – que sonhava com esta vaga, acabou se contentando com o cargo de relator. Dutra ficou de vogal e Ripposati, de suplente.
FERVURA --- A formação quase se repetiu na disputada Comissão de Saúde e Saneamento. Marcelo Borges assumiu a presidência; Ismar é o relator e Ripposati é suplente.
A mudança se deu no cargo de vogal, que ficou com Cléber Ramos. Ele era líder do ex-prefeito Anderson Adauto (sem partido), que com certeza, será o principal alvo da comissão por causa dos inúmeros problemas detectados na saúde pública municipal.
SANTOS DE CASA --- Em algumas situações o motivo do interesse é evidente. O delegado de Polícia Civil aposentado, Luiz Dutra assumiu a presidência da Comissão Permanente de Segurança Pública. Com ele, estão o relator Ismar Marão, ligado ao setor; o vogal Afrânio Cardoso – também policial civil, e o suplente João Gilberto Ripposati.
Outro exemplo é a Comissão de Desenvolvimento Econômico. O novo presidente é o vereador de primeira viagem, Samir Cecílio (PR) – mas com larga experiência no mundo empresarial. Já foi, inclusive, presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba - Aciu. Cléber Ramos é o relator; Franco Cartafina (PRB) é o vogal, e Luiz Dutra é o suplente.
As demais comissões ficaram assim constituídas:
Comissão de Orçamento e Finanças
Presidente: Samuel Pereira (PR) 
Relator: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Vogal: Marcelo Machado (DEM)
Suplente: Afrânio Cardoso (PP)
Comissão de Ética e Decoro Parlamentar
Presidente: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Relator: Samuel Pereira (PR)       
Vogal: Samir Cecílio (PR)
Suplente: Marcelo Machado (DEM) 
Comissão de Educação e Cultura
Presidente: Kaká Carneiro (PSL)
Relator: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Vogal: Marcelo Machado (DEM)
Suplente: Franco Cartafina (PRB)
Comissão de Desenvolvimento Social
Presidente: Paulo César Soares (PSL)
Relator: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Vogal: Edmilson de Paula (PRTB)
Suplente: Samuel Pereira (PR)
Comissão de Infraestrutura
Presidente: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Relator: Afrânio Cardoso (PP)
Vogal: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Suplente: Kaká Carneiro (PSL) 
Comissão de Direitos Humanos, do Idoso e da Mulher
Presidente: Afrânio Cardoso (PP)
Relator: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Vogal: Kaká Carneiro (PSL)
Suplente: Ismar Marão (PSB)
Comissão de Defesa do Consumidor
Presidente: Edmilson de Paula (PRTB)
Relator: Samuel Pereira (PR)
Vogal: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Suplente: Afrânio Cardoso (PP)
Comissão de Fiscalização Alimentar e Nutricional
Presidente: Afrânio Cardoso (PP)
Relator: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Vogal: Ismar Marão (PSB)
Suplente: Kaká Carneiro (PSL)
Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Agronegócio
Presidente: Franco Cartafina (PRB)
Relator: Marcelo Borjão (DEM)
Vogal: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Suplente: Kaká Carneiro (PSL)
Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável
Presidente: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Relator: Kaká Carneiro (PSL)
Vogal: Samir Cecílio (PR)
Suplente: Afrânio Cardoso (PP)
Comissão de Direitos da Criança e do Adolescente
Presidente: Afrânio Cardoso (PP)
Relator: Franco Cartafina (PRB)
Vogal: Edmilson de Paula (PRTB)
Suplente: Marcelo Machado (DEM)
Comissão de Micro e Pequenas Empresas
Presidente: Samuel Pereira (PR)
Relator: Samir Cecílio (PR)
Vogal: Luiz Humberto Dutra (PDT)
Suplente: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Comissão de Participação Popular
Presidente: João Gilberto Ripposati (PSDB)
Relator: Afrânio Cardoso (PP)
Vogal: Samuel Pereira (PR)
Suplente: Ismar Marão (PSB)
--------------
SITUAÇÃO DE RISCO --- Casamento comunitário reuniu cerca de 100 casais, amigos
e familiares no Cine Vera Cruz em 2012    (Foto: Enerson Cleiton)
Após sediar dezenas de eventos sem alvará do Corpo de Bombeiros, Cine Teatro Municipal Vera Cruz é fechado para adequações
Acidente de Santa Maria 
expõe “jeitinho” Brasil afora
Tragédia ocorrida em Santa Maria – cidade do Rio Grande do Sul, universitária, de porte médio com cerca de 270 mil habitantes, e influência regional, e portanto similar a Uberaba, expõe o famoso “jeitinho brasileiro” de se jogar os problemas, erros, denúncias pra debaixo do tapete. Um incêndio na noite de 26 para 27 de janeiro (de sábado para domingo) na boate Kiss, deixou pelo menos 237 mortos e mais de 100 feridos, e é considerado a segunda maior tragédia do tipo no Brasil.
O JEITINHO --- Entre as várias revelações surgidas a partir do acidente de Santa Maria, está uma, em especial: que existem leis rigorosas no Brasil quanto a espaços que reúnem grande público, mas que elas simplesmente não são cumpridas. Que o diga a situação do Cine Teatro Municipal Vera Cruz, em Uberaba, que já tinha levado bomba do Corpo de Bombeiros por não ter prevenção adequada contra incêndio e pânico; não possuir hidrantes, além de apresentar problemas na iluminação e nos aparelhos de ar condicionado.
OS RISCOS --- Em junho de 2012, a Fundação Cultural de Uberaba chegou a pedir ao Corpo de Bombeiros que fosse liberada de instalar os hidrantes, alegando que havia água suficiente na rede para atender eventual demanda. O pedido foi indeferido e tudo continuou como dantes. Eventos atrás de eventos reuniram ali, só no ano passado, crianças, adolescentes, idosos, adultos, seja em atividades escolares, seja em casamento comunitário, seja em apresentações artísticas, além de seminários, congressos, entre outros.
IMPACTO --- Bastou uma rápida verificação pelo atual comando da Fundação Cultural de Uberaba para se constatar que o Cine Teatro Municipal Vera Cruz não tem a menor condição de continuar funcionando. A presidente Sumayra Oliveira  determinou a “interdição”, com aval do prefeito Paulo Piau (PMDB).
AS REAÇÕES --- E no pós-Santa Maria, o Congresso Nacional agora fala em ampliar os rigores da lei; prefeituras, bombeiros, Ministério Público tomam atitudes para apertar o cerco contra o “jeitinho”, e portanto, contra qualquer tipo de tolerância em relação a estabelecimentos que reúnem grande público; e todo mundo comemora a prisão (e responsabilização) dos dois donos da boate Kiss e dois membros da banda Gurizada Fandangueira, que tocava em uma festa universitária no local, com uso de fogos de artifício.

TOLERÂNCIA ZERO --- Comissão reúne autoridades e empresários de eventos para definir
detalhes da fiscalização "sem dó nem piedade" e sem o "jeitinho"   (Foto: Enerson Cleiton)
Uberaba se mobiliza
E em Uberaba a Comissão de Monitoramento da Violência em Eventos Esportivos e Culturais – Comoveec, se movimenta. Fez reunião com a presença de representantes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Rodoviária Federal, Ministério Público, e outras autoridades, para definir fiscalização rigorosa em casas noturnas, boates e bares de Uberaba.
TOLERÂNCIA ZERO ---Vamos verificar se os empresários estão respeitando as legislações federais, estaduais e municipais. Inclusive, a equipe terá autonomia para propor as ações que julgarem necessárias para garantir a segurança dos uberabenses nesses lugares”, afirmou o jornalista Wellington Cardoso Ramos, secretário de Governo e coordenador da Comoveec. A palavra de ordem, segundo ele, é tolerância zero.
QUÓRUM --- Muitos proprietários de casas noturnas, bares, restaurantes, promotores de eventos e prestadores de serviços também participaram da reunião – além de vereadores, entre eles, Kaká Carneiro (PSL), que já no dia do acidente de Santa Maria, saiu a campo pedindo providências em Uberaba.
---------------------
O 14º SALÁRIO
BOA NOTÍCIA --- Os professores da rede municipal receberam, esta semana, a informação de que já está tudo certo para a liberação dos recursos do 14º salário – pago aos que não têm faltas ao longo do ano letivo e utilizam os laboratórios de informática com os alunos.
Gratificação de Incentivo à Assiduidade e ao uso das Tecnologias da Informação – Giati, que ficou conhecida como 14º salário, vai beneficiar cerca de 1.500 profissionais: educadores infantis e professores P1 e P2, e o investimento ficará em torno de R$ 1,5 milhão. 
PÉSSIMA NOTÍCIA ---- De acordo com o próprio prefeito Paulo Piau, por falta de recursos empenhados na administração passada, não é possível utilizar recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb, para o pagamento. E assim, lascou a bomba: os professores vão receber em três parcelas, incorporadas aos salários de fevereiro, março e abril.
-----------------
APAGÃO REGIONAL --- Consumidores da Companhia Energética de Minas Gerais - Cemig, de várias cidades do pontal do Triângulo, ficaram horas na escuridão, dia 28 de janeiro. Foi uma gritaria só, ao mesmo tempo, na rede social: Campina Verde, Prata, Iturama...
APAGÃO
(O outro lado)
Em nota oficial, a Cemig, explica que a queda de energia ocorrida dia 28 de janeiro em cidades do pontal do Triângulo Mineiro foi provocada por descarga atmosférica e teve restabelecimento às 22h47, e, portanto, apenas 15 minutos após a queda. O retorno da luz aconteceu - segundo a Cemig, através do sistema de automação e telecontrole da subestação de Avatinguara.
----------------------
(Ilustração: tvconde.com)

CONTINUA TUCANO ---- Apesar do anúncio barulhento de desfiliação do PSDB - para apoiar a candidatura de Paulo Piau no 2º turno, o atual secretário de Saúde e ex-candidato a prefeito, Fahim Sawan, continua membro ativo e delegado do diretório do PSDB/Uberaba. Pra confirmar, é só checar a certidão partidária no Tribunal Superior Eleitoral - TSE.

A BANCADA --- E apesar de toda encrenca que rendeu - dizem que até mudança de paróquia, o padre José Lourenço da Silva Júnior, padre Júnior, continua membro ativo do diretório do PSL/Uberaba. E não é só isso: permanece como líder da bancada. Antes, não tinha bancada, e passadas as eleições de 2012, o PSL soma uma bancada de três vereadores. E o padre Júnior não está entre eles.

OS IRMÃOS --- E a certidão partidária do TSE indica que o ex-vereador José Severino continua líder da bancada do PT. Ocorre que a bancada deixou de existir, já que a legenda não conseguiu cadeira na Câmara Municipal. E ainda: Léo Ismar, que renunciou ao cargo de vice-presidente, permanece lá, enquanto o substituto Sebastião Severino – irmão de José Severino, continua fora.

PSIU! ---  Já o PMDB do prefeito Paulo Piau e presidido por Eduardo Palmério anda caladinho... caladinho. 1 - Deve estar descansando da agitadérrima campanha eleitoral. 2 - Ainda não se adaptou à condição de comissão executiva provisória. 3 - Quanto mais calado, menos chama a atenção dos que torcem pela eleição de um diretório para se candidatarem aos cargos.

A QUANTAS ANDAM OS PARTIDOS POLÍTICOS
Dos 30 partidos políticos existentes em Uberaba, apenas o PRTB do vereador novato Edmilson Ferreira continua sem comando. A legenda foi presidida por Glauco Braz até 15 de dezembro de 2012, e desde então, não houve publicação de nova executiva provisória ou eleição de diretório municipal.
PROVISÓRIAS NOMEADAS
Além do PPS, outras 21 legendas de Uberaba são gerenciadas por comissões provisórias nomeadas: o PMDB do prefeito Paulo Piau; o PR do vice-prefeito Almir Silva; PCB; PDT; PHS; PMN; PP; PPR; PL; PRB; PRP; PSB; PSC; PSD; PSDC; PSOL; PTB; PTdoB; PTN; PV; PPL.
DIRETÓRIOS ELEITOS
Sete partidos possuem diretório eleito pelos filiados: PCdoB; DEM; PSDB; PSL; PSTU; PT; PTC.
---------------

PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR  
Se o Cine Teatro Vera Cruz estava funcionando sem as condições de segurança exigidas, a quantas andam os espaços famosos de Uberaba, que estão sempre realizando grandes eventos?


REDUNDÂNCIA
Todo mundo já sabe, já leu, já escreveu... Mas, vamos repetir: baixaram o preço da luz (ainda vamos conferir) e aumentaram o preço da gasolina. Seria cômico se não fosse trágico...


 -----------------
CLUBE DO BOLINHA
Com diretório barrado por falta de representação feminina, PPS indica executiva provisória só de homens
Edson Santana (Divulgação)
Após longo período sem comando, o Partido Popular Socialista – PPS/Uberaba, consegue o registro de uma Comissão Executiva Municipal Provisória, com vigência até junho de 2013.
SEM REPRESENTAÇÃO FEMININA
O odontólogo Alaor Carlos de Oliveira Júnior volta a ocupar a presidência, enquanto Sérgio Inácio fica com a secretaria e Alaércio da Silva com a tesouraria. A executiva tem ainda dois membros: Geraldo Alves e Antônio Cirilo – que foi candidato a vice-prefeito na chapa pura, encabeçada pelo jornalista Edson Santana.
BARRADOS NO BAILE
O PPS chegou a eleger um diretório municipal no ano passado, mas não conseguiu registrar o comando porque não preencheu a cota exigida de mulheres. A composição do diretório – eleito pelos filiados, tem que destinar 1/3 das vagas para mulheres.
Na época, Alaor Carlos justificou que Uberaba não tem quadros do sexo feminino com militância e ou disposição para fazer parte do diretório.
Desta forma, a documentação com o resultado chegou a ser enviada a Belo Horizonte, mas por causa da irregularidade, não passou pelo pente-fino da assessoria jurídica da direção estadual do partido, que já previa que o grupo seria barrado na Justiça Eleitoral.
PROVISÓRIA
Optou-se assim, por manter a Comissão Executiva Provisória antiga, cujo mandato venceu dia 1º de dezembro. Desde então, a legenda permanecia acéfala na cidade.
--------------

PELA LIBERTAÇÃO DOS MOTORISTAS
O modelito bem que serve para ilustrar a matéria do colega jornalista Sandro Neves, publicada dias atrás, no Jornal de Uberaba, mostrando que a tração animal (através de carroças) está disputando espaços com veículos automotores no trânsito da cidade, para desespero dos motoristas.
PELA LIBERTAÇÃO DOS CAVALOS!
A foto da carrocinha/bicicleta foi postada pelo professor do Colégio Rubem Alves - Alexandre de Miranda, no mural do prefeito Paulo Piau, no Facebook, sugerindo sua utilização em Uberaba. Ideia original é de um site voltado para a defesa dos animais (Vegetariano) e objetiva justamente acabar com as carroças puxadas por cavalos.
 -------------------
SE LIGA!
Enquanto os demais vereadores contam com a TV Câmara (hoje Canal 5) e futura TV Digital (Canal 61) para os contatos imediatos com o eleitorado, o novato Kaká Carneiro (PSL) terá seu espaço exclusivo. A partir do dia 24 de fevereiro, ele volta a comandar o programa Kaká Se Liga - que o tornou popular e lhe rendeu, sem dúvida, uma boa parte da votação obtida em 2012.

INCOMPARÁVEL!
Venhamos e convenhamos: não tem valor de dívida que seja tão chocante quanto o assunto que ganhou certo destaque esta semana. A dívida que dizem estar na ordem de mais de R$ 70 milhões é fichinha perto do fechamento (interdição) do Cine Teatro Municipal Vera Cruz por falta de alvará de funcionamento e por falta de segurança. Afinal de contas, o local foi palco de inúmeros eventos no ano passado, sempre lotadíssimo de crianças e adolescentes (alunos das escolas da cidade). 

OLHA O PERIGO!
Prefeitura de Uberaba está dobrando o horário de trabalho de 21 médicos e um psiquiatra. De um lado, é compreensível que se queira resolver o problema da defasagem dos profissionais da saúde, que andam fugindo do serviço público. De outro, porém, é preciso avaliar até que ponto vale a pena correr um risco deste tamanho. Afinal, médicos lidam com vidas... e médicos com sono, cansados, sem o equilíbrio físico e mental necessários, podem render mais problemas, em vez de saúde.

ATENÇÃO, PROFESSORES!
Professores estaduais de Minas Gerais tiveram um pequeno reajuste salarial em janeiro – cerca de R$ 147,00. O valor está no item “Vantagem Temporária”, mas como muita gente não lê contracheque, e o valor não é lá estas coisas, está simplesmente passando batido. Alerta é de uma professora que diz que foi alertada por um colega que, por sua vez, foi alertado por uma amiga...

BAFAFÁ --- Ex-assessor da campanha do prefeito Paulo Piau diz que vai surgir, nas redes sociais, a qualquer momento, uma campanha contra nomeações de pessoas que apoiaram o adversário do 2º turno, deputado estadual Antônio Lerin (PSB). Neste caso, até nomes de nomeados são enumerados pelo queixoso. “Tem muita gente revoltada porque não foi convidada, enquanto inimigos estão assumindo cargos, principalmente na Saúde” – diz ele.
---------------
MERCADO EM ALTA
É praticamente certo – segundo um antenado jornalista, que a Câmara de Uberaba vai abrir 14 vagas para os colegas. Na estruturação dos gabinetes deve ser incluído o cargo de assessor de imprensa. A decisão não implica mudança no que se refere ao Departamento de Comunicação da Casa – cujo diretor ainda não foi anunciado.
REFORMA
A mudança – de acordo com a fonte, deve acontecer durante a reforma administrativa que vem por aí, na Câmara. Atualmente, o vereador tem direito a contratar 13 assessores, sendo que duas vagas são destinadas à assessoria jurídica (advogado) e à chefia de gabinete. Cada vereador tem uma verba no valor de R$ 21,461 mil/mês para aplicar na contratação de assessores parlamentares. Por enquanto, a Câmara pode ter até 182 assessores parlamentares, que, juntos, somam algo em torno de R$ 300,4 mil/mês. 
IMAGEM
Dizem até que a reivindicação generalizada entre os vereadores e a concordância da mesa diretora teriam tudo a ver com o fato de dois novatos não terem perdido tempo. Edcarlo Carneiro - Kaká Carneiro, do PSL, e Franco Cartafina, do PRB, já trataram de contratar assessorias de comunicação.
---------------
FORÇA EXTRA --- Novo presidente do PR/Uberaba, odontólogo Eduardo Borges Neiva Ferro, que substituiu o deputado federal Aelton Freitas no cargo, articula a contratação da coordenadora da Sociedade Uberabense de Proteção ao Animal - Supra, Denise Max, pelo governo Paulo Piau. Amigas da 1ª suplente da coligação “Uberaba No Rumo Certo” anunciam que, com apoio de Eduardo Ferro, Denise deve assumir a futura Superintendência de Defesa dos Animais a ser criada na Secretaria de Infraestrutura.
PROMESSA --- O próprio Paulo Piau já havia prometido um cargo em defesa dos animais para Denise Max. Compromisso aconteceu durante o anúncio de seu secretariado, no início de janeiro, quando o prefeito foi cobrado pelas aliadas da Supra – que, por sinal, compareceram ao evento vestidas a caráter - com camiseta alusiva à entidade.
--------------------
ELEIÇÕES 2014
Anúncio do governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), de que o deputado federal Zé Silva (PDT) vai assumir, quarta-feira, 6 de fevereiro, o comando da Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego, envolve um rearranjo político com vistas às eleições de 2014, e portanto, ao projeto de levar o senador mineiro Aécio Neves (PSDB) à presidência da República. E deve desaguar em Uberaba.
PRIMEIRA MÃO --- Nomes de uberabenses andam circulando nos bastidores da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, como eventuais futuros integrantes do governo. Não necessariamente em cargos de primeiro escalão, mas, com certeza, em funções políticas estratégicas. As bases que andaram um tanto quanto desunidas nas eleições municipais, serão valorizadas. Senador presidenciável e governador aliado têm Uberaba como um potencial que não pode e não deve ser perdido por aí.
-------------
SEM ALARDES --- E por falar em Zé Silva, ele anunciou em seu mural, no Facebook, que acompanhou o prefeito Paulo Piau, dias atrás, em visita à sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, em Brasília. Eles articulam a conquista de uma unidade da Embrapa para Uberaba. O agora quase secretário de Estado disse que as negociações estão avançadas. Paulo Piau não comentou o assunto.
 ---------------
CIRCO DO POVO ---- Presidente da Fundação Cultural de Uberaba, Sumayra Oliveira, anuncia a desativação do Circo do Povo - sem dúvida alguma, um dos projetos mais interessantes surgidos em Uberaba, e que, ao ser criado na década de 1980, serviu de modelo para todo o país. Entretanto, ela tranquila os apaixonados pelo Circo do Povo, garantindo que é só uma questão de tempo.
A VOLTA ---- Segundo Sumayra, o local ficará apenas “adormecido”, já que voltará a funcionar em data ainda a ser definida, e em parceria com o governo federal.
A situação do circo é lamentável; está no meio do mato, tomado pela sujeira que está estragando os equipamentos, sem atividades programadas, e por isso vamos desmontá-lo para algumas adequações” – diz ela.
 ---------------
José Renato Gomes  (Fofo: Divulgação)
EXPORTAÇÃO --- Uberaba terá o que comemorar se se concretizar realmente o que tem sido ventilado por aí sobre uma eventual parceria entre o governo municipal e a Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba – Aciu, com vistas a tirar a Zona de Processamento de Exportação do papel. Em vez de emplacar o presidente num cargo na prefeitura – como já aconteceu antes, a Aciu estaria verdadeiramente trabalhando pela classe que representa, e pela cidade de um modo geral.
DESERTA --- Reuniões entre o prefeito Paulo Piau, o titular da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, José Renato Gomes, e o novo presidente da Aciu, Manoel Rodrigues Neto, foram divulgadas pela assessoria do governo municipal como base para negociações em torno da ZPE. A concorrência pública aberta pelo governo passado não atraiu nenhuma empresa ou consórcio que se dispusesse a construir e administrar a ZPE.
NA PRÁTICA --- A ZPE de Uberaba foi aprovada em março de 2012 pelo Conselho Nacional das Zonas de Processamento de Exportação – CZPE, e poucos meses depois, foi confirmada em decreto da presidente Dilma Rousseff. A Aciu – com toda razão, estaria aguardando mais detalhes do projeto para se envolver de forma direta. Afinal, só a primeira fase foi orçada em R$ 10 milhões. Próxima reunião entre todos os interessados deve acontecer com o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel (PT).
NA TEORIA ---- As ZPE´s são distritos industriais incentivados, onde as empresas operam com suspensão de impostos – federais, estaduais e municipais, liberdade cambial (podem manter no exterior, permanentemente, as divisas obtidas nas exportações) e procedimentos simplificados - com a condição de destinarem pelo menos 80% de sua produção ao mercado externo. 
PRODUTOS ---- Além de carnes e da produção de óleo de soja, expectativa do governo federal é de atrair, no caso de Uberaba, investimentos das áreas sucroalcooleira, couro, produtos lácteos, moveleira, químicos e cosméticos. Os últimos indicativos oficiais são de 2010 e dizem que as principais exportações de Uberaba, naquele ano, foram para o Iraque, Egito, Argentina, México e China.
--------------------
SE NÃO TEVE, TERÁ
Cemig nega reajuste denunciado por uberabense, e anuncia aumento na conta de luz para abril
Companhia Energética de Minas Gerais contesta entrevista de consumidora, publicada pelo Jornal de Uberaba na edição de quinta-feira, 31 de janeiro, se queixando de que sua conta teve reajuste de cerca de 24% entre dezembro/janeiro. A consumidora disse que no período do reajuste, duas pessoas estavam viajando, permanecendo apenas outras duas em casa. E mais: não havia crianças de férias, na residência. E ainda: que o medidor de sua casa fica do lado externo, sem qualquer empecilho para leitura.
CÁLCULOS --- Após fazer os cálculos, ela conclui que, mesmo com a redução prevista para a energia elétrica, a Cemig terá lucrado quase 6% no que foi aumentado. “É uma redução de 18,14% contra um aumento de 24%” – reforçou a consumidora.

DENÚNCIA
(O outro lado)
Não houve aumento da tarifa de energia cobrada pela empresa, em janeiro” – afirma a nota oficial enviada pela Superintendência de Comunicação Empresarial. Em trecho seguinte, a nota faz uma revelação. Diz que a alteração de tarifa ocorre, todos os anos, em abril, data base fixada pela Agência Nacional de Energia Elétrica - Aneel.
ALEGAÇÕES --- Sobre a reclamação da consumidora, a Cemig diz ainda, que a conta que vence em fevereiro, muitas vezes, pode sofrer alteração, uma vez que janeiro – mês base da leitura, é um período ao qual as crianças estão de férias e passam mais tempo em casa.
A leitura desse mês abrange o período do Natal e Ano Novo, festas que podem gerar uma variação no consumo final da residência” – afirma a nota.
ALEGAÇÕES 2 --- Afirma a nota que, como dezembro/janeiro é um período em que muitas pessoas estão viajando, o leiturista pode não ter acesso aos medidores, fazendo com que a conta seja calculada por uma média dos meses anteriores.
ATENDIMENTO --- A nota da Cemig orienta os clientes a entrarem em contato com a empresa quando desejarem contestar o valor da fatura, “o que parece ser o caso da leitora citada na matéria”. O contato, segundo a Cemig, deve ser feito por meio do número 116, que funciona 24 horas por dia, ou ir a uma agência de atendimento.

A REDUÇÃO
Cemig confirma redução na conta, mas afirma que novo valor só será notado em março
Ao contrário do que tem anunciado o Ministério de Minas e Energia, a variação decorrente da revisão tarifária promovida pelo governo federal não será sentida em fevereiro, mas sim, em março. Pelo menos no que se refere à redução de 18,14% prevista para as contas da Cemig, esta é a data em que o consumidor vai perceber a queda no valor.
A DATA --- A partir de março, todos os consumidores receberão a contas com as novas tarifas – afirma a nota em que a Cemig contestou a consumidora que se queixou de aumento na conta de janeiro/fevereiro. A empresa confirma a redução de 18,14%.
A PROPOSTA --- Lembra que o governo Dilma Rousseff anunciou redução nas contas de energia elétrica para todos os consumidores de energia do país, e que a Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel, publicou as novas tarifas para as empresas de distribuição de energia elétrica.
AS LEITURAS ---De acordo com a Cemig, as contas novas só virão em março, “porque as datas de leituras das contas de energia são distribuídas ao longo do mês, de forma que, em fevereiro, os consumidores pagarão a parcela do consumo ocorrido antes de 24 de janeiro com a tarifa antiga e a outra parte do consumo, posterior à mesma data, com a tarifa nova.”
------------------
Vêm aí, as bandas Carnaval Brasileiro,  Taggolada e Nova Onda    (Divulgação)
A VIDA CONTINUA --- E a vida também é feita de folia. Aliás, na folia permite-se, inclusive, que se cante os dramas. Que o digam as marchinhas que vão abrilhantar o Carnaval de Rua 2013 de Uberaba.
ABALOS, SIM SENHOR! --- Em que pese estar abalada por uma crise provocada por um rombo de mais de meio milhão de reais, a Fundação Cultural de Uberaba promoveu alterações profundas na principal festa popular do Brasil. A festa saiu do CentroPark/Univerdecidade, e as escolas de samba ficam sem os recursos públicos que bancavam seus desfiles.
O ROTEIRO ---- Enquanto isso, a nova presidente, Sumayra Oliveira, tratou de buscar alternativas para a festa popular. E assim, chamado de Carnaval das Marchinhas, a folia oficial vai seguir o seguinte roteiro:
DIA 9/2/2013
SÁBADO
A partir das 20h, no Mercado Municipal, com Fausto Reis e a Banda Carnaval Brasileiro
DIA 10/2/2013
DOMINGO
A partir das 13h, matinês no Mercadão, com Fausto Reis e a Banda Carnaval Brasileiro – e ainda, nos Centros Municipais de Educação Infantil - Cemea´s Abadia, com a Banda Taggolada, e Boa Vista, com a Banda Nova Onda.
DIA 11/2/2013
SEGUNDA-FEIRA
A partir das 20h, no Mercado Municipal, com Flavinho e a Banda de Marchinha.
DIA 12/2/2013
TERÇA-FEIRA
A partir das 13h, matinês nos Cemea´s Abadia (Banda Tagolada) e Boa Vista
(Banda Nova Onda).

OS TURISTAS --- E por falar em Mercado Municipal, pra quem frequenta muito ou pouco, e pra quem nunca frequenta o local, vale revelar alguns números. Num único feriado, no ano passado, nada menos do que 16 ônibus de turistas passaram pelo centro de compras - e por pouco não "limparam" as prateleiras das lojas ali instaladas. Informações do governo municipal são de que, em períodos de feriado, as vendas crescem cerca de 45%, principalmente por causa dos turistas.
SUPERÁVIT --- O Mercado Municipal tem 52 boxes, todos eles ocupados, sendo que dois são usados pela administração do local. As lojas são, principalmente, de queijos e doces, artesanato, pastelarias, casa de carnes, cafeterias, peixaria, frutas e verduras, bijuterias, importados, papelarias e presentes. Os gastos com pessoal, água, luz, telefone e manutenção ficam em torno de R$ 120 mil. E acredite: o governo municipal fecha as contas do local com superávit. 
---------------
É GENTE QUE FAZ
É difícil dizer se ele é mais conhecido por ser o proprietário da quarentona Casa do Folclore ou pela paixão explícita pela catira...O importante é que Gilberto Rezende – que está completando 80 anos de vida bem vividos, usa sua propriedade particular para defender e preservar a cultura popular em suas várias facetas. A catira, é claro, se destaca.
ASSOCIAÇÃO --- E assim nasceu a Associação Cultural Casa do Folclore, com o propósito de estimular as tradições e contribuir para preservar a cultura através de iniciativas particulares e de projetos incentivados. O lançamento, em 21 de julho de 2012, foi por si só, uma festa histórica. Passaram por lá, os grupos de catira Borges, Teles, Tradição, Raízes, Paulo Cury e do Corpo de Bombeiros.
A PREFERIDA DO GILBERTO
Catira ou cateretê é uma dança do folclore brasileiro, em que o ritmo musical é marcado pela batida dos pés e mãos dos dançarinos. De origem híbrida, com influências indígenas, africanas e européias, a catira (ou "o catira") tem coreografia executada na maioria das vezes por homens (boiadeiros e lavradores) e pode ser formada por seis a dez componentes e mais uma dupla de violeiros, que tocam e cantam a moda.
É uma dança típica do interior do Brasil, principalmente na área de influência da cultura caipira (Mato Grosso, norte do Paraná, Minas Gerais, Goiás, interior de São Paulo e Mato Grosso do Sul). Atualmente as mulheres estão “invadindo” a catira.
------------------
APOIO PESO PESADO
Heloísa Piau (Foto: Enerson Cleiton)
Primeira-dama reforça reivindicação sindical por programas habitacionais 
Primeira-dama e colaboradora do governo, Heloísa Piau Nogueira, faz planos para atender ao funcionalismo municipal com programas sociais. Ela já se reuniu duas vezes com a diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Uberaba – SSPMU, para anunciar a orientação que recebeu do prefeito Paulo Piau, e revelar que as suas ações terão início pela casa própria.
MORADIAS ---Sei que um grande número de servidores integra uma lista de pedidos para serem beneficiados com projetos habitacionais, e estou me colocando à disposição do sindicato para viabilizarmos o máximo de solicitações possível” – disse ela aos sindicalistas. Heloísa Piau garantiu que vai reforçar as reivindicações junto à Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande – Cohagra, e já de imediato, com pedido para que a assessoria jurídica da companhia faça um levantamento de todos os servidores municipais que se encaixam nos programas, inclusive legalmente.
A LUTA --- É uma luta do sindicato desde o início de nossa primeira gestão” – afirma o presidente do SSPMU, Luís Carlos dos Santos. Sua diretoria foi reeleita no final do ano passado e acaba de ser empossada para um segundo mandato – 2013/2016, e entre as reivindicações da primeira pauta da nova gestão está o pedido de um programa habitacional que beneficie a categoria.
TRISTE LEMBRANÇA --- Luís Carlos lembra que, mais de 3.500 servidores da Prefeitura de Uberaba recebem salário base menos que o mínimo nacional. “Esta é a consequência de uma política salarial que foi reprimindo, cada vez mais, os vencimentos dos servidores, e enquanto não resolvemos esta questão, um programa de moradias é muito bem-vindo” – afirma o sindicalista.
A PAUTA --- A pauta tem 29 reivindicações, entre elas, a recomposição salarial de 17%; aumento real de 12,5%; data-base em janeiro; reajuste no tíquete-alimentação e a expansão do benefício para os aposentados; a expansão do plano de saúde para os familiares de 1º grau.
---------------------
Sebastião Santos flagra o momento em que Paulo Piau cumprimenta 
Luís Carlos pela posse no SSPMU
Prefeito e vice-presidente da Câmara marcaram presença na posse sindical
Ao tomar posse no segundo mandato (2013/2016), o pedagogo e técnico em segurança do trabalho, Luís Carlos dos Santos, ressaltou a importância dos servidores municipais para o desenvolvimento humano, social e econômico de Uberaba, e lamentou que a categoria nem sempre seja compreendida como merece.
DIFICULDADES --- O presidente do SSPMU disse que a gestão anterior foi marcada por lutas inglórias, com um governo que não tinha a menor sensibilidade, o menor respeito e o menor reconhecimento em relação aos servidores. Reconheceu que a Câmara de Vereadores – além de outras lideranças políticas e da própria comunidade, apoiaram a luta do sindicato, que arrancou, na marra, alguns benefícios.
O FUTURO ---Mas não queremos viver do passado” – disse Luís Carlos. “Fomos reeleitos para conquistarmos um presente e um futuro melhores para os servidores municipais de Uberaba” – afirmou ele.
RECIPROCIDADE --- Sob olhares e ouvidos atentos do prefeito Paulo Piau e do 1º secretário da Câmara, Franco Cartafina - que representou o presidente Elmar Goulart, o dirigente do SSPMU concluiu o pronunciamento: “Queremos uma convivência saudável com o governo municipal, mas esta convivência precisa ter reciprocidade.”
----------------------
Paulo Piau recebe João Ripposati  (Divulgação)
UFA!
Cricri nas questões do meio ambiente, vereador pela quarta vez, e líder comunitário no bairro Alfredo Freire, o vereador João Gilberto Ripposati (PSDB) pediu audiência com o prefeito Paulo Piau...E assim, os dois sentaram frente a frente, quando para susto de Piau, o vereador arrancou da maleta um papel quilométrico, com os seguintes pedidos:
*Limpeza geral nas áreas públicas (áreas edificadas e não edificadas)
*Mutirão de limpeza no Alfredo Freire
*Melhoria na Feira Livre Alfredo Freire
*Revitalização do programa Plantando e Colhendo Saúde (Hortas Urbanas)
*Transformação dos Cemei´s em escolas de tempo integral e ensino fundamental
*Ocupação de salas/Escola Estadual Henrique Kruger (parceria com o Estado)
*Ampliação nos horários de atendimento e revisão no convênio com a Universidade de Uberaba na Unidade Matricial de Saúde George Chiree Jardim (Alfredo Freire)
*Agilizar procedimentos para a implantação de iluminação pública na avenida que liga o Alfredo Freire/Beija-Flor e construção de calçadas
*Agilizar ações junto ao Dnit para a implantação de iluminação pública na BR-050 (Chico Xavier), trecho entre o Conjunto Volta Grande até á Casa do Folclore
*Reabertura das inscrições do programa Minha Casa Minha Vida
*Instalação de Casa lotérica /Caixa Econômica Federal, Correios/ Banco do Brasil no bairro Alfredo Freire e região; no Beija-Flor e região; no Copacabana e região, e no Tutunas e região
*Escola Sítio Pica Pau Amarelo no Serra Dourada (agilizar procedimentos para construção da sede própria)
*Extensão da avenida José Solé Filho ao Distrito Industrial I e à Univerdecidade/centro. 
*Revisão na estrutura dos ecopontos
*Situação caçambas (preços altos)
*Acabar com lixões em vários pontos da cidade
*Adequação dos viadutos e trechos alças BR´s 050/262 (Beija-Flor, Alfredo Freire, Jockey Park)
*AISP- Unidade Policial no Beija-Flor / Copacabana/ Parque dos Girassóis
*Unidade dos Correios/ Banco do Brasil nos bairros Copacabana e Parque dos Girassóis
Ampliação de escolas Beija-Flor e região Cemei (Morumbi, Beija-Flor, Nova Era)
*Reservatório de água/ poço artesiano profundo (Beija-Flor e região, Copacabana e região)
----------------
FORÇA RURAL
Comunidade rural da Baixa terá ensino médio (antigo colegial). Benefício está sendo concretizado através de termo de cooperação mútua entre os governos estadual e municipal – revela a titular da Secretaria de Educação e Cultural de Uberaba, Silvana Elias. Segundo ela, a Baixa tem uma das melhores escolas rurais, com infraestrutura perfeita, e portanto, preparada para assumir esta novidade.

FORÇA UNIVERSITÁRIA
Para quem ainda não se inscreveu no vestibular agendado da Universidade de Uberaba -Uniube, ainda há tempo de fazer a inscrição exclusivamente pela internet. O candidato deverá preencher corretamente o formulário que está no site  www.uniube.br.
Os interessados podem escolher datas para a prova até o dia 7 de fevereiro, e fazer a inscrição até 24 horas antes da data de realização do exame. Postos de apoio funcionam na Uniube/Campus Aeroporto, Quiosque Uniube, no Shopping Uberaba e Uniube–Uberlândia/Campus Rondon.
---------------------
CURIOSIDADE HISTÓRICA
QUASE 65 ANOS ---- Localizado na rua São Benedito, e construído sob a orientação dos engenheiros James de Barros e Nicácio Pedro Gonçalves Vidal, o prédio que abriga o Cine Teatro Municipal Vera Cruz foi aberto ao público em junho de 1948 (foto 1), através da Companhia Cinematográfica São Luiz, presidida na época por Orlando Rodrigues da Cunha. 
O filme exibido naquela sexta-feira, em sistema tecnocolor (alta tecnologia para aqueles tempos) era Festa Brava, estrelado por Esther Willians e Ricardo Montalban. Em 2006 o pioneiro em tecnologia cinematográfica da cidade foi tombado pelo Conselho do Patrimônio Histórico e Artístico de Uberaba, e em julho do mesmo ano, foi adquirido pela Prefeitura. Com capacidade para receber 1.000 pessoas, o Cine Teatro Municipal Vera Cruz recebeu um grande investimento em sua reforma e modernização do prédio (foto 2). As fotos são do acervo da Fundação Cultural de Uberaba.
-----------------------








Nenhum comentário:

Postar um comentário