31 de maio de 2013

CONTA-GOTAS...Notícias

ARTICULAÇÕES
Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba – Codau, requereu à 
Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo e ao Conselho Municipal de Meio Ambiente, 
as licenças ambientais – na modalidade licença prévia e de instalação, para a 
transposição de águas entre bacias, destinada ao abastecimento público de Uberaba.
Rio Claro - A vedete do momento     (Foto: Divulgação)
Desafogando o Rio Uberaba
JÁ COM R$ 53 MILHÕES ASSEGURADOS NO PAC 2, CODAU ANUNCIA OBRAS PARA CAPTAR ÁGUA NO RIO CLARO
Instituto Mineiro de Gestão das Águas – Igam, liberou em definitivo, a outorga para Uberaba captar água no Rio Claro. E para cumprir a promessa de campanha - de que amenizaria os problemas de abastecimento na cidade, o prefeito Paulo Piau (PMDB) já tem a garantia de recursos na ordem de R$ 53 milhões, dinheiro conseguido a fundo perdido junto à União. Detalhe: o documento que liberou a captação já está em poder da Prefeitura de Uberaba e deve ser publicado a qualquer momento, no Diário Oficial de Minas Gerais.
O DINHEIRO --- Os recursos para as obras no Rio Claro estão assegurados no Programa de Aceleração do Crescimento 2 – o PAC/2, através do Orçamento da União. Além disso, Uberaba havia assegurado recursos no PAC/1 para a reforma das duas Estações de Tratamento de Água – ETAS, já existentes, e para construção da terceira ETA. 
A OBRA --- O dinheiro a fundo perdido – e portanto, sem ônus para o município, será usado na instalação de uma estação de captação de água bruta no Rio Claro, a 37 metros abaixo da nascente, e passando a cinco quilômetros da bacia hidrográfica do Rio Uberaba no local chamado Águas Emendadas. A estação terá uma altitude de 914,70 metros, com vazão de 800 litros por segundo, que vai acontecer através de uma adutora de ferro fundido com diâmetro de 800 mm; um comprimento de 35,5Km e declividade de 0,3%.
A OUTORGA --- Em 2011, o Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba – Codau, pediu a renovação da outorga do Rio Claro, para uma vazão de 800 litros por segundo, mas o processo esbarrou em conflitos envolvendo o governo do Estado e usuários que se sentiam prejudicados. 
O DIÁLOGO ---Foi a vitória do diálogo” – avalia o prefeito Paulo Piau, lembrando que os conflitos foram resolvidos graças ao interesse do governo estadual em viabilizar soluções através de acordos com os irrigantes. Vale ressaltar que os governos estadual e municipal se reaproximaram, agora em 2103, após vários anos de afastamento político. Paulo Piau e o governador Antonio Anastasia (PSDB) – apesar dos partidos adversários, retomaram o diálogo.
O presidente do Codau, Luiz Guaritá Neto, explica, por sua vez, que a implantação definitiva da captação e os  projetos de reservação, vão ampliar a capacidade de fornecimento de água e deverá resolver o problema de Uberaba para os próximos anos.

HISTÓRICO DA CAPTAÇÃO NO RIO CLARO
*2003 – O então prefeito Marcos Montes – hoje deputado federal pelo PSD, conseguiu apoio do governo do Estado para buscar água no Rio Claro. Portaria 861/2003 autorizou o município de Uberaba/Codau a captar 540 litros por segundo nos meses de setembro a novembro.
*2007 – Governo Anderson Adauto pediu a renovação da outorga, e o município foi autorizado pelo Igam a captar 800 litros por segundo, no Rio Claro, para o abastecimento público (Portaria nº 1592/2007). A autorização foi condicionada ao fato de o Rio Uberaba ter se tornado insuficiente para abastecer o município.
*2011 – No segundo mandato de Anderson Adauto teve início novo processo de pedido de renovação da outorga do Rio Claro de 800 litros por segundo, mas que só foi concluído agora, no governo de Paulo Piau.
*Ações paralelas – Enquanto isso, Uberaba corria atrás de recursos para a construção de um sistema definitivo de captação de água do Rio Claro. O Banco Mundial financiou um estudo de alternativas de abastecimento, realizado pelo professor Mário Cicarelli, em 2005, que apontou, ao final, que o Rio Claro é a melhor alternativa para a região, por apresentar as melhores condições técnicas, sociais, ambientais, econômicas e de manutenção para, juntamente com o Rio Uberaba, responder à demanda crescente de água no município.
------------------
Tião Silva 
SETENTÃO – Amigos e seguidores do empresário Tião Silva estão no maior agito. É que ele faz aniversário dia 2 de junho. Cidadão da mais alta qualidade, Tião soma 70 anos de uma vida recheada de paixão por Uberaba, idealismo e lealdade aos companheiros. Desde sempre envolvido com as questões empresariais e políticas da cidade, Tião Silva criou a Roda de Fogo - que reúne amigos e aliados e outros apaixonados por Uberaba para colocar a conversa em dia.
-----------------
NA TELINHA --- Presença extraoficial de diretores da Companhia de Telefones do Brasil Central – CTBC, na Câmara de Uberaba, onde a empresa andava apanhando em plenário, foi considerada importante pelos vereadores, mas não vai impedir um convite para que a empresa se explique oficialmente. Afinal de contas, eles continuam recebendo queixas e mais queixas contra a prestação de serviços da CTBC, e querem que a companhia dê suas explicações em plenário, ou seja, através da TV Câmara.
DRIVE TEST --- Na ida extraoficial à Câmara, diretores da CTBC informaram que está sendo iniciado um trabalho de drive test na cidade. Objetivo – segundo eles, é monitorar a rede, coletar informações de campo, e analisar os dados obtidos, de forma a se tomar decisões técnicas que possam minimizar os problemas.

AVANÇOS --- Enquanto isso, a Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig, reforça a intenção de se aproximar dos uberabenses que não dão sossego por causa dos constantes piques de energia.  A empresa, que já tinha anunciado a realização de serviços no feriado de Corpus Christi, agora informa também, que até dia 2 de junho, a assessora Kenia Rodrigues estará à disposição para atender à imprensa de Uberaba, em caso de ocorrências no sistema elétrico.
--------------
Dia do Desafio  - Uberaba foi pura agitação
Uberaba vence o Dia do Desafio
Pela primeira vez participando do Dia do Desafio – evento organizado pelo Serviço Social do Comércio - Sesc, Uberaba venceu sua concorrente, a cidade de Macapá, capital do Amapá. De acordo com o secretário de Esporte e Lazer, Alan Carlos, 64.628 pessoas clicaram no site do Sesc, contra 16.071 de Macapá.
No período de 0h às 21h, toda atividade física contou pontos: aulas de educação física, treinos esportivos, jogos recreativos, caminhadas, corridas e demais atividades físicas afins.
Para que as atividades fossem válidas na contabilização dos pontos, as cidades tiveram que informar ao Sesc os detalhes dos eventos, revelando, inclusive, o número de participantes.
Uberaba foi a segunda colocada em Minas Gerais.
O Dia do Desafio – 29 de maio, mobilizou uma série de entidades de Uberaba na promoção de atividades físicas. Prefeito Paulo Piau e a primeira-dama Heloísa Nogueira participaram da agitação na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Apae.
O QUE É...
O Dia do Desafio foi criado no Canadá e é difundido mundialmente pela The Association For International Sport for All - Tafisa, entidade de promoção do esporte para todos, sediada na Alemanha.
É uma campanha de incentivo à prática regular de atividades físicas em benefício da saúde e acontece anualmente na última quarta-feira do mês de maio, por meio de ações comunitárias.
O Sesc coordena o evento no Continente Americano desde 2000.
O convite à atividade física se estende a todos, envolvendo o poder público de cada cidade, as instituições da sociedade civil, empresas, voluntários locais e os próprios participantes.
CLIQUE AQUI E VEJA AS FOTOS DOS AGITOS DE UBERABA:
------------------
PREFEITURA DE UBERABA LICITA MILIONÁRIA FOLHA DE PESSOAL
Para gerenciar a folha, o banco terá de pagar R$ 10,500 milhões para a Prefeitura
Após uma série de entreveros, incluindo recursos e anulações de editais anteriores, a Prefeitura de Uberaba abre nova concorrência entre instituições financeiras – públicas ou privadas, interessadas em gerenciar sua milionária folha de pagamento. Disputa será dia 13 de junho de 2013.
O banco vencedor terá, entre suas funções, o pagamento de subsídios e vencimentos aos servidores ativos, efetivos, comissionados e inativos da administração direta e indireta. Prazo de contrato é de 60 meses, e o valor inicial de referência é de R$ 10,500 milhões. Cadastramento das instituições acontece entre 9h e 9h30 do dia da licitação, e a entrega dos envelopes e disputa de lances estão programados para 9h30.
Edital deve ser adquirido no Departamento Central de Aquisições e Suprimentos, na avenida Dom Luis Maria Santana, 141, bairro Santa Marta, em meio magnético, mediante entrega de um CD-room, pen drive ou mediante solicitação por e-mail (licitacao.pmu@uberaba.mg.gov.br). Informações poderão ser obtidas, ainda, pelo telefone 3318-0938 e fac-símile 3318-0927.
A FOLHA --- Em março de 2013, a Prefeitura de Uberaba investiu R$ 18, 037 milhões na folha de pagamento, sendo R$ 13,614 milhões só de proventos.
Outros R$ 766,023 mil foram recolhidos para o Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Uberaba – Ipserv; e mais R$ 1,397 milhão para o Instituto Nacional de Seguridade Social – INSS. O total inclui também, R$ 2,030 milhões no tíquete-alimentação; e R$ 228,7 mil em vale-transporte.
-----------------
FALANDO ÀS PAREDES --- Apenas três vereadores compareceram em plenário, na Câmara de Uberaba, para a audiência pública em que o governo Paulo Piau fez a 1ª prestação de contas do quadrimestral de estreia – janeiro/abril 2013. Não se confirmou, portanto, a expectativa  de que o detalhamento e as explicações dos resultados iniciais de PP seriam uma atração especial. Se não tinha vereador, imagine então, público!
PRESENÇAS --- Estavam em plenário, o secretário da Fazenda, Wellington Fontes, que apresentou os números; o presidente e o relator da Comissão Permanente de Orçamento e Finanças na Câmara, vereadores Samuel Pereira (PR) e Luiz Dutra (PDT), e o vereador Edmilson de Paula (PRTB).
Motivo: Alternativa A – Desinteresse dos vereadores; Alternativa B – Falta de tempo; Alternativa C – Assunto chato; Alternativa D – Represália porque o atual governo ainda não liberou parte do duodécimo de 2012 para a Câmara; Alternativa E – Todas ou nenhuma das alternativas anteriores

Kaká Carneiro - Futuro presidente da Câmara
AUSÊNCIA
(Justificada)
Diante das críticas contra o plenário vazio, o presidente da Comissão Permanente de Educação e Cultura, vereador Kaká Carneiro (PSL), distribuiu nota de esclarecimento. Disse que não participou da audiência pública da prestação de contas do 1º quadrimestre do atual governo, porque a reunião foi convocada de última hora pela Prefeitura de Uberaba.
Segundo ele, o comunicado foi feito ao seu gabinete, por e-mail, na tarde do dia anterior. “Sou contra a convocação de uma audiência pública de tamanha relevância, de última hora” – afirma Kaká Carneiro, sugerindo que o governo evite este tipo de situação.
Sinal de alerta: Ele foi eleito futuro presidente da Câmara – para o mandato 2016.
------------------
CONTROLE SOCIAL
Câmara tira poderes do Conselho Municipal de Assistência Social
Seja através de telefonemas, de e-mails ou de comentários no mural da colunista no Facebook, pipocaram reações à notícia de que a Câmara de Uberaba aprovou projeto do vereador Samuel Pereira, tirando do Conselho Municipal de Assistência Social o direito de opinar sobre declarações de utilidade pública. A função passa a ser das comissões permanentes da Câmara. O autor da matéria disse que foi necessário alterar a lei “em razão da pouca eficiência dos conselhos ...”
Entre os que manifestaram sobre o assunto, destacam-se o conselheiro de Saúde, Jurandir Ferreira, e o conselheiro do Patrimônio Histórico, Gilberto Rezende. Vale lembrar que os dois conselhos e os dois conselheiros em questão possuem atuação intensa e conhecida.
DEFESA --- Empresário e promotor cultural Gilberto Rezende tratou de defender o Conselho do Patrimônio Histórico e Artístico. Afirmou que, desde a gestão de Valdir Dias, no governo de Anderson Adauto, e atualmente, sob a presidência de Marcos Bilharinho, no governo de Paulo Piau, o conselho tem cumprido com seus compromissos.
APURAÇÕES --- O sempre atento e exigente conselheiro de Saúde, Jurandir Ferreira, se disse preocupado com a informação, e afirmou que vai apurar o assunto mais profundamente. A priori, ele acredita que o Conselho de Assistência Social não reagiu ao projeto, por entender que a mudança não irá prejudicar a comunidade. “Vou verificar isso” – afirmou Jurandir.
REFLEXÕES
(Legislativo)
Jurandir Ferreira faz duas reflexões. Em relação à Câmara, diz que Uberaba tem um “Legislativo inteligente”, que – segundo ele, haverá de pedir pareceres a quem realmente entende e vive o dia-a-dia das entidades sociais. “Se não fizerem isso, os vereadores vão criar problemas para a sociedade e para eles próprios” – destaca o conselheiro de Saúde.
REFLEXÕES
(Executivo)
Quanto ao Executivo, Jurandir Ferreira diz que conversou com o vice-prefeito Almir Silva (PR), que ficou de levar ao prefeito Paulo Piau a proposta de se elaborar um planejamento para a atuação dos conselhos municipais e as relações entre os conselhos e o governo. “Descobri que grande parte do governo não sabe como funcionam os conselhos, e às vezes toma decisões absurdamente desrespeitosa ao controle social - não por vontade de transigir, mas por não conhecer a legislação e os direitos conquistados desde a promulgação da Constituição de 1988 e as leis subsequentes” – lamenta ele.
PALAVRA DE QUEM SABE --- Jurandir Ferreira faz questão de ressaltar que os direitos dos conselhos de cidadãos não foram “doados” por ninguém, mas sim, conquistados. E, de acordo com ele, o Executivo precisa conhecer os conselhos existentes em Uberaba e saber como estão sendo geridos. “Atuar no controle social não é para qualquer um; tem que dedicar muito, pois a legislação muda de um dia para outro, e é preciso acompanhar cada detalhe, para não tomar decisões equivocadas” – concluiu ele, se referindo tanto aos conselheiros quanto aos nomeados pelo governo para lidaram com os conselhos.

XÔ, TABACO!
Hospital Hélio Angotti – por motivos mais que óbvios, está mobilizado em torno do Dia Mundial Sem Tabaco – lembrado em 31 de maio. Em material jornalístico distribuído para a imprensa, o hospital do câncer de Uberaba lembra que seis milhões de pessoas morrem todos os anos, no mundo, por causa do cigarro. No Brasil, são 200.000 mortes.
ALERTA CONSTANTE --- Não é por acaso, portanto, que o presidente do Hospital Hélio Angotti, oncologista Délcio Scandiuzzi, defende que as campanhas contra o tabaco sejam constantes. “A nicotina é a substância que mais se prende ao cérebro da pessoa” - avalia ele. Detalhe: A página do hospital na Internet, seus perfis e sua fan page no Facebook, além de uploads no Flickr destacam as imagens da campanha criada especialmente para estes espaços de mídia. Confira: www.helioangotti.com.br.
-------------------
PALANQUE 2012 --- Esta semana foi a vez de a Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba – Aciu, receber o 3º vice-presidente da Assembleia Legislativa de Minas e ex-candidato a prefeito, Adelmo Leão (PT). Ele é o segundo político uberabense a passar pela entidade após as eleições de 2012. O 1º foi o deputado estadual e ex-candidato a prefeito, Antônio Lerin (PSB). Os diretores da Aciu querem saber o que os políticos planejam pra Uberaba, agora que desceram do palanque. Ou seja, agora que deveriam ter descido do palanque.

COMANDO VENCIDO
PSB/Uberaba está sem comando desde sábado, 25 de maio. Última Comissão Executiva Municipal Provisória era presidida por Irizon de Arantes, enquanto o secretário-geral era o médico Hélio Massa, que foi candidato a vice-prefeito na chapa liderada por Antônio Lerin. Agora é esperar pra ver o que vem por aí.
ARTICULAÇÕES --- Dos 28 partidos existentes oficialmente em Uberaba, agora seis estão sem comando: o PSB de Lerin; o PHS; o PSDC; o PTdoB; o PTN; e o PSDB, cujo diretório municipal venceu dia 31 de março, mas deve retomar o comando através de uma executiva provisória. O partido do presidenciável Aécio Neves passa por reformulações para enfrentar 2014.

MARCHA DAS VADIAS --- Entidades e cidadãs e cidadãos indignados com os números da violência contra a mulher se movimentam através das redes sociais em torno da realização da primeira Marcha das Vadias, em Uberaba – que acontece sábado, dia 1º de junho, das 9h30 às 11h, com concentração marcada para acontecer em frente ao Centro Educacional da Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM, na rua Frei Paulino, 30, bairro Abadia.
O PROTESTO --- A denominação da marcha pode até não agradar a gregos (as) e troianos (as), mas nasceu assim mesmo – Marcha das Vadias, em 2011, em Toronto, Canadá, em protesto contra o depoimento público de um policial, que apontou como a causa de um estupro, a vestimenta curta que a vítima estava usando. Segundo o oficial, a roupa curta da mulher havia incitado o homem a agredí-la sexualmente. A revolta canadense rompeu fronteiras, e a Marcha das Vadias já ganhou as ruas de grandes cidades no mundo – inclusive no Brasil.
AS VADIAS --- O diferencial nestas marchas é que muitas mulheres participam com roupas consideradas “provocantes”, como blusas transparentes, lingerie, saias curtas, e, em alguns casos, com o sutiã exposto. “Na Marcha das Vadias em Uberaba todos são bem-vindos: homens e mulheres. E podem participar com o tipo de roupa que desejarem. O que importa é a luta” – convidam os organizadores.
ÁGUA NO TRAJETO --- E por falar em Marcha das Vadias, um pequeno entrevero aconteceu entre os organizadores e a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes Especiais e Proteção de Bens e Serviços Públicos – a Settrans, responsável pela análise dos pedidos de alvará para manifestações em vias públicas. Por causa das obras do projeto Água Viva, o trajeto original não foi liberado, mas, entre mortos e feridos, escaparam todos. No final, o pessoal da Settrans acatou um trajeto alternativo.
-----------------
REDE OFICIAL
E o prefeito Paulo Piau também quer seu pessoal em rede. Objetivo, segundo o secretário de Comunicação Social, Denis Silva, é utilizar as redes sociais como uma ouvidoria e/ou uma gestão participativa permanente. A primeira etapa cria um canal direto através da Internet para sugestões, críticas, denúncias ou pedidos diversos que serão encaminhados para as secretarias específicas. A ideia é dar retorno de todas as demandas, seja positivo ou negativo.
FORMADORES DE OPINIÃO --- A segunda etapa da Rede do Bem – denominação do projeto, visa a encontrar lideranças virtuais, que possam atuar diretamente com a Prefeitura de Uberaba na identificação de problemas nos bairros. “Queremos todo mundo participando, criando uma rede de sugestão, fiscalização, de participação” – afirma Denis Silva, que acaba de lançar o novo site do governo municipal.

ENQUANTO ISSO...
O juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais – TRE/MG, Carlos Alberto Simões, pediu vistas, pela 13ª vez, da ação que investiga o resultado das eleições majoritárias de Uberaba. O primeiro pedido de vistas – em 11 de abril, aconteceu após o relator da ação, juiz Maurício Soares, ter anunciado seu voto, que é pelo arquivamento da denúncia. Nova data de julgamento agora é 4 de junho. Ação é movida pelo deputado estadual Antônio Lerin (PSB) com o objetivo de tirar o prefeito Paulo Piau do cargo. Os dois disputaram o 2º turno, e Lerin acusa Piau de ter comprado votos pra vencer.

SÓ FALTAVA ESSA!
Governo municipal foi obrigado a revogar processo licitatório por falta de interessados. Detalhe: objeto da licitação era nada mais, nada menos que o fornecimento “de qualquer tipo de medicamento” para atender à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. Sem interessados, a licitação foi considerada deserta.
EMERGÊNCIAS --- Paralelamente, o prefeito Paulo Piau e o secretário da Saúde, Fahim Sawan, baixaram decreto de situação de emergência para a compra de medicamentos, inclusive para o cumprimento de ordens judiciais. Objetivo principal é a dispensa de licitações, para que as compras possam acontecer com maior agilidade. Detalhe: confira na nota cima.
FORNECEDORES --- Não é por acaso, portanto, que o atual governo acaba de lançar campanha para atrair vendedores. Empresários e prestadores de serviços estão sendo convidados a participarem das cotações prévias e a se tornarem fornecedores. Além disso, o novo governo está garantindo que os tempos de comprar e não pagar já não existem mais... E afinal de contas, venhamos e convenhamos: falta de interessados em vender medicamentos é dose pra elefante!
----------------
----------------
AINDA SOBRE OS MÉDICOS
Porta-Voz – jornal oficial/virtual do município, acaba de publicar a nomeação de 17 médicos para atender urgências e emergências na rede pública de Uberaba. Vale lembrar que a edição anterior do PV trouxe nada menos do que 20 pedidos de demissão de profissionais contratados este ano.
Moral da história: nem mesmo os vários decretos de situação de emergência baixados nos últimos anos – dois deles já no novo governo municipal, tem tranquilizado a Secretaria Municipal de Saúde, que não consegue preencher pouco mais de 70 vagas. Na verdade, elas são preenchidas hoje e poucos dias depois – ficam outra vez literalmente vagas. E não estamos falando aqui, de salário...mas sim, de função social, lembrando que muitos, inclusive, se formam de graça.
Na edição passada, Conta-Gotas lembrou que, enquanto as entidades representativas da categoria esperneiam contra a ideia do governo federal de importar médicos de outros países, a rede pública brasileira – leia-se o povo, continua sofrendo com a pouca adesão destes profissionais ao conceito de função social.
A coluna ressaltou ainda, que além da necessidade de preencher as vagas públicas – para se cumprir o direito constitucional do povo à saúde e à vida, a importação de médicos acontece até mesmo em países de primeiro mundo. General Medical Council - GMC, equivalente na Grã-Bretanha ao Conselho Federal de Medicina do Brasil, divulgou que os médicos de fora representam 37% do total de profissionais naquele país.

REFORÇO POLÍTICO --- Existe vida política esperta na Câmara Municipal de Uberaba. Vereadores articulam a revogação da lei aprovada na legislatura passada, em que foram mantidas as 14 cadeiras atuais, mesmo com a cidade podendo aumentar o número para até 23 – de acordo com a população registrada oficialmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Vale ressaltar que o atual presidente Elmar Goulart - que já foi vereador com 19 cadeiras, é favorável ao aumento.

FUNÇÃO SOCIAL --- E termina neste 31 de maio, sexta-feira, o prazo para que o empresariado preencha o formulário do Valor Adicionado Fiscal – VAF. Lembrando que estas informações não têm custo financeiro para os declarantes, mas possuem um enorme impacto no desenvolvimento da cidade. É com base no VAF que o governo estadual distribui os recursos do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS, que, diga-se de passagem, é a maior arrecadação de Uberaba.

Tony Carlos e Paulo Piau comemoram o resultado da convenção do PMDB, realizada dia 17 de junho,
sob intervenção da legenda estadual, para confirmar a candidatura de Piau a prefeito
(Foto: Mateus Barros)
UBERABA X UBERLÂNDIA
(Vox populi)
Se tivesse eleição por agora, e se o líder do prefeito na Câmara e colega de PMDB, vereador, jornalista e radialista (Transamérica) Tony Carlos fosse candidato, ele não ficaria na suplência de deputado estadual, como está atualmente. Sairia das urnas, só em Uberaba, com a vitória garantida.
Afinal, nem precisa ser especialista pra se ter uma noção do impacto de suas últimas entrevistas – culminando com a participação chocante no MG TV Integração/Rede Globo, neste feriado de 30 de maio.
Separatista apaixonado, Tony Carlos não tem poupado críticas contra a ideia de criação de uma Região Metropolitana do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, defendida pelo seu liderado na Câmara, Paulo Piau, e pelo prefeito de Uberlândia, Gilmar Machado (PT).

Eu defendo Uberaba e o povo de Uberaba. Não tenho nada contra Uberlândia, mas não quero que Uberlândia seja capital de Uberaba, e é isso que vai acontecer se a Região Metropolitana for criada!
_Tony Carlos, em entrevista ao MG TV Integração/Globo

UBERABA X UBERLÂNDIA
(Enfrentamento)
Ainda na entrevista de estúdio ao MG 1ª Edição, o vereador/radialista não fez o menor esforço em amenizar os efeitos de suas declarações – feitas logo após os dois prefeitos, Paulo Piau e Gilmar Machado, terem defendido a ideia no ar.
Lembrando que é primeiro suplente de deputado estadual do PMDB, e que a proposta de RM terá que ser aprovada pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Tony Carlos disse que, no que depender dele, fará de tudo para impedir, caso assuma uma cadeira de deputado estadual.
Não aceito. Nasci em Uberaba, sou representante do nosso povo, e farei tudo para impedir que Uberlândia mande em Uberaba. Vamos fortalecer Uberaba e as cidades do nosso entorno” – defendeu ele.

Estou preparado para a guerra, se necessário for!
_ Tony Carlos, no mural da colunista de Conta-Gotas, no Facebook

LÍDER X LIDERADO
(Desmantelou-se)
Apesar das demonstrações de tranquilidade dos últimos dias, o prefeito Paulo Piau não deve estar nem um pouco feliz com a oposição do seu líder na Câmara, justamente em um projeto de amplitude regional – e mais: um projeto com possibilidade de se tornar realidade.
E ainda que ambos consigam expor uma imagem civilizada a partir de agora, tudo indica que a entrevista ao MG TV Integração/Globo degringolou de vez o relacionamento amigável.
Ressalte-se que Tony foi apoiador de primeira hora da candidatura de Paulo Piau a prefeito de Uberaba. Inclusive, deu força para a intervenção imposta pelo comando mineiro do PMDB no diretório municipal – que era, de mamando a caducando, aliado do então prefeito Anderson Adauto, que, por sua vez, queria a candidatura do seu secretário de Governo, Rodrigo Mateus.

Vou responsabilizar a todos que hoje defendem a 
Região Metropolitana, pelas perdas que nossa cidade 
tiver de agora por diante”.
_Tony Carlos, no seu próprio mural e no mural da colunista 
de Conta-Gotas, no Facebook

O EX-AMIGO ---- Para Tony Carlos, um rompimento político não seria novidade. Foi justamente o que aconteceu entre ele e o ex-prefeito e ex-amigo do peito, Anderson Adauto. Ao buscar o apoio de AA para sua candidatura a deputado estadual em 2010, o vereador foi “rejeitado” – apesar de, naquela época, serem ambos do PMDB.
Anderson Adauto optou por outro amigo, o então presidente do Codau, José Luiz Alves, do PSL.
Encerrada a votação, José Luiz saiu com 32.272 votos, sendo 16.218 votos de Uberaba – representando 11,83% da votação nominal da cidade.
Tony Carlos recebeu 34.734 votos no total. Destes, 32.984 foram de Uberaba – 24,5% da votação nominal da cidade. Recebeu em Uberaba, 16.766 votos a mais do que o candidato apoiado pelo então prefeito.

Acho que estou fazendo um bom trabalho como líder do prefeito Paulo Piau. Mas não vou trabalhar de cabresto!”
_Tony Carlos, na entrevista ao MG TV Integração/Globo

--------------
UBERABA X UBERLÂNDIA
(Só pra contrariar...)
Caos e pânico na avenida Rondon Pacheco. Esta foi a chamada principal feita ao longo da tarde de quarta-feira, 29 de maio, pelo noticiário da  TV Band/Uberlândia, se referindo às enchentes que assustaram os uberlandenses. O mar de águas na principal avenida de Uberaba – a Leopoldino de Oliveira, não chega perto dos problemas provocados pelo mar de águas registrado ontem, na principal avenida de Uberlândia.
------------------
TIRA-TEIMA
Ex-peemedebista, Anderson Adauto está na mira do PRB de Minas Gerais, legenda comandada pelo deputado federal George Hilton. Presidente estadual do PRB Jovem de Minas Gerais, mais jovem eleito em Uberaba na atual legislatura, e 1º vereador do partido na cidade, Franco Cartafina, recebeu a incumbência de intermediar os primeiros contatos entre as partes. Um tremendo teste político para o jovem vereador. Vale lembrar que outros partidos estão tentando atrair a filiação do ex-prefeito. Entre eles, o PSL do amigo José Luiz Alves.

PELA LÓGICA ---- Demorou muito pra Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM, aderir ao Exame Nacional do Ensino Médio – Enem. É no mínimo despropositado que uma universidade que vive do dinheiro do governo federal (do povo) se recuse a adotar programas do próprio governo federal (que beneficiam o povo).
SÓ PRA LEMBRAR ---- Em notas exclusivas publicadas na edição de 20 de maio, Conta-Gotas revelou que a UFTM se beneficiou da maior fatia de todos os recursos liberados através de convênios com a União, nos últimos 17 anos. Dos R$ 502,238 milhões aplicados nestes convênios, a União destinou mais de R$ 300 milhões só para a instituição. Fonte:  Portal da Transparência da Controladoria-Geral da União/Governo Federal.
-------------------
----------
CONCURSO PÚBLICO É REABERTO PARA PREENCHER MAIS DE 400 VAGAS
Governo Paulo Piau reabre o concurso público que estava suspenso desde abril de 2012 pelo Tribunal de Contas de Minas Gerais, sob a alegação de que o edital continha várias falhas.
Com os erros sanados, o concurso foi liberado pelo TCMG – conforme divulgado por Conta-Gotas em edição anterior, e os procedimentos estão sendo reiniciados, sob a organização da Fundação de Desenvolvimento de Pesquisa - Fundep, da Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG.
INSCRIÇÕES --- Edital publicado no Porta-Voz de 29 de maio, quarta-feira desta semana, abre novo período de inscrições – que acontecem de 9h do dia 1º de agosto até às 19h do dia 30 de agosto de 2013.
Elas serão feitas  exclusivamente pela Internet, no endereço eletrônico http://www.gestaodeconcursos.com.br, e os valores da taxa são de R$ 29,50 para nível médio e R$ 45 para nível superior.
AS VAGAS --- O concurso público tem por objetivo preencher 430 cargos de carreira da Prefeitura de Uberaba: agente de fiscalização; agente governamental; analista governamental; analista de serviços educacional; professor da educação básica; educador infantil; especialista pedagógico.
Todos os atos relativos ao concurso serão publicados no Diário Oficial do Município – Porta Voz, no endereço eletrônico www.portavozuberaba.com.br, e divulgados no endereço eletrônico http://www.gestaodeconcursos.com.br.
ISENÇÃO --- Podem pedir isenção total do valor da taxa de inscrição os candidatos cadastrados em programas sociais do governo federal; candidatos de família de baixa renda; candidatos que tiverem doado sangue nos últimos três meses anteriores à publicação do edital e apresentar declaração. A ficha eletrônica de isenção estará disponível para preenchimento e impressão no endereço eletrônico http://www.gestaodeconcursos.com.br, somente de 1º a 5 de julho de 2013.
A Fundep divulgará no endereço eletrônico http://www.gestaodeconcursos.com.br, para consulta pelo próprio candidato, até cinco dias úteis antes da data de realização das provas, o horário e local de realização das provas.
AS PROVAS --- As provas objetivas serão aplicadas dia 20 de outubro de 2013, ficando esta data subordinada à disponibilidade de locais adequados à realização das provas. Se houver alteração da data prevista, as provas poderão ocorrer em domingos ou feriados.
Os gabaritos oficiais serão publicados no dia 23 de outubro de 2013 no Diário Oficial do Município - Porta Voz, no endereço eletrônico http://www.uberaba.mg.gov.br/portal/conteudo,10453 , e divulgados no endereço eletrônico http://www.gestaodeconcursos.com.br.
-------------------


Nenhum comentário:

Postar um comentário