9 de agosto de 2014

Conta-Gotas...Notícias

POLÍTICA E POLÍTICOS


ORELHA A ORELHA - Político que tem política no sangue é assim mesmo: ri à toa durante uma carreata de campanha. Que o diga o prefeito Paulo Piau (PMDB), feliz da vida com a possibilidade de pedir votos para seus candidatos da coligação Minas Pra Você - Fernando Pimentel/PT (a governador), Antônio Andrade/PMDB (vice-governador) e Josué Alencar/PMDB (senador)
NINGUÉM É DE FERRO – E político que tem política no sangue tem que se alimentar bem pra dar conta dos agitos de uma campanha eleitoral. Depois da carreata e passeata, Paulo Piau e a primeira-dama Heloísa Piau receberam para almoço, em sua residência, entre outros, Fernando Pimentel e o secretário Nacional do Programa de Aceleração do Crescimento/PAC, Maurício Muniz Barretto de Carvalho, que é mestre em Administração Pública e Planejamento Urbano (Fotos: Divulgação – dos amigos, é claro!)
Gastando energia - Coligação Minas Pra Você e seus candidatos Fernando Pimentel, Antônio Andrade e Josué Alencar fizeram a alegria do prefeito Paulo Piau, que este ano não é candidato, e portanto tem que aplicar a energia política nos aliados. Piau fez questão de marcar presença – e mais do que isso: de expor seu apoio, sábado, durante agitos da coligação em Uberaba. (Fotos: Enerson Cleiton)
--------------
Nem tudo é o que aparece...
Nem todos os 23 candidatos com domicílio eleitoral e/ou relações próximas com Uberaba, que foram aprovados  pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais - TRE/MG, e continuam na disputa, usarão seus nomes de registro nas urnas. A opção – em quase 100% dos casos, é pela identificação com a qual são mais conhecidos.
Nos registros...
Para deputado federal: Marcos Montes Cordeiro (PSD), Ronaldo Martins Rocha (PRP), Lawrence de Melo Borges (PV), Gleibe José Terra (PSB), Caio Narcio Rodrigues da Silveira (PSDB), Ângela Mairink de Souza Pereira (PRB), Aelton José de Freitas (PR) e Adelmo Carneiro Leão (PT).
Para deputado estadual: Antônio dos Reis Gonçalves Lerin (PSB), Luciene Beatriz Fachinelli Barbosa (PSL), Antônio Carlos Silva Nunes (PMDB), Almir Pereira da Silva (PTdoB), Edson Santana (PPS), José Tiago de Castro (PHS), Maurício da Silva Magalhães (PEN), Celso Borges (PRP), Glauco Marques (PHS), Josimar José Rocha (PT), Wagner do Nascimento Júnior (PR), Samuel Pereira (PR), Heli Geraldo de Andrade (PEN), Luís Renato de Oliveira Gomes (PMN) e José Antônio dos Santos (PDT).
Nas urnas...
Para deputado federal: Marcos Montes; Ronaldo Martins; Laurence Borges; Gleibe Terra; Caio Narcio; Ângela Mairink; Aelton Freitas; Adelmo Leão.
Para deputado estadual: Lerin; Lu Fachinelli; Tony Carlos; Almir Silva; Edson Santana; José Tiago de Castro; Dr. Fritz-Maurício; Celso Borges; Glauco Marques; Josimar do PT; Wagner do Nascimento Júnior; Samuel Pereira; Heli Andrade Grilo; Froidinho; José Antônio - Marujo.

Por conta e risco – Os candidatos  indeferidos podem fazer campanha enquanto o processo estiver sub judice. Por sinal, propaganda de Anderson Adauto e de babá Carlos Costa está nas ruas. Adauto anuncia, inclusive, lançamento festivo para este domingo, na feira d`Abadia. (Foto: Enerson Cleiton)
Defesa
Anderson Adauto apela contra indeferimento da candidatura
Segundo ele, a suspensão dos direitos políticos por oito anos decorre da lei de improbidade e não de inelegibilidade
Ex-prefeito Anderson Adauto (PRB) ingressou com recurso ordinário contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais que indeferiu seu pedido de registro nas eleições de outubro de 2014. Com o protocolo de número 185.439/2014, o recurso foi interposto às 17h43 do dia 8 de agosto, e tem como objetivo o Tribunal Superior Eleitoral/TSE.
Indeferimento - Impugnado pela Procuradoria Regional Eleitoral/Ministério Público, o pedido de registro foi a julgamento na sessão do dia 5 de agosto, no TRE, oportunidade em que a Corte acatou a impugnação e indeferiu o registro por unanimidade (6 X 0).
Ficha Limpa - Pesou contra o ex-prefeito uma sentença condenatória proferida por colegiado – do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, e mais do que isso, com reconhecimento de que houve dolo na ação que motivou o processo (um contrato de publicidade assinado por ele quando prefeito de Uberaba). A decisão colegiada aliada ao dolo é prevista na chamada Lei da Ficha Limpa, colocada em prática pela primeira vez pela Justiça Eleitoral nas eleições de 2014.
A defesa – Em seu recurso, o ex-prefeito faz as seguintes alegações: que para aplicação da sanção de inelegibilidade, ele teria que ter sido condenado por ato doloso de improbidade administrativa que importasse lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, e alega que nenhuma das três sentenças que o condenaram reconheceu o enriquecimento ilícito, sendo que a suspensão de direitos políticos por oito anos decorre da lei de improbidade e não da lei de inelegibilidade;
- Em relação a um quarto processo (condenação criminal), ele alega que está pendente de julgamento pelo Tribunal Superior Eleitoral/TSE e pelo Supremo Tribunal Federal/STF;
_ Que o julgamento realizado é nulo.

(Foto: Enerson Cleiton)
FALTOSO
Babá Carlos Costa também recorre
Outro uberabense com pedido de registro indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, o religioso Carlos José Fernandes da Costa - conhecido como Babá Carlos Costa, também interpôs recurso dia 8 de agosto.
Protocolo do Recurso Especial recebeu o número 185.134/2014 e foi registrado às 16h20. Ele é acusado de não ter prestado contas de sua campanha de candidato a vereador nas eleições de 2012, e mais ainda: de não ter votado no segundo turno.

O 1º RECURSO
Dos 27 políticos com domicílio eleitoral em Uberaba e/ou relações próximas com a cidade que inicialmente pediram registro para candidatar-se em 2014, um desistiu e três foram barrados pela Justiça Eleitoral – Anderson Adauto, Carlos Costa e Ildeu Menezes (PTdoB).
O primeiro a recorrer do indeferimento foi Ildeu - candidato a deputado federal, cujo pedido foi impugnado pela Procuradoria Eleitoral e indeferido em decisão monocrática da relatora, juíza Maria Edna Fagundes Veloso.
Acusado de não prestar contas de sua campanha de vereador em 2012, ele recorreu contra a decisão, através de agravo. O recurso foi negado no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, por unanimidade.
Dos 27, apenas um desistiu da disputa oficialmente, até agora. O vereador Marcelo Machado Borges (DEM) entendeu que não teve tempo suficiente para emplacar sua candidatura, e achou por bem sair do processo.

Omissão
E a Justiça Eleitoral tem lembrado, insistido, batido o pé, enfim, deixado claro que a prestação de contas de candidato é OBRIGATÓRIA, mesmo que ele seja indeferido ou renuncie à disputa - como aconteceu com babá Carlos Costa em 2012. Ainda assim, o que se percebe é uma tremenda negligência em muitos casos. A primeira prestação de contas das eleições de 2014 deixa isso bem evidente...
Acertos
Dos 27 candidatos com domicílio eleitoral e/ou relações próximas com Uberaba, que pediram registro no TRE/MG, só dez mandaram as contas: Adelmo Leão (PT); Marcos Montes (PSD); Caio Narcio (PSDB); Tony Carlos (PMDB); Antônio Lerin (PSB); Maurício Magalhães (PEN); Josimar Rocha (PT); Edson Santana (PPS); Samuel Pereira (PR); Almir Silva (PTdoB).
Moral da história
Mesmo lembrando que existem outras duas oportunidades para os acertos (uma prestação de contas parcial, além da prestação final), não duvide que, nas próximas eleições, muitos vão enfrentar problemas por terem se omitido em 2014.

O PESSOAL DAS IDEIAS - Com um movimento anual de cerca de R$ 100 milhões e a geração de vários empregos, o mercado regional da comunicação é o foco da nova diretoria da Associação dos Profissionais de Propaganda (APP) de Uberaba, empossada na noite de 7 de agosto.
"Queremos buscar a melhoria deste mercado, e o compromisso da diretoria é dar continuidade ao trabalho iniciado há três anos e tornar a APP Uberaba ainda mais importante" - afirmou o presidente eleito, Tiago Fonseca.
Também foram empossados Daniel Angotti (Diretor de Relações Institucionais), Euphranor Ferreira Martins Neto (Diretor de Fornecedores), Fernando Abdalla (Diretor de Mídias On Line), Luis Fernando Carvalho (Diretor de Agências), Marco Antônio Lassi de Oliveira (Diretor Financeiro), Mário Miguel Hueb (Diretor de Eventos), Radi Kalil Wehbe (Diretor Social), Rogério Zavanella (Diretor de Veículos), Fábio Cruvinel Lacerda (1º secretário), Luciano Guimarães (2º secretário) e os conselheiros Karla Borges, Marcelo Brito e Pablo Pinti.
A sede da APP Uberaba fica na avenida Leopoldino de Oliveira, 3.433 - Sala 403 (prédio da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba/Aciu). Telefone: 3331-5517. (Foto: Francis Prado)


A PADROEIRA – Sob o manto de Nossa Senhora da Abadia, fotos de Marcos Montes e Almir Silva articulando juntos, na festa da padroeira de Uberaba, estão bombando no Facebook

Coração de mãe
Fotos postadas no mural do vice-prefeito Almir Silva (PTdoB) no Facebook, em que ele marcou o deputado federal Marcos Montes (PSD), e foram prontamente aceitas em perfil de MM, estão recebendo uma variedade de avaliações por parte de observadores da política de Uberaba. A primeira delas é de que Nossa Senhora da Abadia não tem preferências partidárias e/ou de grupos políticos.
Libertação
Mas, falando sério, o que os analistas refletem é que Almir Silva está livre, leve e solto desde que o candidato a governador, André Alves (PHS) – da coligação +Minas (PHS/PTdoB/PRP/PEN), renunciou à disputa. Com isso, Almir, que é do PTdoB, pode optar por apoiar explicitamente outro candidato – incluindo Pimenta da Veiga (PSDB), da coligação Todos Por Minas, da qual Marcos Montes faz parte.

PRINCIPAL ARTICULADOR DO APOIO DO PSD DE MINAS AOS CANDIDATOS DA COLIGAÇÃO
TODOS POR MINAS, O DEPUTADO MARCOS MONTES GANHA ESPAÇOS NOS MURAIS DE
CAMPANHA DE ANTONIO ANASTASIA E DE PIMENTA DA VEIGA.
FOTOS MOSTRAM CAMINHADA EM ARAXÁ
Grudes
E o presidente do PSD/Uberaba, coordenador do PSD Triângulo Alto Paranaíba e vice-líder do partido na Câmara dos Deputados, Marcos Montes, anda mais próximo do PSDB do que possa imaginar a vã filosofia de qualquer um. Além das caminhadas e carreatas promovidas em cidades da região, MM e os candidatos da coligação Todos Por Minas - os tucanos Pimenta da Veiga (governador) e Antonio Anastasia (senador) – além de Aécio Neves (presidente), estão juntinhos na avenida Leopoldino de Oliveira, em Uberaba. Ou melhor: os dois comitês são janela a janela.

A VEZ DOS TUCANOS
E o comitê majoritário dos tucanos – já aberto ao público, deve ser inaugurado oficialmente dia 12, terça-feira, com a presença dos candidatos a governador e a vice, respectivamente, Pimenta da Veiga (PSDB) e Dinis Pinheiro (PP), e ao Senado, Antonio Anastasia (PSDB). De acordo com o secretário-geral do PSDB/Uberaba e porta-voz do comitê, Luiz Cláudio Campos, a expectativa é de que eles desembarquem por volta de 13h na cidade. Os candidatos também  devem participar de carreata e caminhada.

Batendo asas
Filiados e/ou lideranças importantíssimas do PMDB/Uberaba, incluindo um ex-presidente, estariam batendo asas para o ninho tucano – onde todos já pousaram em outras épocas. Eduardo Palmério – ex-presidente do PMDB, e Mauro Umberto Alves, atual assessor Geral de Planejamento Orçamentário (com status de 1º escalão) do governo Paulo Piau, já presidiram o PSDB.
Dizem as más línguas que também participaram de uma reunião pra lá de interessante com o secretário-geral do PSDB/Uberaba, Luiz Cláudio Campos, outros dois ex-tucanos, em vias de retorno: o advogado e ex-controller municipal Otoniel Inês Sobrinho e Eleiçon Mariano, este último recém-eleito presidente do Instituto de Engenharia e Arquitetura do Triângulo Mineiro.
-----------------

EMOÇÕES – Repórter-fotográfico Enerson Cleiton flagra momentos de emoção da primeira-dama Heloísa Piau durante a inauguração do Centro de Referência em Educação Inclusiva – o Crei/Uberaba, quinta-feira. O local recebeu o nome de Paulo Antonio Pável de Carvalho, que morreu em 2013. PA, que era portador de necessidades especiais, assessorou Paulo Piau ao longo de muitos anos, e era conhecido pelo engajamento em uma série de projetos sociais.

Inteligência
Em vez de esperar pela ação do tempo, o governo Paulo Piau está contratando serviço permanente de  manutenção das escolas municipais. Caberá às empresas contratadas (por prazo de um ano), cuidar da reforma e reparo em geral, montagem/desmontagem, pintura, estofamento de carteiras escolares, mesas, cadeiras e poltronas, bancos de refeitório, armários e arquivos de aço e reparos em janela, grades e portões.

Uma paradinha...
Trabalhando, inclusive, aos finais de semana para dar conta do recado das eleições 2014, a Justiça Eleitoral dá um tempo na segunda-feira, dia 11 de agosto. O feriado é nacional e  marca o dia da instituição dos cursos jurídicos no Brasil. Por conta disso, os cartórios eleitorais da capital e do interior de Minas Gerais não atenderão ao público nesse dia.

Bela ideia...
O candidato a deputado estadual Maurício Magalhães (PEN) firmou compromisso de doar toda a sobra de materiais de propaganda que possam ir para a reciclagem, ao final do período eleitoral no mês de outubro, para a Cooperativa de Recolhedores Autônomos de Resíduos Sólidos e Líquidos de Uberaba/Cooperu. A reunião para a parceria aconteceu ontem, e contou com a presença do presidente da cooperativa, José Eustáquio de Oliveira, e alguns cooperados.

DE MALA CHEIA – João Gilberto Ripposati só esperou Márcio Eli se ajeitar na nova sala de trabalho para comparecer com suas reivindicações

Pedidos mil
1º secretário da mesa diretora da Câmara de Uberaba, vereador João Gilberto Ripposati (PSDB), circulou em Belo Horizonte, de um lado pro outro com a mala cheia de reivindicações. Fez voo rasante, por exemplo, na poderosa Secretaria de Estado de Governo, onde está instalado o também uberabense Márcio Eli Almeida Leandro.
Para todos
Entre as reivindicações levadas pelo vereador – que é servidor de carreira licenciado da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais/Epamig, está o fortalecimento da entidade e da sua coirmã Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas/Emater. Ripposati também quer apoio do governo do Estado na liberação de crédito para as associações de produtores.
Poderes
Vale lembrar que Márcio Eli assumiu recentemente o comando da Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais. Ele era secretário-adjunto e substituiu o então secretário Danilo de Castro – considerado o principal articulador político do grupo aecista, e que está coordenando as candidaturas tucanas de Aécio Neves a presidente, Antonio Anastasia ao Senado e Pimenta da Veiga a governador.

Na telinha
Propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão – que começa dia 19 de agosto e vai até o dia 2 de outubro, está devidamente distribuída em Minas Gerais. Dos principais candidatos, Pimenta da Veiga, da Coligação Todos Por Minas, ficou com o maior tempo, com 8’05 (em cada bloco), seguido pelo candidato da Coligação Minas Pra Você, Fernando Pimentel, com 5’52...O candidato da Coligação Minas quer Mudança, Tarcísio Delgado, ficou com 1’36.

Na ordem do dia
Maior rede social do mundo no momento – xodó no Brasil, o Facebook ganhou uma sessão quase inteira no Tribunal Superior Eleitoral/TSE. Por unanimidade, o plenário entendeu que a rede pode e deve ser usada pelas campanhas eleitorais.
Honra e verdade
O plenário do TSE reconheceu, ao acompanhar o relator, ministro Henrique Neves, que a liberdade de expressão do eleitor deve ser total e que a interferência da Justiça Eleitoral deve se dar somente nos casos em que há ofensa à honra ou divulgação de fato sabidamente inverídico.
Ao pé da lei
No caso de partidos políticos e candidatos, além do respeito à honra, deve ser seguido – segundo o TSE, o princípio de igualdade de chances entre os candidatos e as proibições de propaganda paga ou divulgada por pessoas jurídicas ou órgãos governamentais.

FAZENDO HISTÓRIA - O prefeito Paulo Piau e a primeira-dama Heloísa Piau – ao fundo, dividiram as honras com o entregador Benedito Sebastião Coelho - o Pelé, durante o lançamento dos selos alusivos aos 90 anos do Mercadão de Uberaba. O selo personalizado foi divulgado pelos Correios durante o evento comemorativo dos 90 anos, domingo, dia 3. (Foto: Enerson Cleiton)
----------------
CANDIDATOS DEFERIDOS PODEM GASTAR ATÉ R$ 100 MILHÕES
Se gastarem o máximo previsto por eles e seus respectivos partidos em informações enviadas à Justiça Eleitoral, os candidatos a deputado federal e a deputado estadual com domicílio eleitoral e/ou relações próximas com Uberaba vão investir, juntos, na campanha de 2014, R$ 96 milhões. O valor envolve todos os deferidos pela Justiça Eleitoral de Minas e estão no DivulgaCand do Tribunal Superior Eleitoral.
Se os candidatos a deputado federal gastarem o total de suas previsões máximas indicadas ao TSE, vão movimentar, juntos, R$ 47,5 milhões.
Os valores vão de R$ 3 milhões (previstos por Ronaldo Martins Rocha), passando por R$ 5 milhões (Adelmo Leão, Ângela Mairink e Lawrence Borges), por R$ 5,5 milhões (Gleibe Terra), chegando a R$ 7 milhões (Caio Narcio e Marcos Montes), até R$ 10 milhões (máximo de gastos previsto por Aelton Freitas).
Se somados os gastos máximos previstos pelos candidatos a deputado estadual, eles movimentariam, juntos, R$ 48,5 milhões.
Previsões vão desde R$ 2 milhões (Heli Andrade, Glauco Marques, José Tiago de Castro, Maurício Magalhães), a R$ 3 milhões (Luciene Fachinelli, Almir Silva, Tony Carlos, Celso Borges, José Antônio dos Santos e Josimar Rocha), passando por R$ 3,5 milhões (Antônio Lerin), e ainda por R$ 4 milhões (Edson Santana), até R$ 5 milhões (Wagner Jr., Samuel Pereira, Luís Renato Gomes).
----------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário