23 de dezembro de 2014

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS

ROSA CHOQUE - ELAS INTEGRAM O CALENDÁRIO ATMA 2015, IDEALIZADO PARA AJUDAR
O HOSPITAL DO CÂNCER DE UBERABA. AS FOTOS SÃO DE FRANCIS PRADO
ESSAS MULHERES MARAVILHOSAS...
Idealizada para falar de superação e ajudar o Hospital do Câncer de Uberaba, revista ATMA é lançada com Calendário2015
Com enfoque no câncer, a edição de estreia da ATMA provoca sensação.
Seu Calendário2015 é protagonizado por mulheres que já tiveram a doença e outras em tratamento.
Lançamento - promovido dia 13 de dezembro durante a ExpoCigra, no Parque Fernando Costa, foi marcado pela emoção. Uma das 12 modelos que posaram para a fotógrafa Francis Prado havia morrido na véspera: Sissa Rezende, que recebeu homenagens das 11 parceiras.
Os calendários estão à venda  - por apenas R$ 20, com toda a renda destinada ao Hospital do Câncer de Uberaba.
Podem ser adquiridos no próprio hospital, no Loft da Construção (rua Major Eustáquio, 148), na Leara Calçados (rua Tristão de Castro, 545) e com as modelos convidadas.
Distribuída gratuitamente, a revista é um projeto das arquitetas Alexandra Rôso, e as sócias na loja Leara Calçados, Elisa Araújo e Jacqueline Potenza.
SOLIDARIEDADE – União de forças
Movidas pela solidariedade, as sócias Elisa e Jacqueline resolveram criar um calendário com mulheres que venceram ou estão em tratamento contra o câncer, e que tivesse o resultado das vendas revertido para o Hospital Hélio Angotti.  Refletiram, entretanto, que os calendários mereciam uma base literária e optaram por editar uma revista para falar de superação e valorizar as pessoas envolvidas.
Nasceu assim, a ATMA.
Amiga delas, a arquiteta Alexandra Rôso (diretora do Instituto de Engenharia e Arquitetura do Triângulo Mineiro) se apaixonou pela ideia e se juntou ao projeto. Juntas, saíram em busca de patrocínios e conseguiram com o apoio do Centro das Indústrias do Vale do Rio Grande/Cigra e da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais/Fiemg, que se preparavam para lançar mais uma edição da ExpoCigra.
Outras pessoas se juntaram ao projeto – entre elas, a jornalista Rose Dutra, que assumiu a edição da revista, a fotógrafa Francis Prado – que leva o crédito das belíssimas fotos,  e Geraldo Djalma, diretor da Távola Comunicação, que assina o projeto gráfico
ROSA CHOQUE - Modelos muito especiais
As 12 protagonistas do Calendário ATMA2015 são: Denisléia Oliveira de Souza (janeiro); Valéria Cristina Silva (fevereiro); Ana Paula Rodrigues (março); Neusa Maria Kopke Venceslau (abril); Ana Gabriela Brandão Zandonaide/Belela (maio); Arahilda Gomes Alves (junho); Elaine Furtado (julho); Tuca Silva (agosto); Sissa Rezende (setembro); Celina Maria Alves (outubro); Dulce Helena Borges Guaritá Bento (novembro); Viviane Quirino (dezembro).
ENTREVISTADOS
Entre os que concederam entrevistas para a ATMA estão: oncologista Rafael Scandiuzzi; psicóloga Angela Marina Kefalás Barbosa; cirurgião plástico Marco Túlio Rodrigues da Cunha; dermatologista Giovanna Prata; fisiatra Clóvis Antônio Garcia Borges; advogado Richard Maciel; advogada Érika Cunha; farmacêutica Mona Lisa Bevilacqua; nutricionista Daniela Prata Teixeira; arquitetas Rosemary Ribeiro, Fabiana Miranzi, Cristiana Terra, Renato Marajó, Maria das Graças Rossi Gonçalves.
---------------------
ATMA
“Sopro vital, essência imortal do homem”
--------------------------

AS FOTOS DE EDMUNDO GOMIDE REVELAM MOMENTOS DA ENTREGA DOS PIJAMAS
VOLUNTÁRIOS DOAM CENTENAS DE PIJAMAS PARA PEDIATRIA DO HOSPITAL DA UFTM
Associação de Voluntários do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro/AVHC – repassou 300 pijamas à instituição, com o objetivo de atender à Pediatria, Pronto-Socorro Infantil e UTI Neonatal. Nos tamanhos P, M e G, as peças ficarão sob os cuidados da Unidade de Processamento de Roupas, e serão destinadas ao uso dos pacientes pediátricos durante os períodos de internação no HC.
SUPORTE
“O trabalho do voluntariado é essencial para dar suporte ao hospital” – comemora a chefe do Setor de Hotelaria, Hélida Rosa Silva.Os pijamas existentes hoje, no hospital, segundo ela, são insuficientes para atender à demanda. “Devido às limitações de recursos, toda doação dos voluntários é muito bem-vinda”, comenta.
APOIO
Fizeram questão de participar do momento da entrega, o gerente Administrativo, Augusto César Hoyler; a chefe da Divisão de Logística e Infraestrutura Hospitalar, Marisley Francisco; a chefe da Divisão de Gestão de Pessoas, Vanilda Santana Paulino, e os responsáveis técnicos de enfermagem das unidades contempladas com o novo enxoval.
----------------
Exclusivo
VIDA LONGA PARA O CINEMA
Cinéfilo, crítico de cinema, historiador, escritor, advogado, “imortal” da Academia de Letras do Triângulo Mineiro, Guido Bilharinho presenteia a coluna Conta-Gotas... Notícias e seus leitores com um artigo exclusivo sobre o cinema.
_Vale a pena conferir suas reflexões e sentimentos no artigo publicado no final desta edição.

Personalidades...
Pelo valor promocional de R$ 35 está à venda o recém-lançado “Personalidades Uberabenses” – de  Guido Bilharinho. Até 31 de janeiro de 2015, o livro pode ser adquirido através do e-mail guidobilharinho@yahoo.com.br e do telefone (34) 3312-1122...
...uberabenses
Ou ainda: através de carta para a caixa postal 140 (38001-970/Uberaba) mediante cheque, vale postal ou depósito na conta do autor (Caixa Econômica Federal, agência 2854, operação 001, conta 000101-2). E também nas livrarias Alternativa, Papel Cartaz (Shopping Uberaba) e banca de jornais em frente ao Edifício Rio Negro.
A obra
Livro traz dados biográficos de 55 uberabenses, desde o fundador -  Antônio Eustáquio da Silva e Oliveira (major Eustáquio), passando por alguns dos mais importantes intelectuais atuantes na segunda metade do século XX e início do século XXI, a exemplo de monsenhor Juvenal Arduini, Edson Prata, Paulo Sousa Lima, Moacir Laterza, Lincoln Borges de Carvalho, Ronaldo Cunha Campos, fechando com chave de ouro com a professora, escritora e “imortal” da ALTM, Teresinha Hueb.

ACENTO E ASSENTOS  – 1º secretário do PSB/Uberaba, corretor Joaquim Ávila – que não perde nada e ninguém de vista, postou foto no Facebook, alertando a titular da Secretaria de Educação e Cultura, Silvana Elias, sobre o erro na palavra ônibus, pintada em via pública da cidade. A secretária concordou, lembrando que “ônibus tem acento e assentos”

Comércio
(Versão 1)
Sindicato do Comércio Varejista de Uberaba lembra que o comércio de rua funciona dia 24, das 8h às 18h.
Comércio
(Versão 2)
E o Shopping Uberaba informa: dia 24 – das 9h às 19h. Dia 25 as lojas ficarão fechadas, mas o segmento de lazer (Coney e Cinemais) funcionarão sem alteração.
------------------
Sangue
Hemocentro Regional de Uberaba - rua Getúlio Guaritá, 250/Abadia, não funciona nos dias 24 e 25 de dezembro – e no dia 31 o atendimento aos doadores será das 7h às 11h30. Pode doar sangue pessoa com boa saúde, idade entre 16 e 69 anos, sendo que a idade máxima para a primeira doação é até 60 anos.
Marcação
Agendamento antecipado para doadores pode ser feito pelo telefone 155 (opção 8 - ligação sem custos), que atende das 7h às 21h, de segunda-feira a sexta-feira; e aos sábados e domingos das 7h às 19h.

Idioma
Estão abertas as inscrições para o curso de inglês que o Serviço Social do Comércio/Sesc promove em Uberaba. O curso é gratuito para quem possui uma renda familiar de até três salários mínimos, preferencialmente trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo. As inscrições podem ser feitas até 9 de janeiro de 2015.

SUPERMAN – O herói aí, na foto, é o oftalmologista Leonardo Marçal Fernandes, amigo e parceiro do vereador Franco Cartafina (PRB) no Projeto Vi-Ver – que tem o objetivo de recuperar a visão de idosos e crianças
----------------
Perdas
Passadas as eleições de 2014, Uberaba perdeu 66 eleitores – segundo estatísticas mais recentes do Tribunal Superior Eleitoral/TSE. O colégio eleitoral do município caiu dos 219.111 (aptos ao voto em outubro) para 219.045 pessoas inscritas. São 116.971 mulheres (53,4%) e 101.866 homens (46,5%) – além de 208 que não informaram o sexo, segundo o TSE.
Alistamento
Justiça Eleitoral reabriu dia 3 de novembro o Cadastro Nacional de Eleitores, permitindo, entre outros serviços, novos alistamentos e transferência de títulos.
O eleitor já inscrito também pode alterar dados no cadastro, como o nome (em virtude de casamento, separação, entre outros), e de endereço/e ou local de votação.
Justificativa
E o eleitor que não votou no 2º turno das eleições deste ano precisa ficar atento. Termina dia 26 dezembro, sexta-feira, o prazo para apresentar a justificativa de ausência. Para isso, é preciso apresentar o requerimento de justificativa onde está inscrito, pessoalmente ou por via postal.
---------------
Excesso...
Existem atualmente, em Uberaba, 59 procedimentos de investigação abertos pelo Ministério Público Federal em Minas Gerais/Procuradoria da República contra empresas e pessoas físicas que foram flagradas transitando com excesso de peso por rodovias federais. Número foi divulgado pelo MPF.
...de peso
De acordo com o levantamento, ao todo são 485 ações, cíveis e criminais, propostas em vários municípios de Minas Gerais - onde estão instaladas Procuradorias da República, sendo que a maioria - cerca de 91,5%, foi proposta pelas unidades do Triângulo Mineiro e Noroeste.
TAC´s
Ao divulgar os números, o MPF/MG lembra que nem todos esses procedimentos resultarão em ações judiciais, porque, no curso das investigações, os procuradores da República batalham para buscar uma composição com as pessoas físicas e jurídicas que cometeram as irregularidades por meio da assinatura de Termos de Ajustamento de Conduta (TAC´s).
Boa ideia
Por sinal, a Procuradoria da República tem bons motivos para optar pelos TAC´s. Ressalta que o objetivo principal do órgão é fazer cessar a conduta irregular, além de compensar os danos já causados pelo transporte irregular realizado até aquele momento. Por outro lado, sua assinatura, além de possibilitar uma solução mais rápida, também ajuda a desafogar o Judiciário, evitando-se a judicialização da demanda.
Investimentos
De acordo com o MPF/MG, há casos, por exemplo, em que as empresas acabaram investindo na aquisição de balanças de pesagem, equipamento indispensável no combate a esse tipo de irregularidade, que foram instaladas em postos da Polícia Rodoviária Federal e do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes/Dnit situados no Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e no Vale do Aço.
------------------
Sobe o IPTU..
Está sacramentado e publicado o reajuste do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbano/IPTU para 2015. Os valores venais dos imóveis localizados na área urbana serão atualizados em 6,33%. A base, segundo o decreto, é o INPC/ Índice Nacional de Preço ao Consumidor, divulgado pelo IBGE/Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.
Desconto
A cobraça terá início em abril de 2015, em data a ser definida. Para quem efetuar o pagamento à vista, haverá 20% de desconto, sendo que o valor total também poderá ser dividido em nove parcelas. Os carnês devem chegar às mãos dos contribuintes em março.
Contorcionismo
(Versão 1)
Por sinal, o IPTU de Uberaba queimou um punhado de neurônios da equipe econômica do governo municipal. Objetivo: encontrar um jeitinho de explicar que o aumento, na verdade, não é aumento, mas sim, “uma correção monetária referente à variação do INPC, o menor indicador”...

Sobe a UFM
Também fica maior o valor da Unidade Fiscal do Município/UFM - base de cálculo para a cobrança das taxas municipais. A unidade entra 2015 valendo R$ 197. Valor atual é R$ 185.

Sobe a água
Com o sofisticado nome de “realinhamento de preços”, também está definido o aumento das tarifas dos serviços de água e esgoto do Codau/Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba. A religação de água, passa a custar entre R$ 58,34 e R$ 81,68. E por aí vai...

Sobe o coletivo (?)
E tem ainda o pedido de reajuste da tarifa do transporte coletivo urbano de Uberaba, que está em fase de estudos – mas, com forte tendência a se concretizar. Enquanto isso, muitos veículos que fazem o transporte andam despencando de velhos, e provocando arrepios até nos motoristas da concessionária.
---------------
CHUVAS INPIRARAM VÍDEOS E FOTOS - COMO ESTA, DE ENERSON CLEITON,
E MUITAS POSTAGENS NA REDE SOCIAL
Enquanto isso... no mundo virtual
Nada como cair a maior chuva do ano em tempos de obras de Água Viva numa cidade rodeada de colinas!!!! Facebook fervilhou na semana passada com gente reclamando, gente explicando e até gente prevendo o fim do mundo...
Previsão maia
Esta aqui foi postada por um jovem religioso no mural do prefeito Paulo Piau: “Estamos nos aproximando da volta de Jesus e coisas piores virão. Convoque o povo dessa cidade a se arrepender das coisas ruins praticadas (bebedices, blasfêmias, arrogâncias, idolatria, crimes, abusos etc...). Está tudo na palavra de Deus. Vamos orar por Misericórdia!

Água Viva...
Já esta outra foi postada pela arquiteta, subsecretária de Planejamento, Maria Paula Meneghello: “O projeto Água Viva começou há várias gestões, mais precisamente na administração Marcos Montes. Os projetos foram muito bem feitos e aprovados pelo corpo técnico do Banco Mundial e Caixa Econômica Federal que emprestaram dinheiro para as obras porque confiaram no trabalho feito pelos melhores escritórios de consultoria...”
A solução...
E continuou Maria Paula: “Havia sim, inicialmente, a previsão de piscinões, que foram eliminados na administração passada (se referindo ao governo Anderson Adauto), e que poderiam agora fazer a diferença...
Ainda assim...
Mesmo lamentando a “eliminação” dos piscinões, Maria Paula ainda entende que, sem o Água Viva, podia ser pior: “Com uma chuva da magnitude da que caiu quinta-feira, não há canal que dê conta; o grande volume em tão pouco tempo foi o grande problema. Mas, certamente, sem as obras do Água Viva teria sido muitas vezes pior”.

Celulares...
Não é por acaso que as vendas de celulares batem recorde atrás de recorde no Brasil – segundo pesquisas sobre economia em 2014... Nada... nadinha mesmo...pode se comparar à quantidade de vídeos postados por facebookeanos das mais variadas faunas e floras, sobre a enchente de quinta-feira, em Uberaba.
...e os minutos de fama
É surpreendente o número de pessoas que – ou ficaram no centro, apesar da enchente; ou foram ao centro por causa da enchente; ou não tiveram jeito de sair do centro, porque ficaram ilhadas pela enchente; ou fazem qualquer sacrifício pra conseguirem uma gravação para a rede social!
----------------
Ela é professora...
Amigos, ex-colegas de magistério e ex-alunos da professora Dirce Miziara fazem um apelo em socorro da educadora de 99 entre cada 100 ex-alunos de Uberaba... Vítima de um AVC – Acidente Vascular Cerebral, Dirce está com a mobilidade reduzida, necessitando de acompanhamento 24 horas/dia, e, de quebra, está sem trabalho desde antes da doença.
Vale lembrar...
Dirce Miziara é uma das 14 integrantes da lista de “membros correspondentes” da Academia de Letras do Triângulo Mineiro... Vejamos o que diz o estatuto da ALTM (cap.II, art.6): "Somente poderão ser membros efetivos e sócios correspondentes pessoas de notório valor intelectual, que tenham livros publicados, ou que apresentem produção literária ou científica publicada, e de reconhecido mérito".
Moral da história
Quem puder e quiser colaborar, pode fazer um depósito na conta da professora, na
Caixa Econômica Federal - Agência: 2982; Operação: 001; Conta: 2225-3.

Enquanto isso... na saúde de Uberaba
De acordo com o Ministério Público Federal em Minas Gerais, “o impasse entre o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro – HC/UFTM e a Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba... está próximo do fim”. O release distribuído ontem, pela assessoria de imprensa do MPF/MG, se refere “à assinatura do novo contrato de prestação de serviços no âmbito do Sistema Único de Saúde /SUS”.
Revelações
Explica o MPF/MG, que, em audiência realizada esta semana na Central de Conciliação da Justiça Federal em Uberaba, “as partes conseguiram chegar a um acordo quanto ao estabelecimento de medidas para a recontratualização dos serviços de saúde”. Audiência aconteceu a pedido do Ministério Público Federal em uma representação, “por meio da qual expôs a preocupação de que a controvérsia pudesse prejudicar a prestação de serviços, com riscos de desatendimento para a população”. Ainda assim, uma nova audiência foi marcada para o dia 29 de janeiro de 2015 “para prosseguimento das negociações”.
O contrato
O release da comunicação do Ministério Público Federal lembra que o HC/UFMG presta serviços à rede municipal de saúde de Uberaba por força de um Convênio de Cooperação Técnico-Administrativa, que, celebrado em 1º de dezembro de 2009, tinha prazo de 60 meses – e portanto, cinco anos. “Findo seu prazo de vigência, teve início uma série de tratativas entre o HC/UFTM e a Secretaria Municipal de Saúde, órgão local gestor do SUS, para repactuação do contrato” – detalha a notícia do MPF/MG.
Pela média
E assim, sem acordo quanto ao teto financeiro a ser destinado ao HC/UFTM, instalou-se a crise, que levou as duas partes à audiência de conciliação. “Ficou estabelecido que o valor contratado com o Hospital de Clínicas será calculado de acordo com a média de produção dos últimos seis meses (julho a dezembro de 2014), condicionado à disponibilidade orçamentária. Esse valor, por sua vez, será reavaliado a cada seis meses pela Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba” – diz o release do MPF/MG.

Nunca antes...
E sem entrar no mérito do que é bom ou ruim nesta história, vale destacar que a saúde pública de Uberaba nunca foi tão judicializada – com exceção, claro, dos medicamentos, já que a população, diante do risco de morte (principalmente de idosos e crianças) não pensa duas vezes para apelar ao Poder Judiciário para ter acesso a remédios. A judicialização agora, tem ganhado outros contornos...
Internações
Entre os destaques dos últimos dias está ação proposta pelo Ministério Público exigindo que o governo do Estado dê um jeito na falta de leitos em Uberaba - nem que seja através da aquisição/compra de leitos na rede privada. Com a defasagem de leitos na cidade, as UPA´s/Unidades de Pronto-Atendimento estão internando pacientes, mesmo não sendo estruturadas para isso.
Gerência
E o Poder Judiciário surpreendeu a todos, suspendendo, através de liminar, os contratos da Pró-Saúde/Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar com a Prefeitura de Uberaba. A OS venceu a licitação para gerenciar as duas Unidades de Pronto-Atendimento e o futuro Hospital Regional. Pedido é do Ministério Público.

Controvérsias
Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa de Minas Gerais chegou a aprovar um substitutivo para a proposta de criação da Região Metropolitana do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba: a chamada Aglomeração Urbana do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. Para o bem de todos e felicidade dos prefeitos que lideram o movimento, Paulo Piau – Uberaba, e Gilmar Machado (PT) – Uberlândia, a Comissão de Assuntos Municipais e Regionalização recuperou a ideia da RM.

Saúde é o que interessa...
Governo Paulo Piau baixou portaria no fim de semana fixando normas e procedimentos para a aquisição de medicamentos em caráter excepcional – assunto que mexe com a sensibilidade de gregos e troianos, ricos e pobres, brancos, negros, índios, solteiros, casados, idosos e até alunos de grupo, por envolver a VIDA acima de tudo!

Cadeiras da discórdia
Leitor da coluna – que não será identificado por uma série de motivos, mandou e-mail dos mais interessantes para a redação. Diz que está todo mundo, inclusive o Poder Judiciário, preocupado com o alto preço das cadeiras adquiridas pela atual mesa diretora da Câmara de Vereadores de Uberaba – mas, de acordo com ele, tem um problema tão, ou mais grave, envolvendo os polêmicos móveis em questão.
Ergonomia
O antenado autor do e-mail entende de ergonomia – assim chamado o conjunto de estudos relacionados com a organização do trabalho em função dos objetivos propostos e da relação homem-máquina. E revela: as cadeiras não se encaixam sob a mesa quando o vereador está sentado.
“O espaço para as pernas embaixo da mesa é relativamente pequeno, porque a mesa é curta; os braços das cadeiras são curvos e o usuário, ao se apoiar sobre eles, não fica bem acomodado” – detalha. E conta que viu cadeira com proteção improvisada para evitar que o assento seja danificado quando passa junto aos tampos laterais da mesa.
Sofrimento
O “ergonomista” tem, inclusive, preocupação com a saúde/postura de alguns vereadores em especial, tipo Samuel Pereira (PR), Ismar Vicente (PSB), Edmilson de Paula (PRTB), Marcelo Borges (DEM), Franco Cartafina (PRB) e o próprio comprador das cadeiras, o ainda presidente Elmar Goulart (SD) – que diga-se de passagem, é farmacêutico. Segundo ele, por terem os corpos avantajados, estes vereadores “devem estar sofrendo muito com o incômodo provocado pelas polêmicas cadeiras”.

FOTO: DIVULGAÇÃO/TRE-MG
PRONTOS PRA POSSE – Condição legal para que eles possam tomar posse para o próximo mandato (que começa em 2015), os eleitos em Minas Gerais foram diplomados pelo Tribunal Regional Eleitoral. Entre eles, o governador Fernando Pimentel (PT) e o vice Antônio Andrade (PMDB), o senador Antonio Anastasia (PSDB), 53 deputados federais e 77 deputados estaduais.
Prata da casa
Entre os 53 deputados federais estão três com domicílio eleitoral em Uberaba: os reeleitos Marcos Montes (PSD) e Aelton Freitas (PR) e o eleito Adelmo Leão (PT). Deputado federal majoritário na cidade (e no Triângulo Mineiro), Marcos Montes foi eleito com 116.175 votos, sendo 52.735 de Uberaba. Adelmo recebeu um total de 57.921 votos, sendo 19.212 de Uberaba. E Aelton foi eleito com 91.103 votos, sendo 16.605 de Uberaba.
Ligações
Não possuem domicílio eleitoral em Uberaba, mas têm ligações próximas, os deputados federais José Silva (SD) – reeleito, e Caio Narcio (PSDB) – eleito. Zé Silva recebeu um total de 109.925 votos - sendo 1.461 obtidos em Uberaba. Caio foi eleito com 101.040 votos, sendo 5.251 de Uberaba.

Majoritário, por enquanto...
Dos 77 futuros integrantes da Assembleia Legislativa de Minas, só um tem domicílio eleitoral em Uberaba: o reeleito Antônio Lerin (PSB). Ele recebeu 36.916 votos no Estado. Destes, 18.208 foram dados pelo eleitorado de Uberaba, onde, por enquanto, ele é deputado estadual majoritário.
Na cola
Vale ressaltar que Lerin pode perder a condição de deputado estadual majoritário de Uberaba. É que dois suplentes – Tony Carlos (PMDB) e Wagner Jr. (PR), tiveram mais votos do que ele, na cidade, e pelo menos um está muito perto de também ocupar uma cadeira na Assembleia no mandato 2015/2018.
Fava contada - Atual deputado estadual Tony Carlos - 2º suplente da coligação Minas Para Todos (PMDB/PT/PROS/PRB), tem praticamente garantida uma cadeira na Assembleia, visto que integra a base aliada do governador eleito, que, por sua vez, deve chamar deputados estaduais da coligação para ocupar cargos na gestão. Tony obteve 39.359 votos no Estado, sendo 33.017 em Uberaba.
Recapitulando
Circulando na imprensa de Belo Horizonte: os deputados estaduais reeleitos André Quintão (PT), Paulo Guedes (PT), Tadeu Leite (PMDB) e Sávio Souza Cruz (PMDB) serão secretários de Estado no governo Fernando Pimentel. Integram, portanto, a coligação Minas Para Todos (PMDB/PT/PROS/PRB).

Standby
Aliás, três políticos com domicílio eleitoral em Uberaba estão na lista dos que serão diplomados como suplentes da Assembleia Legislativa no dia 19 de janeiro de 2015. É que os três primeiros suplentes de deputado federal e de deputado estadual serão diplomados nesta data, no próprio TRE/MG, em sessão especial, ainda com horário a ser definido.

Coisas...
Outro com domicílio eleitoral em Uberaba a ser diplomado dia 19 de janeiro é Wagner Jr. Ele saiu das urnas como 2º suplente do PR. Recebeu 42.949 votos, sendo 26.651 de Uberaba. Não foi aliado na campanha, mas não está descartada sua chegada à Assembleia, uma vez que o governador eleito anda de conversa com o PR e pode chamar deputados estaduais eleitos do partido para a composição do seu grupo de trabalho.
...da política
A situação se repete – apesar de mais complicada, com o vereador Samuel Pereira - 3º suplente do PR. Samuel conquistou 27.904 votos, destes, 7.469 de Uberaba.
E também será diplomado dia 19 de janeiro o delegado de Polícia Heli Geraldo de Andrade (PEN) – que não tem domicílio eleitoral na cidade, mas é uberabense, e a família reside em Uberaba. É o 2º suplente de deputado estadual da coligação Sou + Minas (PEN/PHS/PRP). Recebeu 18.400 votos, sendo 12.715 em Uberaba.

De raspão
Apesar da boa performance, o vice-prefeito Almir Silva não será diplomado. Ele é o 4º suplente do PTdoB. Obteve uma votação geral de 19.999 votos, sendo 14.060 de Uberaba.
----------------------

CANDIDATA - Forte candidata a assumir o comando da Superintendência Regional de Ensino/Uberaba, Marilda Ribeiro participou da plenária do SindUte que aprovou a indicação do seu nome. A ex-vereadora teve grande parte de sua trajetória de vida formatada no SindUte

Apoio peso pesado
No que depender do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação – SindUte/Uberaba, a subsecretária Municipal de Educação, Marilda Ribeiro Resende, vai assumir o comando da Superintendência Regional de Ensino, braço da Secretaria de Estado de Educação em Uberaba e região. Nome foi aprovado durante plenária da diretoria do SindUte/Uberaba, e anunciado em verso e prosa, através das redes sociais, pela presidente da entidade, Maria Helena Gabriel.
PT/PMDB
Filiada histórica do PT que deu sustentação para grande parte de sua trajetória política, inclusive o cargo de vereadora, Marilda Ribeiro deixou a legenda em meio a desconfortos eleitorais em 2012. Desembarcou no PMDB a convite do principal líder do partido na cidade, o prefeito Paulo Piau, e assumiu a 1ª vice-presidência do Diretório Municipal – cuja vigência terminou dia 25 de novembro de 2014.
Agora é a hora
As plenárias regionais foram planejadas pelo SindUte de Minas Gerais, que se reuniu com a equipe de transição do governador eleito Fernando Pimentel (PT) e pediu a substituição de todos os superintendentes de ensino, além do compromisso de ouvir o sindicato da categoria na escolha dos substitutos. Vale lembrar que ao longo da campanha de 2014, o SindUte/MG fez oposição ostensiva contra o PSDB – adversário de Fernando Pimentel, inclusive com várias publicações pagas na imprensa.

EX-ALUNOS VISITAM UNIUBE APÓS 60 ANOS DA FORMATURA
Por iniciativa do ex-aluno Celso Colichio, formado em Odontologia na Uniube, há 60 anos, hoje residindo em São Joaquim da Barra (SP), um grupo formado por oito cirurgiões-dentistas visitaram os  campi Centro e Aeroporto e o Mário Palmério Hospital Universitário.
Eles foram recepcionados pelo reitor Marcelo Palmério, que reconheceu a importância deles para a história da Uniube e disse que  ficou feliz de poder apresentar a universidade para eles de uma forma melhor do que quando se formaram. Alguns estavam acompanhados de esposas, filhos e outros familiares.
Ex-alunos que formam o grupo:  Norival Firmino - São José do Rio Preto (SP);
Ariovaldo Ferreira Leite - São Paulo  (SP); Décio de Almeida Azevedo - Santa Rita do Sapucaí (MG); Josaphat Vieira Marques - Uberlândia (MG); Celso Colichio - São Joaquim da Barra (SP); Nadir Couto Rosa - Franca (SP); Mamede de Oliveira - Monte Alto (SP); Geraldo Gonçalves - Franca (SP).

MUNDO POLÍTICO  – Aelton Freitas, Paulo Piau e Almir Silva comemoram a vitória do prefeito em 2012. O vice-prefeito eleito, Almir Silva, na época era filiado ao PR de Aelton, e hoje está no PTdoB, pelo qual se candidatou a deputado estadual em 2014

Ajeitamentos
Com dois vereadores entre os filiados – Samir Cecílio e Samuel Pereira, e nada menos do que dois suplentes de deputado estadual, o PR/Uberaba se adequa aos movimentos políticos atuais...
Retomada
Explicitamente aliado do PT de Dilma Rousseff – reeleita presidente, e de Fernando Pimentel – eleito governador de Minas Gerais, o deputado federal reeleito Aelton Freitas está retomando a presidência do partido.
Sine qua non
Entre os suplentes (1º, 2º e 3º) que serão diplomados dia 19 de janeiro, em Belo Horizonte, pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais – TRE/MG, estão o ex-presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande/Cohagra, Wagner Jr., e o vereador Samuel Pereira, ambos filiados ao PR.
Dose dupla
Como já foi dito acima, Wagner Jr. saiu das urnas na condição de 2º suplente da legenda em Minas Gerais, com um total de 42.949 votos, enquanto Samuel ficou com a 3ª suplência, com 27.904 votos. Problema (que em política se resolve facilmente) é que o PR participou da coligação derrotada Todos Por Minas, que apoiou a candidatura de Pimenta da Veiga (PSDB) a governador. Inconformado, Aelton Freitas se afastou do PR – e apoiou o adversário Fernando Pimentel.
Metade do caminho
Ao se reaproximar do PR e reassumir a presidência em Uberaba, Aelton Freitas facilita parte das tratativas com o governador eleito – “dono” de cargos aos montes para preencher a partir de janeiro de 2015. Basta que Fernando Pimentel convide dois deputados estaduais eleitos pelo PR para funções no governo estadual, e Wagner Jr. assume cadeira na Assembleia Legislativa.
(??????????????)
Mas, a volta de Aelton Freitas ao comando municipal da legenda – com Wagner Jr. de 1º vice-presidente, provoca tensões entre os observadores da política local. Afinal, não é segredo pra ninguém que o filho de Wagner e Isabel do Nascimento sonha em ser prefeito de Uberaba. Dizem as más línguas que ele está de olho nas eleições de 2016 (gestão 2017/2020)... quando o atual prefeito Paulo Piau (PMDB) deve disputar a reeleição. Detalhe: Aelton Freitas e Wagner Jr. fazem parte da base aliada de Paulo Piau.

Política...
Vale lembrar, inclusive, que o prefeito de Uberaba comeu o pão que o diabo amassou ao apoiar a candidatura de Aelton Freitas à reeleição em 2014. Paulo Piau apanhou mais do que saco de pancadas nas redes sociais, mas se manteve firme na decisão de cumprir o acordo que veio lá de 2012, durante sua campanha de prefeito. Na época, Aelton afastou o PR da candidatura do deputado estadual Antônio Lerin (PSB) – principal adversário de Paulo Piau, e o conduziu para a base do hoje prefeito.
...e políticos
Mais do que integrar a coligação que apoiou a candidatura de Paulo Piau, o PR e Aelton Freitas indicaram o vice – o radialista Almir Silva, na época filiado à legenda. Hoje, no PTdoB, o vice-prefeito se candidatou a deputado estadual e saiu das urnas na condição de  4º suplente, com 19.999 votos.

Recapitulando
A exemplo de Wagner Jr., o vice de Paulo Piau também queria o cargo de prefeito em 2012, mas foi convencido, inclusive por Aelton Freitas, a desistir e se tornar vice do candidato do PMDB. Por sua vez, Wagner foi à luta no 1º turno e saiu da disputa em quarto lugar, com 24.243 votos, na época pelo PTC – que depois trocou pelo PR. No 2º turno, apoiou Piau, e acabou se tornando o presidente da Cohagra, cargo que deixou em 2014 para concorrer a deputado estadual.

Contorcionismo
(Versão 2)
Enquanto isso, o deputado federal reeleito, majoritário em Uberaba, presidente do PSD local, ex-prefeito em duas gestões, Marcos Montes, se esforça pra convencer que não está nem aí para as eleições de 2016.
-------------------

Sindicalização
Presidente da Associação dos Profissionais de Propaganda/APP Uberaba, Tiago Fonseca, e os diretores Fábio Lacerda e Mário Hueb, participaram de reunião do Sindicato das Agências de Propaganda de Minas Gerais/Sinapro-MG), realizada na sede da Fiemg em Uberlândia. Entre os objetivos da APP Uberaba está a conquista para a cidade de uma sede regional do Sindicato.
Descentralização
Na reunião, o vice-presidente do Sinapro/MG, José Luis da Silva, e o diretor Mário Dalcântara, apresentaram o planejamento para 2015, com o foco na aproximação dos mercados regionais. "Percebemos que a ideia do Sinapro/MG é corrigir uma 'miopia estratégica' que focou durante tempos apenas a capital e a região metropolitana do Estado", comenta Tiago Fonseca.
------------------
PROJETO DO ATUAL GOVERNO MUNICIPAL, O "CINEMA NA PRAÇA" TEM ATRAÍDO GRANDE
 PÚBLICO NOS BAIRROS - COM PARTICIPAÇÃO DE CRIANÇAS E ADULTOS
Exclusivo
O CINEMA ONTEM E HOJE
*Guido Bilharinho

Antes do advento da expansão da TV e do surgimento e extraordinária ampliação da internet, só havia para divulgação e exibição de filmes uma única e isolada possibilidade: o circuito de cinemas de rua. Nele eram projetados praticamente todos os filmes produzidos no país e os importados.
Todavia, esse único meio de exibição fílmica sofreu, primeiro, a concorrência da TV e, depois, das fitas alugadas por intermédio das locadoras.
Com o desenvolvimento natural da TV surgiram os canais pagos, alguns deles exclusivamente destinados a filmes.
Além disso, com a internet verificou-se a possibilidade de se acessar e baixar milhares de filmes existentes em sites especializados.
Por essa simples exposição, verifica-se que a viabilização da exibição cinematográfica diversificou-se e expandiu-se consideravelmente, facilitando a divulgação e o acesso aos filmes em substituição ao único e acanhado modo anterior de exibição cinematográfica, conquanto sacrificando, primeiro, os cinemas de rua e, depois, as próprias locadoras de fitas e de dvds, transferidos aqueles para a segurança e o conforto das salas de exibição dos shoppings e estas para as projeções on-line.
Nunca, pois, o cinema teve tantos e tão diversificados sistemas de exibição, permitindo, ainda, acesso a filmes antigos, inclusive, do cinema mudo, o que não era possível ao tempo dos restritos e (restritivos) cinemas de rua.
Desde o início, a produção cinematográfica (como a música e a literatura principalmente) dividiu-se em filmes de valor artístico e cultural e os destinados à diversão e passatempo.
Calcula-se, a grosso modo, com possibilidade de erro para pouco mais ou pouco menos, que 95% (noventa e cinco por cento) da produção cinematográfica em todos os tempos não passe de filmes comerciais.
Com a referida multiplicidade de exibição e divulgação, esses 95% presentificaram-se consideravelmente nos variados dispositivos de exibição, dando a impressão de que o cinema, no quesito de qualidade, está decadente ou mesmo tenha desaparecido.
Contudo, nunca se realizaram tantos e tão bons filmes (de valor artístico e cultural), quanto se vem fazendo.
Nunca, também, se filmou tanto para atendimento dos múltiplos mecanismos de exibição.
Essa pulverização exibicionista dificultou (e dificulta), no entanto, o acesso aos bons filmes por falta de informação e orientação.
Nos velhos tempos dos cinemas de rua, quando os filmes demoravam, em média, um ano para chegar ao interior depois de lançados no Rio e em São Paulo, esse lapso temporal permitia obter-se indicação sobre a produção fílmica por intermédio da crítica cinematográfica publicada nos jornais, o que não mais acontece, inclusive porque essa crítica não dá mais conta de assistir e comentar o grande número de filmes colocados em exibição simultaneamente nos diversos recursos hoje disponíveis.
Assim, exige-se mais do espectador interessado para pesquisar e garimpar os filmes de valor. Que os há, e muitos, realizados em mais de cem países, com produção vigorosa, artística e cultural, tanto nos Estados Unidos (o cinema independente), na Europa, Japão, Brasil, Argentina e em países antes praticamente impossibilitados de fazê-lo, a exemplo do Irã, Coreia do Sul e Egito.
Do Brasil, pode-se citar, nesses últimos catorze anos, entre inúmeros outros, os notáveis Bicho de Sete Cabeças; Tônica Dominante; Abril Despedaçado; Amarelo Manga; Cidade de Deus; Cinema, Aspirina e Urubus; Memórias Póstumas; O Invasor; Durval Discos; Linha de Passe e o filme uberabense deste ano, Supernova, de Guilherme Tensol.
A proporção de filmes de valor não só se manteve como até se ampliou. A dificuldade é, pois, se ter informação deles, já que até as revistas especializados em cinema no Brasil deixaram de circular.
Contudo, essa carência será provida a tempo e modo, já que as necessidades humanas engendram os meios e soluções para atendê-las e supri-las.
Assim, pois, ao contrário da impressão fornecida pela multiplicidade de divulgação cinematográfica hoje existente, que representa considerável progresso tecnológico, o cinema nunca esteve tão pujante como produção (nunca se filmou tanto), e nem menos valorizado como realização artística e cultural, evidentemente apenas na costumeira franja de 5% (cinco por cento) do total produzido, franja que carece, no entanto, da divulgação necessária para alcançar o universo dos expectadores mais exigentes.

*Guido Bilharinho é advogado atuante em Uberaba, editor da revista internacional de poesia Dimensão de 1980 a 2000 e autor de livros de literatura, cinema, história do Brasil e regional, entre eles, Brasil: Cinco Séculos de História - inédito; cinéfilo, crítico de cinema, historiador, “imortal” da Academia de Letras do Triângulo Mineiro
-------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário