17 de setembro de 2015

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS

TERREMOTO
JORNALISTA DO TRIÂNGULO MINEIRO USA REDE SOCIAL PARA NARRAR VISITA AO CHILE
O país não faz fronteira com o Brasil, mas, mesmo assim, tremores foram sentidos em algumas regiões brasileiras
SANDRA SATIKO ABRAÇA ESTÁTUA DE PABLO NERUDA; EM SEGUIDA VAI AO CENTRO DE
SANTIAGO DO CHILE PRA CONFERIR A SITUAÇÃO  (FOTOS: FACEBOOK)
Eram 8h40 do dia 16 de setembro, quarta-feira, quando a jornalista mineira Sandra Satiko – a Tikó, nascida em Uberaba, onde seguiu grande parte de sua trajetória profissional, e hoje assessora de imprensa na vizinha Uberlândia, postou em seu Facebook uma foto do Mercado Central de Santiago, um dos principais pontos turísticos do Chile. “O dia começa tarde em Santiago. As peixarias no Mercado Central começam a montar suas barracas às 7h” – narrou a turista, se queixando do frio, mas, ao mesmo tempo, curtindo o passeio. 
A partir daí, as postagens tinham o objetivo de contar detalhes, desabafar e tranquilizar os amigos no Triângulo Mineiro – de Uberaba e Uberlândia. Em resumo, só falavam do assunto que ganhou mundo naquela noite, quando o Chile foi abalado por um terremoto de magnitude 8,3 - segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS). Um alerta de tsunami foi emitido pelas autoridades para toda a região costeira. A imprensa brasileira lembrava o tempo todo que o terremoto de 2010, que deixou centenas de mortos no Chile, teve magnitude 8,8.
Entre as postagens na rede social, Tikó revelou que ela e os amigos que a acompanham na viagem tiveram que cancelar a ida a Concha y Toro – se referindo à maior vinícola do Chile e uma das maiores produtoras de vinho do mundo. Em vez da degustação de vinho, Tikó e os amigos decidiram ir ao centro de Santiago... “Para certificarmos se está tudo bem mesmo!”
A jornalista contou que, quando o tremor de 8,3 aconteceu, ela estava em Valparaíso. Localizada a 112 km a nordeste da capital Santiago, Valparaiso é o porto principal do Chile e é conhecido por seu ar boêmio e artístico, além de belas vistas. Sua cidade histórica é declarada Patrimônio Cultural da Humanidade pela arquitetura colonial, e é sede da casa do poeta Pablo Neruda – Nobel de Literatura. 
Pessoal! Conseguimos chegar ao hotel em Santiago! Estávamos em Valparaíso onde fomos conhecer La Sebastiana, uma das casas de Pablo Neruda” – contou Tikó. As postagens da jornalista evidenciaram os sentimentos contraditórios: medo e admiração. 
Em uma destas postagens, desabafou: “Existe um pânico de alerta! Fomos orientados a tentar dormir de roupa e calçados. Meu quarto fica no térreo e ficaremos todos juntos. Seja o que Deus quiser! Viva Chile! Viva Neruda!”
Pouco depois Tikó voltou ao Facebook: “Mais um tremor! O trigésimo! Os hóspedes desceram em um segundo. Estamos tentando manter a calma, mas não o humor dos brasileiros. Tá começando a ficar difícil é manter a zenzisse”...
E acrescentou: “Usar casaco de frio, água na mochila e documento no bolso! Tá tudo arrumado!”
No dia seguinte, Tikó informava: “Estamos bem e super seguros! ‪#‎chile‬ ‪#‎terremoto‬”. ‬‬

FERNANDO PIMENTEL RECEBE REIVINDICAÇÕES DE PAULO PIAU, LEEM JUNTOS,
SE EXPLICAM, E NO FINAL, SE DÃO POR SATISFEITOS. PELO MENOS É O QUE INDICA
A SÉRIE DE FOTOS DE ENERSON CLEITON
VISITA DO GOVERNADOR DE MINAS A UBERABA TERIA RENDIDO ATÉ PROMESSAS DE BASTIDORES
Dizem as más línguas – e as boas também, que o lançamento do Fórum Regional Triângulo Sul/sede Uberaba, pelo governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), não é o que parece, ou seja, não foi o que ficou explícito aos olhos dos simples mortais. 
Sorrisos, abraços, apertos de mãos calorosos por parte do prefeito Paulo Piau (PMDB) teriam razão de ser: nos bastidores ele teria recebido a garantia de que, custe o que custar, Uberaba terá a planta de amônia da Petrobras, e, de quebra, o gasoduto do Estado.
E teve também, o que não deixou dúvida pra ninguém: anúncios de mais recursos para o Hospital Regional e o Hospital Hélio Angotti. Por sinal, motivos suficientes para a festa com que o governador foi recebido pelo prefeito de Uberaba.
O PETISTA FERNANDO PIMENTEL CERCADO DE PEEMEDEBISTAS DE TODOS OS LADOS - PRESIDENTE DA LEGENDA EM UBERABA, FERNANDO HUEB, DEPUTADO ESTADUAL TONY CARLOS, VICE-GOVERNADOR E PRESIDENTE ESTADUAL DO PARTIDO, ANTÔNIO ANDRADE, E O PREFEITO PAULO PIAU. LÁ NO FUNDO, OBSERVANDO TUDO ESTÁ O PRESIDENTE DA CÂMARA DE VEREADORES, LUIZ DUTRA - QUE ESTARIA DE MUDANÇA DO SOLIDARIEDADE PARA O PMDB
(FOTO: SEBASTIÃO SANTOS)

ALGUÉM, EM SÃ CONSCIÊNCIA, ACREDITA QUE PAULO PIAU DARIA ESTE ABRAÇO EM FERNANDO PIMENTEL SE NÃO ESTIVESSE SATISFEITO COM ELE?!  (FOTO: SEBASTIÃO SANTOS)
-----------------
PREPARADO PREVENTIVAMENTE SEMANAS ATRÁS, O SISTEMA DE TRANSPOSIÇÃO DE ÁGUAS DO RIO CLARO PARA O RIO UBERABA VAI ENTRAR EM FUNCIONAMENTO  (FOTO: CODAU)
CLIMA 
TRANSPOSIÇÃO DE ÁGUAS DEVE ENTRAR EM FUNCIONAMENTO EM UBERABA
Com o período de seca intenso dos últimos dias a direção do Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba/Codau programa para os próximos dias o acionamento das bombas do sistema de transposição do rio Claro para complementar a vazão do rio Uberaba. Na estação de captação o rio Uberaba já apresenta níveis baixos de água devido às altas temperaturas registradas nos últimos dias.
A previsão do tempo para as próximas semanas não é promissora e não há previsão de chuvas para a região do Triângulo e todo Sudeste - segundo a assessoria do Codau, citando informações do Climatempo. "Não há expectativas de chuvas para toda a região, por causa de um bloqueio instalado sobre a América do Sul, que dificulta a passagem das frentes frias sobre o sul do Brasil. Isso impede a chegada chuva até o Triângulo. No final do mês, seguindo a previsão, começa a se formar uma frente fria mais intensa que tem possibilidades de atingir a região sudeste e provocar chuvas em Uberaba" - revela nota divulgada pela assessoria.
Em 2014 foram 120 dias de bombeamento entre os meses de julho e novembro. Segundo a Defesa Civil de Minas Gerais, 100 cidades do estado estão sob decreto de emergência devido à seca.  “É essencial que a população mantenha a postura do consumo consciente para que os efeitos da estiagem não cheguem a nos atingir mais drasticamente”, lembra o presidente do Codau, engenheiro Luiz Guaritá Neto.
-------------------

RAÍSSA MACHADO - QUE ENFEITA OS
TRENS DO METRÔ DO RIO, ESTÁ DE VIAGEM
MARCADA PARA O CATAR
SEM DESCANSO
PRÓXIMA PARADA: MUNDIAL EM CATAR
Atletas da Associação de Deficientes Físicos de Uberaba/Adefu vão participar da quinta edição do Mundial Paralímpico de Atletismo, que será promovido pelo Comitê Paralímpico Internacional entre os dias 21 e 31 de outubro, em Doha, no Catar. 
A última edição ocorreu em Lyon, na França, em 2013, quando o Brasil conquistou 40 medalhas, sendo 16 de ouro, dez de prata e 14 de bronze, o que rendeu ao país a terceira posição no quadro geral de medalhas.
O Mundial Paralímpico de Atletismo 2015 será disputado por 1.300 atletas de 90 países. As competições serão sediadas no Estádio Suhaim Bin Hamam, do Catar Sports Club.
Convocação
A lista dos convocados pelo Comitê Paralímpico Brasileiro foi divulgada neste dia 17 de setembro, quinta-feira,  e é composta por 39 atletas – entre eles, Raíssa Machado e José Humberto Rodrigues, de Uberaba, e 14 atletas-guia. 
Atletas da Adefu acabam de voltar de São Paulo com ouro e prata conquistados na etapa brasileira de atletismo do Circuito Loterias Caixa.  Antes disso, a entidade foi representada nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto, Canadá, e em seguida no campeonato geral dos jogos regionais centro-oeste de bocha realizados em Brasília. Medalhas foram conquistadas em todas as competições, inclusive outo e prata.

SOPA DE LETRINHAS
TSE CRIA 33º PARTIDO, ENQUANTO O 34º AGUARDA JULGAMENTO
Plenário do Tribunal Superior Eleitoral/TSE aprovou  a criação da 33ª legenda em condições de disputar as eleições já em 2016. Partido Novo conquistou o registro definitivo. Além das 492 mil assinaturas entregues ao TSE, o Novo fundou nove diretórios estaduais (em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Rio Grande do Norte) e quatro núcleos de apoio (no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Pernambuco). 
A ideia de criar a legenda surgiu em 2011 entre empresários, médicos, advogados e outros profissionais do setor privado, principalmente, motivados por participar da política institucional sem vínculos com "políticos tradicionais", segundo os dirigentes. As regras do partido só admitem aqueles que têm ficha limpa e impedem que qualquer um com cargo no Legislativo ou no Executivo exerça cargo de direção na legenda.
Expectativa
Enquanto isso, o pedido de registro do Partido da Mulher Brasileira/PMB – que chegou a entrar em sessão para julgamento, continua com vistas para o ministro Gilmar Mendes, TSE. 

LÍVIA E CAUÃ JÁ MANDARAM SEUS DESENHOS
O MUNDO DAS IMAGENS
(Versão infantil)
Shopping Center Uberaba lança Concurso Cultural de Desenhos, que se estenderá até o dia 27 de setembro, dividido em duas modalidades: Júnior (3 a 6 anos) e Teen Júnior (7 a 10 anos). A inscrição é gratuita e quem se inscrever ainda ganha um presente que deve ser retirado no SAC-Administração do centro de compras. O tema do desenho é "Minha família é assim". O participante deverá postar a foto do desenho nas redes sociais do Shopping Uberaba com a hashtag #minhafamíliaéassim.
Critérios
Os interessados podem participar com quantos desenhos quiser. Os desenhos devem ser feitos à mão livre. Na hipótese de a foto do desenho ser postada na rede social Instagram, o perfil do titular deverá ser aberto para visualização de todos os públicos. Caso o perfil seja privado, a foto postada será automaticamente desclassificada deste concurso cultural. 
Brindes
As primeiras 550 crianças que postarem ou entregarem o desenho ao SAC do Shopping Uberaba, poderão retirar, no próprio SAC, um brinde de incentivo por sua participação, somente no período de duração da campanha ou enquanto durar o estoque. 
Exposição 
Após o período de participação serão escolhidos quatro desenhos de cada faixa etária, para uma exposição fotográfica em que serão retratados a família da criança e o seu desenho. Além disso, as crianças autoras dos desenhos premiados receberão um kit para desenho. As fotos dos desenhos postados serão repostadas pelo perfil oficial do Shopping Uberaba. Já os desenhos entregues ao SAC serão fotografados e postados pelo Shopping Uberaba também em seu perfil oficial.  O regulamento está disponível no site www.shoppinguberaba.com.br .

A FOTO DOS FOTÓGRAFOS
O MUNDO DAS IMAGENS
(Versão adulta)
Fundação Cultural – praça Rui Barbosa, 356, inaugurou a exposição "Uberaba: Minha Terra, Minha Gente", que reúne mais de 60 fotografias profissionais e amadoras. Com olhar especial, os fotógrafos mostram a riqueza do patrimônio histórico material e imaterial de nossa cidade através de suas lentes. A exposição está aberta para visitação com entrada gratuita até 15 de outubro.
-------------------
SESSÃO DE 17 DE SETEMBRO DE 2015  (FOTO: NELSON JR/SCO-STF)
Supremo conclui julgamento sobre financiamento de campanhas eleitorais
Matéria permitindo que empresas doem para partidos foi aprovada na Câmara e está com a Presidência da República para veto ou sanção; diante da decisão do STF ela deve vetar
*Texto: Comunicação STF
*Fonte: Site STF
O Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu nesta quinta-feira (17) o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4650 e declarou a inconstitucionalidade da doação de pessoas jurídicas a partidos políticos e campanhas eleitorais. A ação foi ajuizada pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) contra dispositivos da Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) e da Lei dos Partidos Políticos (Lei 9.096/1995).
A ADI foi tema de uma audiência pública realizada em 2013, convocada pelo relator, ministro Luiz Fux, e começou a ser julgada pelo Plenário em dezembro daquele ano. Na sessão desta quinta, foram apresentados os votos dos ministros Teori Zavascki, que fez complementação de voto proferido anteriormente, das ministras Rosa Weber e Cármen Lúcia e do decano da Corte, ministro Celso de Mello.
Ao final, votaram pela procedência da ADI quanto à inconstitucionalidade da doação por pessoas jurídicas os ministros Luiz Fux, Joaquim Barbosa (aposentado), Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Marco Aurélio e Ricardo Lewandowski. Já os ministros Teori Zavascki, Gilmar Mendes e Celso de Mello votaram pela improcedência da ação, considerando constitucionais as doações de pessoas jurídicas. O ministro Edson Fachin não votou por suceder o ministro Joaquim Barbosa.
Ministro Teori Zavascki
O ministro Teori Zavascki, que já havia votado em 2013, apresentou na sessão desta quinta uma complementação de seu voto. De acordo com ele, a maneira mais segura de se reduzir conflitos entre interesses públicos e privados, com menor número de consequências imprevistas, pode ser o acréscimo da explicitação de novas vedações às hipóteses já previstas no artigo 24 da Lei 9.504/1997 e no artigo 31 da Lei 9.096/1996, uma vez que a Constituição oferece padrões normativos inteligíveis, que impedem que a política seja praticada em benefício de clientes preferenciais da administração pública.
Com esse argumento, o ministro propôs que fossem vedadas, no mínimo, contribuições de pessoas jurídicas ou de suas controladas e coligadas que mantenham contratos onerosos celebrados com a Administração Pública, a contribuição de pessoas jurídicas a partidos e candidatos diferentes que competirem entre si. Por fim, disse que as pessoas jurídicas que contribuírem com campanhas políticas devem ser proibidas de celebrar contratos com a Administração Pública até o término da gestão subsequente.
Ministra Rosa Weber
Em seu voto pela inconstitucionalidade da doação por pessoas jurídicas, a ministra Rosa Weber salientou que o financiamento de campanhas eleitorais e partidos políticos é uma questão delicada, de difícil equacionamento. A face real do problema é sombria, e não há um sistema perfeito ou ideal que possa afastar possiblidade de fraude, argumentou.
A ministra disse que o artigo 14 (parágrafo 9º) da Lei Maior oferece densidade normativa suficiente para o controle da constitucionalidade dos dispositivos questionados. Segundo ela, há no texto constitucional comando expresso para que legislação de regência assegure a normalidade e legitimidade das eleições contra influência do poder econômico.
Ao mencionar o desequilíbrio de forças na campanha eleitoral perpetrado pelo poder capital, a ministra salientou que essa interferência pode culminar por transformar processos eleitorais em um jogo político de cartas marcadas.
Ministra Cármen Lúcia
Ao acompanhar o voto do relator, a ministra Cármen Lúcia lembrou que o artigo 1º (parágrafo único) da Constituição diz que “todo poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição”, frisou a ministra em seu voto. No processo eleitoral na democracia representativa ou semidireta, povo é quem elege e pode ser eleito, quem vota e pode ser votado. Para a ministra, a participação no processo eleitoral depende dessa condição de cidadania.
Cármen Lúcia falou da igualdade de oportunidades no pleito, e salientou que a influência do poder econômico, de que fala o artigo 14 (parágrafo 9º) da Constituição, desiguala candidatos e partidos. Aquele que detém maior soma de recursos é aquele que têm melhores contatos com empresas, e depois vai representar esses interesses, e não o interesse de todo povo, o interesse legítimo que embasa a democracia.
Ao finalizar seu voto pela procedência da ação, a ministra salientou que, qualquer que seja a decisão da Corte, o essencial é que se faça o devido controle do que decidido, para que se resguarde a legalidade dos processos eleitorais.
Ministro Celso de Mello
O decano da Corte, ministro Celso de Mello, disse em seu voto que a Constituição Federal não cuida nem regula o tema das doações a campanhas políticas por pessoas jurídicas, apenas diz que abuso do poder econômico não será tolerado, sob pena de comprometer a normalidade e legitimidade do processo eleitoral. "A Lei Maior não veda a influência, o que a lei fundamental veda é exercício abusivo do poder econômico."
Pessoas jurídicas de direito privado têm interesses legítimos, cuja veiculação deve ser amparada e protegida pelo sistema jurídico, disse o decano. É preciso que isso se faça às claras, para permitir que se faça o efetivo controle, que cabe ao Ministério Público, a outros partidos e candidatos.
Ao concluir seu voto, acompanhando o ministro Teori Zavascki, o ministro disse entender que não contraria a Constituição o reconhecimento da possiblidade de pessoas jurídicas de direito privado contribuírem mediante doação para partidos políticos e candidatos em razão de campanhas eleitorais, desde que sob um sistema de efetivo controle que impeça abuso do poder econômico.
Resultado
Ao final do julgamento, o ministro Ricardo Lewandowski, presidente do STF, proclamou que "o Tribunal, por maioria e nos termos do voto do ministro relator, julgou procedente em parte o pedido formulado na ação direta para declarar a inconstitucionalidade dos dispositivos legais que autorizavam as contribuições de pessoas jurídicas às campanhas eleitorais, vencidos, em menor extensão, os ministros Teori Zavascki, Celso de Mello e Gilmar Mendes, que davam interpretação conforme, nos termos do voto ora reajustado do ministro Teori Zavascki. O Tribunal deliberou que a decisão valerá a partir da data de hoje e, portanto, aplica-se às eleições de 2016 e seguintes. Com relação às pessoas físicas, as contribuições ficam reguladas pela lei em vigor."

MARCOS MONTES COM A TURMA DO G9: PEDIDO DE ÉTICA NA POLÍTICA
SOB NOVA DIREÇÃO
COLEGIADO QUE REÚNE QUASE TOTALIDADE DO PIB/UBERABA QUER MARCAR PRESENÇA NAS ELEIÇÕES 2016
Dirigente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba/Aciu, o recém-eleito presidente do G9 - grupo que reúne nove entidades/instituições da cidade, Manoel Rodrigues, defende o envolvimento do colegiado nas eleições municipais de 2016. “Estamos conversando entre nós, os membros do G9, em busca de um entendimento sobre como esta participação vai acontecer” – diz ele.
De acordo com o presidente da Aciu e do G9,  o grupo quer participar do processo eleitoral, seja na viabilização de candidaturas de seus membros ou de outros integrantes das entidades que o colegiado representa.
Ética na política
Pouco tempo antes de Manoel Rodrigues ser eleito e assumir o comando do G9, o deputado federal majoritário de Uberaba, ex-prefeito em duas gestões, Marcos Montes, procurou o grupo para defender um projeto de fortalecimento político de qualidade na cidade. Presidente do PSD/Uberaba, MM diz que não é candidato a prefeito em 2016, mas garante que seu partido e ele vão se envolver profundamente no processo eleitoral.
Aos membros do grupo que participaram da reunião, Marcos Montes pregou a importância de as lideranças classistas se comprometerem com uma política ética, com candidatos ficha limpa, e de forma a rechaçar políticos que denigrem a imagem da cidade e da própria política. 
PIB municipal
O G9 reúne a grande massa do Produto Interno Bruto – PIB/Uberaba. Integram o colegiado, além da Aciu: o Sindicato da Indústria da Construção Civil; Câmara de Dirigentes Lojistas; Sociedade de Medicina e Cirurgia; Instituto de Engenharia e Arquitetura do Triângulo Mineiro; Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais; Sindicato Rural; Ordem dos Advogados do Brasil, e Centro das Indústrias do Vale do Rio Grande.
----------------

PAINEL EXCLUSIVO
XÔ, MESMICE! - NOVO ANEXO DOS GABINETES DOS VEREADORES DE UBERABA CHAMA A ATENÇÃO EM SEUS MÍNIMOS DETALHES, INCLUSIVE NA INOVADORA FIGURA DE CADA UM  - EM TAMANHO NATURAL, ESTAMPADA NA PORTA DO GABINETE QUE OCUPA  (FOTOS: COMUNICAÇÃO CÂMARA)
CASA NOVA
VEREADORES DE UBERABA TÊM NOVO ESPAÇO PARA ATENDER AO POVO
Com direito a presença de políticos – aliados de uns e opositores de outros, de vários partidos, muitos discursos e investimentos detalhados no Portal da Transparência da Câmara, foi inaugurado o novo Anexo Parlamentar 'Nagib Cecílio' que abriga os gabinetes dos vereadores de Uberaba.
Localizado na rua Vigário Silva, esquina com a rua Segismundo Mendes, no centro da cidade, as instalações foram projetadas para abrigar também, a Escola do Legislativo; a Biblioteca do Povo ‘Professora Terezinha Hueb de Menezes’; o acervo do Departamento de Documentação e Pesquisa; a TV Câmara; salas de reuniões e um anfiteatro para uso da comunidade de um modo geral.
Os plenários – um histórico e aberto apenas para visitações, e outro para realização das sessões dos vereadores, funcionam em imóvel tombado pelo patrimônio público e localizado a poucos metros de distância do anexo.
---------------

ARTIGO ESPECIAL/EXCLUSIVO
O CINEMA EM UBERABA

(*) Guido Bilharinho

Invenção do Cinema
Após séculos de experimentos e invenções diversas, desde principalmente o princípio da câmera escura de Leonard Da Vinci (1452-1519), acelerados e multiplicados no século XIX, inclusive com as contribuições paralelas da invenção da fotografia por Niepce em 1822, de seu aperfeiçoamento por Daguerre posteriormente e pela descoberta da fotografia instantânea por Maddox em 1851 e, ainda, a invenção do celuloide por Eastman em 1884, o cinema finalmente surgiu na década de 1890 com a invenção do quinetoscópio por Edison em 1891 e, por fim, pelo cinematógrafo dos irmãos Lumière em 1895.
Em 22 de março desse último ano foi realizada a primeira sessão privada de cinema em Paris pelos Lumière, que reprisaram o feito em 28 de dezembro desse ano no Grand Café, na primeira sessão pública paga de cinema, considerados data e lugar históricos do nascimento do cinema.

O Cinema no Brasil
Em 08 de julho de 1896, ou seja, seis meses e alguns dias após a exibição pública inaugural em Paris, ocorreu a primeira sessão também pública de cinema no Brasil, no Rio de Janeiro.

O Cinema em Uberaba
As Primeiras Sessões
Consoante Carlos Pedroso, em pesquisa efetuada no Lavoura e Comércio, a primeira sessão cinematográfica em Uberaba deu-se em 14 de abril de 1900 no teatro São Luís, apresentada pelo fotógrafo paulista Rizzo, que já estivera na cidade como fotógrafo, porém, desta feita, trazendo também o cinematógrafo movido a dínamo portátil.
O primeiro filme com enredo completo, intitulado A Vida de Joana d’Arc, foi exibido em Uberaba, segundo o citado pesquisador, em 20 de abril de 1902.
Em 28 de setembro de 1905 aconteceu no São Luís a primeira sessão do “cinematógrafo falante” (com uso de discos em aparelhos sonoros colocados atrás da tela), também por empresário paulista.
Em 13 de novembro de 1930 ocorreu a primeira sessão em Uberaba de cinema sonoro, no cine Alhambra.

Os Primeiros Cinemas
Ao tempo do mudo Uberaba teve diversos cinemas, alguns de curtíssima duração. Pela ordem cronológica de fundação (até onde se sabe) foram:

1) Paris Teatro, na praça Rui Barbosa, primeiro prédio acima da Câmara, montado pelo empresa paulista de Francisco Serrador, inaugurado em agosto de 1910 e incendiado no mês seguinte.

2) Triângulo, na rua Artur Machado esquina com a futura av. Leopoldino de Oliveira, onde hoje funciona uma pastelaria, fundado por volta de 1910 por Salvador Bruno. “Muito frequentado, ponto obrigatório de diversão de toda a sociedade uberabense. Ali, conhecemos o cinema, os de nossa geração”, segundo José Mendonça (História de Uberaba, 1974, p. 136).

3) Pathé, fundado em 1912 por Joaquim Machado Borges, na rua Artur Machado esquina com a antiga ladeira dos Estados Unidos, hoje rua Antônio Sebastião Costa, “no lado direito de quem sobe [....] durou apenas seis meses”, informou José Pascoalini em depoimento a Jorge Alberto Nabut (Coisas Que Me Contaram Crônicas Que Escrevi, 1978, p. 66).

4) Uberaba Cinema, inaugurado possivelmente em 1913 por Ernesto Riccioppo e Belmiro Santos na rua Júlio Bueno Brandão, atual Manuel Borges, no local onde funcionou anos depois a drogaria Triângulo e hoje situa-se a loja Têxtil Abril.

5) Cinema do Círculo Católico, inaugurado em 01 de janeiro de 1917 no teatro existente nos jardins da residência do médico João Teixeira Álvares entre as ruas Artur Machado e João Pinheiro, onde, nesta, inaugurara em janeiro de 1905 o primeiro hospital particular de Uberaba, a Casa de Saúde N. S. de Lurdes.

6) Politeama, fundado em 1917 e fechado em 1929, situado na rua Manuel Borges no local anteriormente ocupado pelo Uberaba Cinema, com capacidade para seiscentas pessoas aproximadamente. “Foi dos cinemas que mais se perpetuou na memória popular” (Jorge Alberto Nabut, op. cit., p. 59).

7) Recreativa, fundado por Alfredo Silva em 1923, localizado na rua Manuel Borges esquina com rua Afonso Rato, de cunho exclusivamente religioso, não durando um ano.

8) Capitólio, situado na praça Comendador Quintino, inaugurado pela empresa Damiani, Bossini & Cia., em 11 de maio de 1925.

9) São José, estabelecido na rua Pires de Campos, próximo da rua Padre Zeferino, inaugurado em 1929 pela Cia. Damiani & Bossini.

10) Alhambra, inaugurado em 13 de outubro de 1928 por Sebastião Brás e Teobaldo Bossini na rua Artur Machado logo acima da Drogasil e onde se realizou a primeira sessão do cinema falado em Uberaba, em 07 de março de 1930.


11) Roial, no mesmo local do Capitólio, ao qual substituiu, passando a integrar o circuito da empresa Orlando Rodrigues da Cunha & Cia. Ltda. por volta de 1932 e posteriormente da Cia. Cinematográfica São Luís, encerrando suas atividades em 1959.

Com exceção, pois, do Alhambra a partir de março de 1930 e do Roial, os demais cinemas só apresentaram filmes mudos, suprindo a ausência de som com discos atrás das telas e mesmo música ao vivo com Graziela Lopes, Rigoleto de Martino e Antenógenes Silva no Paris Teatro, conforme informado por José Pascoalini no depoimento citado, ou com orquestras nos cinemas Politeama e Capitólio dirigidas pelo compositor e maestro Renato Frateschi. 

Os Cinemas Modernos
São Luís, inaugurado na praça Rui Barbosa onde foi o teatro do mesmo nome, em 25 de maio de 1931 pela empresa Orlando Rodrigues da Cunha & Cia. Ltda., alcançando grande repercussão dadas a modernidade da obra, a suntuosidade do mobiliário e da decoração e a eficiência da aparelhagem de projeção e som.
Metrópole, inaugurado em 12 de fevereiro de 1941 pela empresa Cinematográfica São Luís, capitaneada por Orlando Rodrigues da Cunha, um dos maiores, mais luxuosos e confortáveis do país com 1.746 poltronas.
Vera Cruz, situado na rua São Benedito esquina com rua José de Alencar, inaugurado pela companhia Cinematográfica São Luís em 19 de junho de 1949, tendo inicialmente 1.500 e, após a troca de poltronas, 1.200 lugares.
Uberaba Palace, fundado por empresa paulista de cinema em 18 de março de 1959 na av. Leopoldino de Oliveira próximo à rua Senador Pena, onde é hoje templo da Igreja Universal.

Os Cinemas de Shoppings
Face à chegada na cidade da televisão por volta de 1969/70 e do posterior advento dos canais pagos de TV com projeção ininterrupta de filmes e da organização de locadoras de fitas de vídeo e dvds, foram fechados com o decorrer do tempo todos os cinemas de rua, preponderando atualmente as salas situadas nos shoppings, bem menores do que aqueles, conquanto moderníssimas.

O Cine Clube de Uberaba
Nessa ininterrupta trajetória de aperfeiçoamento tecnológico e ampliação de suas possibilidades (a exemplo da trucagem ou efeitos especiais, do som, da cor, do cinemascope, da 3D, etc.), o cinema pautou e até mesmo condicionou a vida social da juventude de Uberaba, principalmente a de classe média, como de todas as cidades, em produção maciçamente destinada à diversão, mas com pequena percentagem de filmes de valor cultural e artístico, ressaltados, estudados e debatidos estes no Cine Clube de Uberaba, fundado em 1962 e atuante na década de 1960 e responsável pela divulgação na cidade das características fundamentais do cinema como arte e forma de cultura, formando toda uma geração consciente e exigente dessas prerrogativas.

(*) Guido Bilharinho é advogado atuante em Uberaba, editor da revista internacional de poesia Dimensão de 1980 a 2000 e autor de livros de literatura, cinema, história do Brasil e regional, articulista e membro da Academia de Letras do Triângulo Mineiro
------------------------



Nenhum comentário:

Postar um comentário