10 de fevereiro de 2016

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS


XÔ, AEDES!
CAMPANHA DA FRATERNIDADE COLOCA O DEDO NAS FERIDAS; NINGUÉM ESCAPA DO PUXÃO DE ORELHAS
Texto-base: CNBB
Lançada nesta Quarta-Feira de Cinzas, 10 de fevereiro, e realizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil/CNBB e pelo Conselho Nacional de Igrejas Cristãs/Conic, a Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016/CFE2016 põe o dedo nas feridas.
Nenhum ser humano escapa do puxão de orelhas - com o tema “Casa comum, nossa responsabilidade”, e o poder público também leva sua dose de bronca – com o lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24), numa referência ao saneamento básico, desenvolvimento, saúde integral e qualidade de vida dos cidadãos.
XÔ, AEDES!
Em mensagem aprovada pelo Conselho Episcopal Pastoral da CNBB e divulgada dia 4 de fevereiro, durante entrevista coletiva à imprensa, a entidade já dava uma indicação do que seria a Campanha da Fraternidade. O texto conclamou toda a Igreja no Brasil a continuar e intensificar a mobilização no combate ao mosquito aedes aegyti, transmissor da dengue, do vírus zika e do chicungunya.
DEFICIÊNCIA
De acordo com dados divulgados pelo Conic, mesmo entre as maiores economias do mundo, o Brasil possui mais de 100 milhões de pessoas sem saneamento básico. O Estado brasileiro tem deficiência na prestação de serviços relacionados ao tratamento da água e do esgoto e à coleta de lixo.
DIREITO
Diz o bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda/RJ e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-Religioso da CNBB, dom Francisco Biasin:
_O objetivo da Campanha da Fraternidade Ecumênica é assegurar o direito ao saneamento básico para todas as pessoas, sobretudo os últimos e os pequenos, a partir da nossa fé, para favorecer políticas públicas e atitudes responsáveis que garantam a integridade e o futuro da casa comum que é a natureza, a terra onde nós vivemos.
_ O atual modelo econômico, baseado no lucro, deve mudar, pois não favorece a biodiversidade e o desenvolvimento sustentável para a humanidade.
PARCERIA
O Conic é constituído pelas Igrejas: Apostólica Romana (ICAR), Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB), Presbiteriana Unida (IPU) e a Sirian Ortodoxa de Antioquia (ISOA).
Integram a Comissão da CFE2016: o Centro Ecumênico de Serviços à Evangelização e Educação Popular (Ceseep), a Visão Mundial e Aliança de Batistas do Brasil.
A Campanha também tem o apoio da Misereor, entidade episcopal da Igreja Católica na Alemanha que trabalha na cooperação para o desenvolvimento de países da Ásia, da África e na América Latina.
CAMPANHAS ECUMÊNICAS
A primeira Campanha da Fraternidade Ecumênica foi realizada em 2000, com o tema “Dignidade humana e paz” e  o lema “Novo milênio sem exclusões”. A segunda, em 2005, abordou “Solidariedade e Paz” e “Felizes os que promovem a paz”. A Campanha de 2010 tratou da “Economia e Vida”, a partir do lema “Vocês não podem servir a Deus e ao dinheiro”.

LÉLIA INÊS E OS FILHOS ISADORA CAPORALI, EDELWEISS FERNANDEZ,
ARTURO FERNANDEZ   (FOTO: ACERVO DA FAMÍLIA)
SONHOS SUSPENSOS
EMBOLIA E PARADA CARDIORRESPIRATÓRIA PÕEM ATIVISTA EM COMA
Permanece em coma no Hospital Universitário da Universidade de Uberaba/Uniube, uma das militantes políticas e ativistas das causas femininas mais atuantes e conhecidas de Uberaba: a psicóloga e ex-vereadora (1982/1988) Lélia Inês Teixeira.
No dia seguinte à alta de uma internação hospitalar de sete dias – ocorrida por causa da dengue, Lélia foi novamente internada. Em casa, ela sofreu uma embolia pulmonar, que provocou uma parada cardiorrespiratória. Desde então encontra-se no HU/Uniube, em coma. Deixou a Unidade de Terapia Intensiva/UTI e foi transferida para um quarto.
BOLETIM
Os filhos têm colocado os amigos a par da situação da mãe, através de postagens nas redes sociais, principalmente nos perfis da própria Lélia. “Seus sinais vitais estão bons, o coração funciona normalmente e ela já respira sozinha” – revelou a filha Isadora Caporali, em sua última postagem, dia 9 de fevereiro, terça-feira.
Porém, segundo ela, “ sua recuperação será bastante lenta, estamos falando de meses, talvez três, talvez mais. Por isso não temos notícias diárias para enviar. A única coisa que podemos fazer é dar estímulos diários”.
EM AÇÃO
Lélia Inês acaba de assumir a coordenação do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher/Caism, órgão que ajudou a implantar durante a gestão do ex-prefeito Marcos Montes (1997/2000 – 2001/2004). Foi nomeada recentemente pelo atual prefeito Paulo Piau (PMDB), com a missão de reorganizar o Caism.
Paralelamente, estava às voltas com a criação do movimento #AgoraéquesãoelasUberaba - baseado no movimento nacional denominado #Agoraéquesãoelas, que teve início em outubro de 2015.
Já instalado no Facebook, o movimento de Uberaba era planejado por Lélia como uma espécie de rede de atendimento às mulheres. Profissionais de vários segmentos, incluindo jornalistas, foram convidadas por ela e se engajaram na proposta, cujo lançamento, em 2016, previa a realização de uma ampla programação cultural.
Filiada ao PMDB, Lélia também articulava sua volta à Câmara de Vereadores.

SUPRAPARTIDARISMO
#Uberabaacimadetudoedetodos
Prefeito Paulo Piau - ao lado do vice, Almir Silva (PR), abriu as portas do seu gabinete para que o novo chefe da Polícia Civil de Uberaba, delegado Heli Andrade, se apresentasse e conversasse com a imprensa. Na oportunidade, o prefeito fez questão de dizer que a luta pela designação de Heli não foi isolada, mas sim, resultado de um conjunto de esforços. "Uberaba pediu, e coube a nós, levarmos e defendermos a reivindicação junto ao governo do Estado", afirmou o prefeito. Nomeação, segundo ele, contou com a atuação do deputado estadual Tony Carlos (PMDB), e com apoio direto dos deputados federais Aelton Freitas (PR), Marcos Montes (PSD) e Adelmo Leão (PT). "A designação dele é uma conquista para Uberaba, uma conquista da luta de todos no combate à criminalidade”, disse Paulo Piau. (Foto: Enerson Cleiton)

DE MUDANÇA
JANELA VAI PERMITIR TROCA DE PARTIDO SEM RISCO DE PERDER MANDATO
Será promulgada dia 18 de fevereiro, em sessão conjunta do Congresso Nacional – Senado e Câmara dos Deputados, a emenda constitucional que abre prazo para troca de partidos sem perda de mandato. De acordo com o texto (PEC 182/07), os detentores de mandatos eletivos poderão deixar os partidos pelos quais foram eleitos, nos 30 dias seguintes à promulgação da emenda.
Nome certo entre os que vão mudar, na região do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, é do deputado federal e ex-prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão. Ele troca o PP pelo PSD, levado pelas mãos do colega deputado e ex-prefeito de Uberaba, Marcos Montes, com apoio do ministro Gilberto Kassab (Cidades), fundador e líder nacional da legenda. MM preside o PSD em Uberaba e coordena a legenda na região.
Marcos Montes também trabalha para fortalecer a bancada de vereadores em Uberaba, sua principal base política. Com a “janela” de 30 dias, deve se filiar ao PSD o vereador Ismar Vicente, que vai deixar o PSB. Outro vereador, João Gilberto Ripposati, já deixou o PSDB e se filiou ao PSD - usando da prerrogativa que permite a mudança em casos de “grave discriminação pessoal, mudança substancial ou desvio reiterado do programa praticado pela legenda”.
QUE DUREZA!
O Congresso Nacional retomou as atividades normais após o recesso, com sessão solene realizada dia 3 de fevereiro. "Se 2015 já foi um ano difícil e complexo, com certeza 2016 não será diferente", desabafa o deputado federal Marcos Montes, lembrando que o Congresso está recepcionando todas as pendências do ano passado, entre elas, os pedidos de impeachment de Dilma Rousseff (PT) e de cassação do mandato do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ). "Teremos que nos desdobrar para encerrarmos este ciclo tão ruim para o Brasil - mas não será nada fácil", diz ele.
(Foto: Lúcio Bernardo Jr. - Câmara)

DATAS IMPORTANTES DO CALENDÁRIO ELEITORAL DE 2016
Filiação dos candidatos; título eleitoral; proibição de pré-candidato apresentar programa de rádio e TV; início e fim das convenções; proibição de enquetes eleitorais; prazos para comícios, alto-falantes, distribuição de material; começo e fim do horário eleitoral gratuito; propaganda eleitoral na internet

MARÇO
SÁBADO, 5.3.2016
*Último dia para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) publicar as instruções relativas às eleições de 2016

ABRIL
SEXTA-FEIRA, 1º.4.2016
*Data a partir da qual o Tribunal Superior Eleitoral promoverá, em até cinco minutos diários, contínuos ou não, requisitados às emissoras de rádio e televisão, propaganda institucional destinada a incentivar a participação feminina na política, bem como a esclarecer os cidadãos sobre as regras e o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro
SÁBADO, 2.4.2016
(6 meses antes)
*Prazo final para os que pretendam ser candidatos a cargo eletivo nas eleições de 2016 estarem com a filiação deferida no âmbito partidário
TERÇA-FEIRA, 5.4.2016
(180 dias antes)
*Data a partir da qual, até a posse dos eleitos, é vedado aos agentes públicos fazer, na circunscrição do pleito, revisão geral da remuneração dos servidores públicos que exceda a recomposição da perda de seu poder aquisitivo ao longo do ano da eleição

MAIO
QUARTA-FEIRA, 4.5.2016
(151 dias antes)
*Último dia para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio
*Último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do município pedir alteração no seu título eleitoral
*Último dia para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para seção eleitoral especial
SEXTA-FEIRA, 20.5.2016
*Último dia para os tribunais regionais eleitorais oficiarem ao Tribunal Superior Eleitoral informando a relação dos municípios que terão eleições com identificação biométrica híbrida

JUNHO
DOMINGO, 5.6.2016
*Data a partir da qual a Justiça Eleitoral deve tornar disponível aos partidos políticos a relação de todos os devedores de multa eleitoral, a qual embasará a expedição das certidões de quitação eleitoral
SEGUNDA-FEIRA, 13.6.2016
*Início do período para nomeação dos membros das mesas receptoras e pessoal de apoio logístico dos locais de votação para o primeiro e eventual segundo turnos de votação.
QUINTA-FEIRA, 30.6.2016
*Data a partir da qual é vedado às emissoras de rádio e de televisão transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena, no caso de sua escolha na convenção partidária, de imposição de multa prevista e de cancelamento do registro da candidatura do beneficiário

JULHO
SEXTA-FEIRA, 1º.7.2016
*Data a partir da qual não será veiculada a propaganda partidária gratuita e nem será permitido nenhum tipo de propaganda política paga no rádio e na televisão
TERÇA-FEIRA, 5.7.2016
*Data a partir da qual, observado o prazo de quinze dias que antecede a data definida pelo partido para a escolha dos candidatos, é permitido ao postulante à candidatura a cargo eletivo realizar propaganda intrapartidária com vistas à indicação de seu nome, vedado o uso de rádio, televisão eoutdoor
QUARTA-FEIRA, 20.7.2016
*Data a partir da qual é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador
*Data a partir da qual é assegurado o exercício do direito de resposta ao candidato, ao partido político ou à coligação atingidos, ainda que de forma indireta, por conceito, imagem ou afirmação caluniosa, difamatória, injuriosa ou sabidamente inverídica, difundidos por qualquer veículo de comunicação social
*Último dia para a Justiça Eleitoral dar publicidade aos limites de gastos para cada cargo eletivo em disputa
*Data a partir da qual não será permitida a realização de enquetes relacionadas ao processo eleitoral

AGOSTO
QUARTA-FEIRA, 3.8.2016
(60 dias antes)
*Data a partir da qual é assegurada a prioridade postal aos partidos políticos para a remessa da propaganda de seus candidatos registrados
SEXTA-FEIRA, 5.8.2016
*Último dia para a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador
 SÁBADO, 6.8.2016
*Data a partir da qual é vedado às emissoras de rádio e de televisão, em programação normal e em noticiário:
**transmitir, ainda que sob a forma de entrevista jornalística, imagens de realização de pesquisa ou de qualquer outro tipo de consulta popular de natureza eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado ou em que haja manipulação de dados;
**veicular propaganda política ou difundir opinião favorável ou contrária a candidato, partido, coligação, seus órgãos ou representantes;
**dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação;
**veicular ou divulgar, mesmo que dissimuladamente, filmes, novelas, minisséries ou qualquer outro programa com alusão ou crítica a candidato ou partido político, exceto programas jornalísticos ou debates políticos;
**divulgar nome de programa que se refira a candidato escolhido em convenção, ainda quando preexistente, inclusive se coincidente com o nome do candidato ou com a variação nominal por ele adotada. Sendo o nome do programa o mesmo que o do candidato, fica proibida a sua divulgação, sob pena de cancelamento do respectivo registro.
SEGUNDA-FEIRA, 15.8.2016
(48 dias antes)
*Último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem no cartório eleitoral competente, até as 19h, o requerimento de registro de candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador
*Data a partir da qual permanecerão abertos aos sábados, domingos e feriados os cartórios eleitorais e as secretarias dos tribunais eleitorais
TERÇA-FEIRA, 16.8.2016
(47 dias antes)
*Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral
*Data a partir da qual os candidatos, os partidos ou as coligações podem fazer funcionar, das 8h às 22h, alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos
*Data a partir da qual os candidatos, os partidos políticos e as coligações poderão realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8h às 24h, podendo o horário ser prorrogado por mais duas horas quando se tratar de comício de encerramento de campanha
*Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral na Internet, vedada a veiculação de qualquer tipo de propaganda paga
*Data a partir da qual, independentemente do critério de prioridade, os serviços telefônicos, oficiais ou concedidos, farão instalar, nas sedes dos diretórios devidamente registrados, telefones necessários, mediante requerimento do respectivo presidente e pagamento das taxas devidas
*Data a partir da qual, até as 22h do dia 1º de outubro, poderá haver distribuição de material gráfico, caminhada, carreata, passeata ou carro de som que transite pela cidade divulgando jinglesou mensagens de candidatos, observados os limites e as vedações legais
QUINTA-FEIRA, 18.8.2016
*Último dia para a Justiça Eleitoral enviar à publicação lista/edital dos pedidos de registro de candidatos apresentados pelos partidos políticos ou coligações
*Data a partir da qual os nomes de todos aqueles que constem do edital/lista de registros de candidatura publicado deverão ser incluídos nas pesquisas realizadas com a apresentação da relação de candidatos ao entrevistado.
SEXTA-FEIRA, 19.8.2016
*Último dia para os juízes eleitorais responsáveis pela propaganda eleitoral  no município realizarem sorteio para a escolha da ordem de veiculação da propaganda de cada partido político ou coligação no primeiro dia do horário eleitoral gratuito
SÁBADO, 20.8.2016
*Último dia, observado o prazo de quarenta e oito horas contadas da publicação do edital de candidaturas requeridas, para os candidatos escolhidos em convenção solicitarem seus registros ao juízo eleitoral competente, até as 19h, caso os partidos políticos ou as coligações não os tenham requerido
SEXTA-FEIRA, 26.8.2016
(37 dias antes)
*Início do período da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão

SETEMBRO
SEXTA-FEIRA, 2.9.2016
(30 dias antes)
*Último dia para os órgãos de direção dos partidos políticos preencherem as vagas remanescentes para as eleições proporcionais, observados os percentuais mínimo e máximo para candidaturas de cada sexo, no caso de as convenções para a escolha de candidatos não terem indicado o número máximo
*Último dia para entrega dos títulos eleitorais resultantes dos pedidos de inscrição ou de transferência
SEGUNDA-FEIRA, 12.9.2016
(20 dias antes)
*Data em que todos os pedidos de registro de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador, inclusive os impugnados e os respectivos recursos, devem estar julgados pelas instâncias ordinárias, e publicadas as decisões a eles relativas
*Último dia para os tribunais regionais eleitorais tornarem disponíveis ao Tribunal Superior Eleitoral, para fins de centralização e divulgação de dados, a relação dos candidatos às eleições majoritárias e proporcionais, da qual constará, obrigatoriamente, a referência ao sexo e ao cargo a que concorrem
*Último dia para o pedido de registro de candidatura às eleições majoritárias e proporcionais na hipótese de substituição, observado o prazo de até dez dias contados do fato ou da decisão judicial que deu origem à substituição, exceto em caso de falecimento de candidato, quando a substituição poderá ser efetivada após esse prazo
QUINTA-FEIRA, 15.9.2016
*Data em que será divulgado, pela Internet, em sítio criado pela Justiça Eleitoral para esse fim, o relatório discriminado das transferências do Fundo Partidário, dos recursos em dinheiro e dos estimáveis em dinheiro que os partidos políticos, as coligações e os candidatos tenham recebido para financiamento da sua campanha eleitoral e dos gastos que realizaram, desde o início da campanha até o dia 8 de setembro
SÁBADO, 17.9.2016
(15 dias antes)
*Data a partir da qual nenhum candidato poderá ser detido ou preso, salvo em flagrante delito
QUINTA-FEIRA, 22.9.2016
(10 dias antes)
*Último dia para o eleitor requerer a segunda via do título eleitoral dentro do seu domicílio eleitoral
TERÇA-FEIRA, 27.9.2016
(5 dias antes)
*Data a partir da qual nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou por desrespeito a salvo-conduto
QUINTA-FEIRA, 29.9.2016
(3 dias antes)
*Último dia para a divulgação da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão
*Último dia para propaganda política mediante reuniões públicas ou promoção de comícios e utilização de aparelhagem de sonorização fixa, entre as 8h e as 24h, com exceção do comício de encerramento da campanha, que poderá ser prorrogado por mais duas horas
*Último dia para a realização de debate no rádio e na televisão, admitida a extensão do debate cuja transmissão se inicie nesta data e se estenda até as 7h do dia 30 de setembro de 2016.
*Data a partir da qual, até 1º de outubro, o Tribunal Superior Eleitoral poderá divulgar comunicados, boletins e instruções ao eleitorado, em até dez minutos diários requisitados das emissoras de rádio e de televisão, contínuos ou não, que poderão ser somados e usados em dias espaçados, podendo ceder, a seu juízo, parte desse tempo para utilização por Tribunal Regional Eleitoral
SEXTA-FEIRA, 30.9.2016
(2 dias antes)
*Último dia para a divulgação paga, na imprensa escrita, de propaganda eleitoral e a reprodução, na Internet, de jornal impresso com propaganda eleitoral

OUTUBRO
SÁBADO, 1º.10.2016
(1 dia antes)
*Último dia para a entrega da segunda via do título eleitoral
*Último dia para a propaganda eleitoral mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre as 8h e as 22h
*Último dia, até as 22h, para a distribuição de material gráfico e a promoção de caminhada, carreata, passeata ou carro de som que transite pela cidade divulgando jingles ou mensagens de candidatos
DOMINGO, 2.10.2016
DIA DAS ELEIÇÕES
*Data em que se realizará a votação do primeiro turno das eleições
*Data em que há possibilidade de funcionamento do comércio, desde que os estabelecimentos que funcionarem neste dia proporcionem efetivas condições para que seus funcionários possam exercer o direito/dever do voto
*Data em que é permitida a manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor por partido político, coligação ou candidato
*Data em que é vedada, até o término da votação, a aglomeração de pessoas portando vestuário padronizado, bem como bandeiras, broches, dísticos e adesivos que caracterizem manifestação coletiva, com ou sem utilização de veículos
*Data em que, no recinto da cabina de votação, é vedado ao eleitor portar aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas, filmadoras, equipamento de radiocomunicação ou qualquer instrumento que possa comprometer o sigilo do voto, devendo a mesa receptora, em caso de porte, reter esses objetos enquanto o eleitor estiver votando
*Data em que é vedado aos fiscais partidários, nos trabalhos de votação, o uso de vestuário padronizado, sendo-lhes permitido tão só o uso de crachás com o nome e a sigla do partido político ou coligação
*Data em que constitui crime o uso de alto-falantes e amplificadores de som ou a promoção de comício ou carreata, a arregimentação de eleitor ou a propaganda de boca de urna e a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos
*Data em que é permitida a divulgação, a qualquer momento, de pesquisas realizadas em data anterior à realização das eleições e, a partir das 17h do horário local, a divulgação de pesquisas feitas no dia da eleição.
*Último dia para candidatos arrecadarem recursos e contraírem obrigações, ressalvada a hipótese de arrecadação com o fim exclusivo de quitação de despesas já contraídas e não pagas até esta data
*Data a partir da qual, até 14 de outubro, os dados dos resultados relativos ao primeiro turno estarão disponíveis em centro de dados provido pelo Tribunal Superior Eleitoral.
SEGUNDA-FEIRA, 3.10.2016
(dia seguinte ao primeiro turno)
*Data a partir da qual, decorrido o prazo de vinte e quatro horas do encerramento da votação (17h no horário local), será permitida a promoção de carreata e distribuição de material de propaganda política para o segundo turno, bem como a propaganda eleitoral mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre as 8h e as 22h, promoção de comício ou utilização de aparelhagem de sonorização fixa, entre as 8h e as 24h, podendo o horário ser prorrogado por mais duas horas quando se tratar de comício de encerramento de campanha
QUINTA-FEIRA, 6.10.2016
(4 dias após o primeiro turno)
*Último dia para o juízo eleitoral divulgar o resultado provisório da eleição para prefeito e vice-prefeito, se obtida a maioria absoluta de votos, nos municípios com mais de 200 mil eleitores, ou os dois candidatos mais votados, sem prejuízo desta divulgação provisória ocorrer, nas referidas localidades, tão logo se verifique matematicamente a impossibilidade de qualquer candidato obter maioria absoluta de votos.
SÁBADO, 15.10.2016
(15 dias antes do segundo turno)
*Data a partir da qual nenhum candidato que participará do segundo turno de votação poderá ser detido ou preso, salvo no caso de flagrante delito
*Data limite para o início do período de propaganda eleitoral gratuita, no rádio e na televisão, relativa ao segundo turno, observado o prazo final para a divulgação do resultado das eleições
TERÇA-FEIRA, 25.10.2016
(5 dias antes do segundo turno)
*Data a partir da qual nenhum  eleitor poderá ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou por desrespeito a salvo-conduto
QUINTA-FEIRA, 27.10.2016
(3dias antes do segundo turno)
*Último dia para propaganda política mediante reuniões públicas ou promoção de comícios e utilização de aparelhagem de sonorização fixa, entre as 8h e as 24h, com exceção do comício de encerramento da campanha, que poderá ser prorrogado por mais duas horas
SEXTA-FEIRA, 28.10.2016
(2 dias antes do segundo turno)
*Último dia para a divulgação da propaganda eleitoral gratuita do segundo turno no rádio e na televisão
*Último dia para a divulgação paga, na imprensa escrita, de propaganda eleitoral do segundo turno
*Último dia para a realização de debate, não podendo estender-se além da meia-noite
SÁBADO, 29.10.2016
(1 dia antes do segundo turno)
*Último dia para a propaganda eleitoral mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre as 8h e as 22h
*Último dia, até as 22h, para a distribuição de material gráfico e a promoção de caminhada, carreata, passeata ou carro de som que transite pela cidade divulgando jingles ou mensagens de candidatos
DOMINGO, 30.10.2016
DIA DA ELEIÇÃO
*Data em que se realizará a votação do segundo turno das eleições
------------------------
EVOLUÇÃO ELEITORADO UBERABA

PARTIDOS COM COMANDO


ELEITORADO GRAU DE INSTRUÇÃO

ELEITORADO POR SEXO

FILIADOS UBERABA
---------------------


Nenhum comentário:

Postar um comentário