28 de outubro de 2016

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS

Apesar dos pesares
UBERABA SALTA 13 PONTOS DE 2014 PARA 2016 NO RANKING DAS MELHORES DO PAÍS PARA FAZER NEGÓCIO
Entre as cidades mineiras, Uberaba saltou da 6ª colocação para a 3ª. Evolução acontece num momento de grave crise econômica, inclusive com altos índices de desemprego no Brasil
Desde a estreia da série divulgada pela revista Exame (editora Abril) em 2014, Uberaba saltou 13 pontos no ranking das 100 melhores cidades com mais de 100 mil habitantes para fazer negócio. Em relação a 2015, subiu duas posições.
A cidade aparece agora, em 2016, na 55ª colocação nacional entre os mais de 300 municípios com mais de 100 mil habitantes. Em 2014, quando a série começou, Uberaba estava na 68ª posição, saltando para a 57ª em 2015.
Entre as cidades mineiras, Uberaba saltou da 6ª colocação em 2014, para a 4ª posição em 2015, e está agora, em 3º lugar.
A manchete de capa é óbvia: “Mais fortes que a crise”.
Metodologia
A revista explica que a terceira edição da pesquisa da Urban Systems identificou as 100 cidades brasileiras acima de 100 mil habitantes com as melhores condições para a realização de negócios. Foram analisados 28 indicadores, como PIB per capita, renda média dos trabalhadores, conexão de banda larga e docentes com ensino superior.
Reação 
Reportagem é comemorada pelo prefeito reeleito Paulo Piau (PMDB), mas ele faz questão de manter o pé no chão. Se diz orgulhoso do resultado da pesquisa e atribui a todos os uberabenses a responsabilidade pelos índices. Entretanto, lembra que ainda existem muitos desafios a serem enfrentados.
Expectativa – segundo ele, é de que, ao final do seu segundo mandato (2017/2020), Uberaba esteja em situação extremamente melhor. Vale ressaltar que o salto de 13 pontos no ranking aconteceu durante a primeira gestão de Paulo Piau (2013/2016).
--------------
TIETAGEM EXPLÍCITA - NEM O PREFEITO PAULO PIAU ESCAPOU.
A EXEMPLO DAS JOGADORAS DO SUB-20 E DE TODOS OS QUE TIVERAM ACESSO A ELE,
O JEITO FOI TIETAR O TÉCNICO JOSÉ ROBERTO GUIMARÃES, QUE ATÉ A FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE VOLEIBOL CHAMA DE "LEGENDÁRIO"
(FOTOS: NETO TALMELI)
Olheiro especial
LEGENDÁRIO DO VOLEIBOL DESEMBARCA EM UBERABA E PROVOCA FRISSON
Considerado legendário até pela Federação Internacional de Voleibol, o técnico da seleção brasileira feminina, José Roberto Guimarães, desembarcou em Uberaba na condição de "olheiro" das meninas que estão disputando o sul-americano na cidade. Objetivo do técnico é selecionar jogadoras para o time principal.
Zé Roberto é ex-jogador de vôlei e atual técnico da Seleção Brasileira de Voleibol Feminino. É o único técnico no mundo campeão olímpico com seleções de ambos os sexos: a seleção masculina em Barcelona1992 e a seleção feminina em Pequim2008 e Londres 2012. É o único tricampeão olímpico do esporte brasileiro.
Formado em Educação Física, 62 anos de idade, ele começou sua carreira no mundo do voleibol nos anos 1970. Defendeu vários times brasileiros e também atuou no voleibol italiano. Além disso, defendeu a Seleção Brasileira de Voleibol Masculino em Montreal 1976. Depois de atuar como jogador durante anos, José Roberto iniciou sua carreira como assistente técnico de Bebeto de Freitas em 1988. Nos anos 90 começou a treinar equipes nacionais femininas entre os anos de 1989 e 1991.
A partir do ano de 1992 José Roberto começou a treinar equipes nacionais masculinas. Daí, surgiu a oportunidade de comandar a Seleção Brasileira de Voleibol Masculino, onde conquistou os resultados mais expressivos do voleibol masculino brasileiro como a medalha de ouro nas Olimpíadas de Barcelona em 1992, entre outros títulos de Liga Mundial, Sul-americano e Copa do Mundo de Voleibol. José Roberto permaneceu na Seleção Masculina até a Olimpíada de Atlanta em 1996. Depois disso deixou de trabalhar com o voleibol e virou gerente de futebol no Corinthians.
Em 2000 José Roberto voltou a ser técnico de voleibol pela equipe feminina do Osasco onde conquistou vários títulos estaduais, nacionais e internacionais, além de três títulos da Superliga.
Em 2003, ele assumiu a Seleção Brasileira de Voleibol Feminino, promovendo uma renovação. Conquistou inúmeros títulos como Grand Prix, Sul-americano, Montreux Volley Masters e Copa dos Campeões. Mas também acumulou alguns fracassos como o da Olimpíadas de Atenas de 2004, Campeonato Mundial de Voleibol de 2006 e Jogos Pan-americanos de 2007. Em 2008, José Roberto conquista o heptacampeonato do Grand Prix e a primeira medalha de ouro olímpica do voleibol feminino brasileiro.
Em Londres 2012, José Roberto se tornou o primeiro técnico de voleibol do mundo a conquistar três medalhas de ouro olimpicas: uma no masculino e duas no feminino. O time brasileiro comandado por ele, após um início de competição difícil - na fase de grupos a seleção não foi bem e quase ficou de fora da etapa de chaves - chegou à final batendo os EUA por 3x1. O primeiro set foi vencido pela seleção norte- americana por 25 a 11, mas a Seleção Brasileira virou o jogo vencendo os 3 sets seguintes e garantindo a medalha olímpica de ouro.

DEU ZEBRA NO BRASIL
Apesar do histórico e de estar preparada para mais um ouro olímpico, a seleção feminina parou na China, nas quartas de final nas olimpíadasRio2016. As chinesas ganharam de virada por 3 a 2.
Classificada para o mata-mata na primeira colocação e sem um set sequer cedido, o time de José Roberto Guimarães viu no sistema defensivo seu principal problema na partida. Ainda assim, Zé Robereto não perdeu o título de "melhor do mundo".

-------------

A TURMA DO FUXICO - ELAS DEIXAM SUAS CASAS PELO MENOS UMA VEZ POR SEMANA PARA
EXERCEREM JUNTAS A MISSÃO DE VOLUNTÁRIAS DO ASILO SANTO ANTÔNIO
ASILO SANTO ANTÔNIO CONTA COM A COMUNIDADE PARA CUIDAR DE SEUS IDOSOS HÁ MAIS DE 100 ANOS
Coordenadores do centenário Asilo Santo Antônio de Uberaba lembram a comunidade – amigos, parceiros, admiradores, que a ONG está precisando de doações de roupas, calçados, bolsas e acessórios para seu bazar beneficente, que fica aberto de segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 16h. Doações podem ser entregues na sede – praça Tomás Ulhôa, 210, Abadia, ou basta ligar no telefone 3332-1747, que a instituição manda buscar.
Fuxico
Além disso, o asilo abre as portas dia 3/11, quinta-feira, para mais uma edição do tradicional Bazar do Fuxico – realizado pelas voluntárias da ONG. O Grupo do Fuxico se reúne toda segunda-feira no asilo para produzir trabalhos artesanais que são comercializados no bazar com renda 100% revertida para a instituição.




Fuxico = Amizade muito estreita que 
revela grande cumplicidade e afeição









----------------

XÔ, CORRUPÇÃO! - COM DIREITO À PRESENÇA DE EMPRESÁRIOS, ADVOGADOS, ESTUDANTES, LIDERANÇAS DA SOCIEDADE CIVIL E AUTORIDADES DA SEGURANÇA PÚBLICA - INCLUINDO
O CHEFE DA POLÍCIA CIVIL, DELEGADO HELI ANDRADE, O PROMOTOR JOSÉ CALOS FERNANDES ABRIU UMA SÉRIE DE PALESTRAS DE CONSCIENTIZAÇÃO CONTRA PROPINAS
(FOTOS: CLEONILDA SANTOS FERREIRA/FACEBOOK) 
PROMOTOR DE JUSTIÇA DIZ QUE VALE A PENA SER HONESTO
Palestras têm o objetivo de conscientizar o empresariado a não pagar propinas e acontecem em meio à maior investigação de corrupção do país
Em tempos de operação Lava Jato, vem aí uma série de palestras/conscientização. "Ser honesto é um bom negócio" - é o tema das palestras que o promotor de Justiça José Carlos Fernandes Júnior começou a proferir dia 28/10, sexta-feira, em Uberaba. O palestrante é coordenador do Grupo de Combate ao Crime Organizado/Gaeco de Uberaba, secretário-geral do Ministério Público de Minas Gerais/MPMG e um dos idealizadores da campanha de combate ao pagamento de propinas.
A promoção é do Ministério Público de Minas Gerais, Câmara de Vereadores, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), e parceria do Sindicato dos Produtores Rurais de Uberaba, Sindicato do Comércio Varejista/ Sindicomércio e Sindicato dos Trabalhadores no Comércio/SindComerciários.
Eventos são gratuitos e o primeiro aconteceu na sede da CDL/Uberaba, na rua Luiz Soares, 520, Vila Olímpica.
A proposta de conscientização do empresariado para não oferecer e nem pagar propinas tem toda razão de ser. Só a operação Lava Jato, maior investigação de corrupção e lavagem de dinheiro realizada no Brasil, já detectou o pagamento de cerca de R$ 6,5 bilhões em propinas – de acordo com o site do Ministério Público Federal/MPF. Peritos da Polícia Federal/PF calculam os prejuízos em mais de R$ 42 bilhões.


ALUNOS DO ENSINO MÉDIO PARTICIPAM DE PALESTRA SOBRE O MINISTÉRIO PÚBLICO
José Carlos Fernandes diz que ser promotor é uma missão
E por falar em Ministério Público, foi este justamente o tema de palestra ministrada esta semana por José Carlos Fernandes Júnior a estudantes do ensino médio do colégio Bernoulli, em Belo Horizonte.
O secretário-geral do MPMG lembrou que a origem da profissão se deu durante os regimes monárquicos, nos quais era necessário haver uma figura mediadora que representasse os interesses do rei. Com o passar do tempo, de acordo com o palestrante, as mudanças nos regimes de governo fizeram com que fosse necessária a criação de uma figura mediadora que deixasse de representar o rei, passando a representar os interesses da sociedade.
O promotor de justiça é o profissional que se apresenta como defensor da sociedade, partindo do pressuposto de que as demandas dela estão pautadas nas leis” – afirmou. Segundo ele, “sempre que houver uma situação na qual haja o interesse da sociedade, há a necessidade de um promotor de justiça”.
A partir dessa definição, o palestrante explicou sobre todas as etapas da carreira, desde o ingresso no Ministério Público, por meio de um concurso público, até o ponto mais alto da profissão, o cargo de procurador de Justiça.
José Carlos mostrou-se preocupado com o fato de muitos jovens escolherem a profissão tendo como único foco a remuneração.
Para ele, o salário deve ser encarado como um fator de estímulo para se tornar um promotor de Justiça, e não como o ápice de sucesso da carreira. O promotor disse encarar seu trabalho como uma missão e afirma que sua maior satisfação profissional se dá pelo fato de conseguir atuar efetivamente como um agente transformador da sociedade.
Por dentro do MP
A proposta do Por dentro do MP é aproximar o MPMG da sociedade, levando às comunidades escolares e à população, em geral, informações sobre as funções e o trabalho dos promotores de Justiça, as áreas de atuação do órgão e as formas de acesso ao Ministério Público.
---------------

DIVULGADA LISTA COM NOMES DOS JOVENS EMBAIXADORES 2017
Uberabense está entre os selecionados
Embaixada dos Estados Unidos divulgou os nomes dos 50 estudantes da rede pública selecionados para o Programa Jovens Embaixadores 2017. Entre eles, quatro mineiros, sendo um de Uberaba - o estudante de 17 anos, Pedro Henrique Dahdah Marino, aluno da Escola Estadual Aurélio Luiz da Costa.
Em Uberaba, o Instituto Cultural Brasil/Estados Unidos/Icbeu é que se encarrega da divulgação do projeto nas escolas públicas de ensino médio, de selecionar os jovens que estejam engajados com trabalhos voluntários, que saibam falar Inglês e que tenham perfil de liderança para participar do projeto. Toda a documentação é enviada para a embaixada americana, que se encarrega da escolha.
Pedro e outros 49 estudantes participarão do intercâmbio, de 13 de janeiro a 4 de fevereiro do ano que vem. Durante essas três semanas, eles passarão pela capital dos EUA, Washington, D.C., além de seguirem em grupos menores para diferentes cidades, onde ficarão hospedados em casas de famílias voluntárias.
Os jovens participarão de reuniões com autoridades do governo dos EUA, líderes comunitários, visitarão escolas e projetos sociais, participarão de atividades de voluntariado e, como representantes da juventude brasileira nos EUA, farão também apresentações sobre o Brasil, sua cultura e seu povo. No final da viagem, eles apresentarão planos de ação na área de voluntariado que serão implementados em suas comunidades após o retorno ao Brasil.
A lista completa dos selecionados está em http://embaixada-americana.org.br/ya2017names/
Mais informações no Icbeu, pelo telefone 3332-3161.

-------------------
MOMENTOS SELFIES - PREFEITO PAULO PIAU ADERIU AO JEITO DE FAZER
FOTOS NOS TEMPOS MODERNOS. OS TRÊS PRIMEIROS FLAGRANTES SÃO DE NETO TALMELI DURANTE O CRIA CRIANÇA, EVENTO REALIZADO NO DIA DAS CRIANÇAS NO UBERABÃO. O QUARTO FLAGRANTE É DE ENERSON CLEITON, QUANDO O PREFEITO E A LEVANTADORA JACKELINE MORENO PARTICIPAVAM DO LANÇAMENTO OFICIAL DO
SUL-AMERICANO SUB-20 FEMININO DE VÔLEI
-------------------


ARTICULAÇÕES - MARCOS MONTES E LUIZ DUTRA NO MAIOR TI-TI-TI DURANTE A FESTA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS EM COMEMORAÇÃO AO DIA DO SERVIDOR. ESTARIAM FALANDO SOBRE A MESA DIRETORA DA CÂMARA?! (FLAGRANTE DE MARCOS AURÉLIO PHOTOS)

JUNTOS E SEPARADOS

Até prova em contrário as duas principais forças políticas das eleições municipais de Uberaba em 2016 vão enfrentar-se nos próximos dois meses. Aliados até debaixo d´água na reeleição do prefeito Paulo Piau e eleição do vereador/futuro vice, João Ripposati, PMDB e PSD, respectivamente, anunciaram que pretendem disputar a presidência da Câmara de Vereadores.
Saído das urnas dia 2 de outubro com a terceira maior bancada de vereadores para a legislatura 2017/2020, o PSD presidido pelo deputado federal Marcos Montes foi o primeiro a revelar que iria para a disputa, e em dose dupla: com os dois vereadores, o reeleito Ismar Vicente Marão e o eleito de primeira viagem, Agnaldo Silva. “Quem se sair melhor terá meu apoio” – disse Marcos Montes.
Pouco depois foi a vez de o atual presidente da Câmara, vereador reeleito Luiz Dutra, do PMDB, colocar seu nome na briga. Fez isso com o aval do presidente peemedebista, professor Fernando Hueb – que também é chefe de Gabinete e braço direito de Paulo Piau.
Segunda maior bancada para o mandato 2017/2020, com três vereadores, o  PMDB tem um outro nome na manga. Mais votado da legenda, Rubério Santos também lançou sua candidatura ao comando da Câmara.
Para os entendidos em política, estão realmente na disputa Ismar Marão e Luiz Dutra. “Em política nada é impossível, mas é muito... muito... muito difícil que Agnaldo e Rubério consigam viabilizar uma candidatura levando em conta que são novatos na Câmara” – arriscam uns dois ou três desses entendidos.
-----------------

LUTO NAS REDES - AS REDES SOCIAIS SÃO USADAS POR BOA PARTE DOS SEUS FREQUENTADORES
PARA LAMENTAR A PERDA DE AMIGOS E FAMILIARES E/OU PARA SOLIDARIZAR-SE COM OUTRAS PESSOAS. FOTOS SÃO PRODUZIDAS ESPECIFICAMENTE PARA ESTES MOMENTOS
PSICÓLOGA FALA SOBRE A PERDA DE PESSOAS QUERIDAS
Às vésperas de Finados, Vera Dias reúne a comunidade para conversar sobre o luto, tema ainda tabu em plena era da comunicação
Educadora e psicóloga Vera Lúcia Dias (FOTO)convida para um bate-papo informal dia 29/10, sábado, das 10h às 12h, na sede da Livraria Lemos e Cruz – na avenida Maranhão, 1.419 – Vila Santa Maria. Na oportunidade, ela vai autografar suas obras “Quando a Morte nos Visita” e “Nas Tramas da Vida”, e conversar com os presentes sobre perdas, morte e luto. Vera Dias é mestre em Psicologia Clínica e especialista em Terapia do Luto e em Psicoterapia EMDR (Tratamento de Traumas).
Ela lembra que, em plena era da comunicação, temas como morte e luto ainda são tabus e considerados “inconvenientes” nas conversas tidas como “politicamente aceitáveis”. Desta forma – segundo ela, acabam não acontecendo as reflexões tão necessárias para provocar mudanças que sejam compatíveis com o avanço das demais áreas do conhecimento humano.
Tradicionalmente, nesse período próximo ao Dia de Finados, eu convido a comunidade para conversarmos sobre o luto” – diz ela. A data é lembrada em 2 de novembro.
-----------------

ILUSTRAÇÃO DO SITE
FOLIAS DE REIS E HIP HOP AGORA SÃO PATRIMÔNIOS CULTURAIS DE UBERABA
Com os dois decretos baixados recentemente, a cidade passa a contar com cinco bens culturais imateriais
Uberaba agora tem cinco bens culturais imateriais. Em decretos baixados na semana passada o prefeito reeleito Paulo Piau declarou patrimônios da cidade as Folias de Reis e o Hip Hop, cujos dossiês serão enviados ao Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais/IEPHA para inclusão no ICMS Patrimônio Cultural. Decretos também são assinados pelo presidente da Fundação Cultural de Uberaba, jornalista e professor Antônio Carlos Marques.
Hip Hop
Declaração de patrimônio acontece em meio às comemorações dos cinco anos de existência da Batalha do Calçadão na cidade – evento realizado quinzenalmente (sexta-feira) no calçadão da rua Artur Machado, quando os quatro elementos da cultura são expostos – dança, rima, break e grafite.
O decreto justifica que se trata de um movimento de cultura popular, uma forma de arte e de atitude que conquistou o mundo. Diz que é um estilo de vida, de se afirmar como sujeito social, de demarcar um território, valorizar uma identidade cultural e ocupar espaços públicos, e proíbe qualquer tipo de discriminação ou preconceito de natureza social, racial, cultural ou administrativa contra o hip hop na cidade. A partir de agora, os artistas deste estilo passam são declarados agentes da cultura popular.
Folias de Reis
O documento homologa o registro desta tradicional manifestação como patrimônio cultural e proíbe a descaracterização do movimento das Folias de Reis em Uberaba. Vale ressaltar que a Fundação Cultural e o Conselho de Patrimônio Histórico e Artístico de Uberaba (Conphau) estão realizando desde 2015 o processo de inventário das Folias de Reis da cidade, fazendo a catalogação das companhias através de registros fotográficos, filmagens e entrevistas, que revelarão detalhes importantes como o tempo que as companhias foram formadas, a quantidade de integrantes e a história de cada grupo.
Patrimônio imaterial
Além do Hip Hop e das Folias de Reis, também são bens culturais imateriais de Uberaba a Banda do 4º Batalhão de Polícia Militar; o Modo de Fazer o Sino em Uberaba - um dos seis do mundo que fabricam o equipamento artesanalmente; Festa de Nossa Senhora da Conceição e São José da Baixa – realizada anualmente no bairro rural da Baixa.

DIVULGADORES - A FAMOSA DUPLA SERTANEJA TONINHO E MARIETA  AO LADO DE FOLIÕES
NA DÉCADA DE 1950. FOTO É DO ACERVO DO ARQUIVO PÚBLICO DE UBERABA

CURIOSIDADE HISTÓRICA

As folias em Uberaba 
Desde 31 de dezembro de 1952, com a estreia do programa A Hora do Fazendeiro, na Rádio Sociedade do Triângulo (a PRE-5) -  a Folia de Reis deixou de ser apenas um aprendizado familiar e religioso em Uberaba. Sob o comando da famosa dupla sertaneja Toninho e Marieta, o programa promoveu a manifestação cultural e atraiu o interesse dos meios de comunicação de massa.
Em 1958, já com a Folia de Reis ganhando impulso, inclusive na região, a dupla investiu em outra iniciativa: criou o troféu Rei Mago para premiar a melhor companhia de folia, eleita por seu desempenho, na avaliação de jurados de vários bairros da cidade.
Em 1962, o encontro passou a acontecer na praça da Igreja Santa Rita, durante o período de Natal. Os grupos chegavam a se apresentar para  público de até 25 mil pessoas.
O número de companhias ampliou, e nos anos de 1980 foram criados programas de TV sobre o tema, popularizando ainda mais a manifestação.

A origem da Folia de Reis
A Folia de Reis é uma festa de origem portuguesa que chegou ao Brasil como uma dança com características de ritual religioso.
Seus participantes são uma mistura de raças: brancos, mulatos, negros, e os ritmos e ritos se incorporam às dramatizações litúrgicas da igreja católica. Assim a folia ganhou espaços no Brasil.
Simbolizando os três reis magos - Gaspar, Baltazar e Belchior, na busca do caminho para o Menino Jesus, as companhias de reis, no período de 24 de dezembro a 6 de janeiro, percorrem as cidades e a zona rural, cantando de casa em casa em busca de oferendas.
O que é arrecadado é utilizado no Dia de Reis, considerado o “dia da gratidão”.
Essa peregrinação representa a distância percorrida pelos reis magos de seus países até o local do nascimento de Jesus.

A formação da folia
Na formação de uma companhia de reis não existe uma regra definida para a quantidade de membros, mas o grupo costuma ser composto por oito a 12 pessoas.
Cada folião tem seu lugar e ocupa uma hierarquia na qual o capitão é o líder, que organiza e se responsabiliza pelo conjunto.
O alferes tem por função carregar a bandeira e receber contribuições durante as jornadas, enquanto os foliões - com seus instrumentos (sanfona, reco-reco, caixa, pandeiro, chocalho, viola, violão, entre outros), compõem a orquestra das folias.
Em algumas companhias existe palhaço que, segundo a lenda, tem por função proteger o Menino Jesus, confundindo os soldados do rei da Galiléia, Herodes, o Grande, que pretendiam matá-lo.

A bandeira
Os foliões fazem longas caminhadas, levando a bandeira em um estandarte de madeira ornado com motivos religiosos ao qual tributam especial respeito.
Conta a mitologia que após a adoração ao Menino Jesus, os magos receberam um manto azul de presente da Virgem Maria.
Ao abrirem o manto depararam com uma linda imagem deles próprios: os três reis ajoelhados aos pés de Jesus, adorando-o, ofertando seus presentes.
Para a companhia, a bandeira representa a estrela guia. Sob a liderança do capitão, a folia segue com reverência os passos da bandeira, cumprindo rituais tradicionais de inquestionável beleza e riqueza cultural.

A cantoria
A cantoria é a oração da folia e seus versos religiosos narram a viagem dos magos, a chegada da bandeira e a história de Cristo.
Inicialmente, o capitão tira os versos que são repetidos pelo coro.
A segunda e a terceira vozes realizam a primeira resposta integral da cantoria, também conhecida como contrato; a quarta e quinta vozes entram na metade dos versos cantando uma oitava acima, e no final, entra a sexta ou requinta voz, num grito agudo também chamado tala.

As fitas
As fitas não são economizadas na hora de enfeitar os instrumentos. As flores no violão e as rosas representam a bênção de Deus. Os foliões levam sobre os ombros uma toalha branca. Essa peça tradicional de seus vestuários é como uma farda para ser reconhecida durante as andanças e revela a missão que eles têm a cumprir.

A alvorada
A alvorada é o cortejo final da jornada da Folia de Reis - é o dia da festa e encerramento das funções. Uma ala de pastorinhas busca os festeiros em suas casas, enquanto a procissão segue com seus andores, um para cada rei mago enfeitado nas cores verde, amarela e vermelha.
É comum os participantes levarem outros andores como os de São Sebastião, São Benedito, Nossa Senhora Aparecida, entre outros, conforme a devoção.
Ao chegar ao local onde vai se realizar a festa, a cantoria é encerrada, anunciando a reza do terço, que é todo cantado.
A seguir inicia-se a coroação dos festeiros do próximo ano. Ao comando do canto pelo capitão e foliões, a madrinha promove a retirada da capa e da coroa da cabeça dos atuais festeiros e passa para os do ano seguinte.
Após o término da cerimônia, é servido o jantar com doces tradicionais. Finalmente, realiza-se o baile de Santos Reis, que vai até a madrugada.

Fontes: 
http://www.uberaba.mg.gov.br/portal/conteudo,23032
http://arquivopublicouberaba.blogspot.com/search?q=Folia+de+Reis
-----------------
PEDIDO DE SOCORRO - ÔNIBUS CONQUISTADO PELA ADEFU ESTÁ A CÉU ABERTO,
SEGUNDO CONFIRMA O FLAGRANTE DE MARCO AURÉLIO PHOTOS
ASSOCIAÇÃO PEDE APOIO PARA COLOCAR VEÍCULO EM FUNCIONAMENTO
A conquista de um ônibus - doado por um empresário que pediu para não ser identificado - é de grande importância para a Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba (Adefu) e seus associados que precisam de transporte.
Atualmente contando basicamente com a parceria da Prefeitura de Uberaba e a colaboração de alguns amigos, a Adefu não tem como manter os gastos com o veículo.
Por isso, está pedindo, mais uma vez, o apoio da comunidade. O ônibus está a céu aberto e a Adefu não tem como pagar estacionamento fechado, combustível e motorista. Quem puder fazer uma parceria ou ajudar de alguma forma, pode entrar em contato na sede (Rua Francisco Moreira Araújo, nº. 70/ Bairro Conjunto Uberaba I) ou pelos telefones 3338-9799 e 98854-9812.

ADEFU
É uma Organização Não-Governamental (ONG) que atende atualmente a cerca de 120 pessoas com deficiência por dia – entre crianças, adolescentes, adultos e idosos. Os programas incluem educação formal, oficinas de artesanato, dança, teatro, e acontecem em períodos diferenciados: alguns na parte da manhã, outros em tempo integral (o dia todo), além dos projetos específicos do sistema de rodízio. A sede funciona das 7h às 17h, diariamente.
Carro-chefe da Adefu, o programa de esporte adaptado funciona em tempo integral e é destinado a todos os associados – desde os que se enquadram no alto rendimento até os que buscam as atividades visando à qualidade de vida.
Adefu tem as prateleiras repletas de medalhas de ouro, prata e bronze conquistadas em mundiais planeta afora, e graças a esta performance sete de seus associados foram convocados e fizeram bonito nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 – quatro atletas e três técnicos.
---------------------





Nenhum comentário:

Postar um comentário