24 de novembro de 2016

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS

TONY CARLOS - LONGE DA ENCRENCA
Há males que 
vêm pra bem...
SUPLÊNCIA LIVRA TONY CARLOS DE XINGATÓRIOS E ENCRENCAS
Redução de salário à parte, o uberabense Tony Carlos, radialista, jornalista, ex-vereador e atual suplente de deputado estadual, tem mais é que agradecer a Deus por ter “perdido” a cadeira de parlamentar por algumas semanas. Se livra da encrenca – inclusive com riscos de vias de fato, que tomou conta da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, e do xingatório dos contra e favoráveis nas redes sociais.
PROCESSO
Em pauta, o ofício do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que pediu autorização dos deputados estaduais para a instauração de processo contra o governador Fernando Pimentel (PT) - denunciado na Operação Acrônimo, da Polícia Federal, que investiga um esquema de lavagem de dinheiro para campanhas eleitorais.
SUSPENSÃO
Encrenca armada, eis que o STJ enviou novo ofício, agora suspendendo, por dez dias, a tramitação do ofício anterior. Com isso, o novo ofício estica a permanência dos quatro deputados que se licenciaram para assumir secretarias no governo Pimentel, e que retornaram à Assembleia para reforçar o apoio em defesa do governador.
SUPLENTES FORA
O retorno de Carlos Henrique (PRB), Fábio Cherem (PSD), Ricardo Faria (PCdoB) e Sávio Souza Cruz (PMDB) afastou os suplentes Tony Carlos (PMDB), Geisa Teixeira (PT), Geraldo Pimenta (PCdoB) e Pinduca Ferreira (PP). Tony disputou as eleições em 2014 pela coligação PT, PMDB, PROS, PRB.
---------------

KAKÁ CARNEIRO, EX-SE LIGA
SE LIGA NA MUDANÇA
Há cerca de uma semana os releases da assessoria de imprensa do líder do PR na Câmara de Uberaba passaram por uma mudança significativa – ainda que o assunto pareça sem importância. O vereador reeleito está usando o nome Kaká Carneiro, em vez de “Kaká Se Liga” – nome que o tornou conhecido em programa na TV Universitária, e que ele sempre fez questão de usar na vida pública.
CRISE
Em meio à crise econômica e às reclamações dos lojistas do centro de Uberaba, o vereador tem liderado movimento pró-alternativas que possam melhorar a situação dos comerciantes, promovendo, inclusive, uma audiência pública no plenário da Câmara. Enquanto as mudanças definitivas não acontecem (tipo a revitalização do calçadão da rua Arthur Machado), Kaká Carneiro defende que algumas reivindicações emergenciais surgidas na audiência pública já sejam adotadas de imediato.
---------------

ALMIR SILVA - ENFIM PREFEITO
ÁGUA MOLE EM PEDRA DURA
Radialista e ex-vereador Almir Silva (PR) está sentindo o gostinho de realizar um sonho antigo: ser prefeito de Uberaba. Atual vice-prefeito, ele assumiu o cargo interinamente por causa de viagem do prefeito Paulo Piau ( PMDB) a Portugal - onde visita empresas a convite do Sebrae.
CHAVE DE OURO
Piau e outros prefeitos brasileiros ganharam esta oportunidade por terem sido eleitos Prefeitos Empreendedores/Sebrae. Almir Silva, portanto, fecha o mandato de vice com chave de ouro. A partir de janeiro de 2017 será vereador, enquanto a vice-prefeitura será ocupada pelo atual vereador João Ripposati (PSD). Coisas da política...
------------

MARCOS MONTES E RIPPOSATI - SEM MULTAS
TRÂNSITO EM JULGADO
Já que ninguém recorreu, está de volta à Zona Eleitoral 277ª de Uberaba o trânsito em julgado de representação movida pelo Ministério Público Eleitoral contra o presidente do PSD de Uberaba, deputado federal Marcos Montes, e dois filiados – o vereador e vice-prefeito eleito, João Gilberto Ripposati, e o sindicalista/servidor municipal Ângelo Guilherme. Os três foram acusados de fazerem propaganda eleitoral antecipada, através da divulgação de um vídeo repercutido por Guilherme no Facebook, em que Marcos Montes falava sobre as qualidades de Ripposati.
ALELUIA
A sentença da Justiça de Uberaba os condenava ao pagamento de multa no valor de R$ 5 mil, cada um. “Analisando os documentos carreados aos autos não é possível constatar na mensagem do vídeo, pedido expresso de apoio à candidatura de Ripposati” – diz o acórdão do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais – TRE/MG.
---------------

ANTÔNIO TONET - NO COMANDO
SOB NOVA DIREÇÃO
Procuradoria-Geral de Justiça de Minas Gerais tem chefe definido para o biênio 2017/2018. Nomeado pelo governador Fernando Pimentel foi o procurador Antônio Sérgio Tonet – que obteve 562 votos na eleição realizada dia 11/11. Ele integrou a lista dos três mais votados, que dividiu com os procuradores Jarbas Soares Júnior e Waldemar Antônio de Arimatéia. A posse do novo procurador-geral de Justiça está prevista para o dia 5 de dezembro. Ele substitui Carlos André Mariani Bittencourt, que está no cargo desde dezembro de 2012.
JOSÉ CARLOS FERNANDES 
PATRIMÔNIO PÚBLICO
Ministério Público de Minas Gerais também tem mudança importante em Uberaba. Em plena mobilização nacional em torno do combate à corrupção, a 15ª Promotoria de Justiça – Defesa do Patrimônio Público e Fundações, volta ao comando de José Carlos Fernandes Júnior. Ele assume dia 5/12 com responsabilidade sobre cinco cidades da comarca: Uberaba, Água Comprida, Campo Florido, Delta e Veríssimo.
RETORNO
Na sua primeira passagem pela 15ª Promotoria, José Carlos Fernandes atuou em 954 procedimentos. Número se refere ao período de 7 de dezembro de 2007 a 14 de junho de 2013, e foi o último balanço apresentado por ele antes de assumir função no Programa de Proteção ao Patrimônio Público (PPPP) do MPMG, através de designação da chefia.
QUE SUFOCO!
Apesar da fama de promotor “sem dó nem piedade”, “radical” e “condenador”, cerca de 50% dos procedimentos foram arquivados por ele. Na época, José Carlos fez questão de ressaltar que “os arquivamentos demonstram o cuidado do Ministério Público na análise das provas antes da propositura de qualquer ação judicial”. Ainda assim, ele propôs 222 ações civis públicas.

 "Não se combate corrupção apenas com o emprego de instrumentos de controle estatal, mesmo que se valendo de medidas de natureza penal, cível e administrativas, voltadas tanto à prevenção, quanto à repressão. Enquanto não houver uma conscientização dos brasileiros de que a mais importante das armas no combate à corrupção é o voto alicerçado em princípios republicanos, continuaremos experimentando essa sensação de enxugar gelo.”
José Carlos Fernandes Júnior, sobre a dificuldade de se acabar com a corrupção

Exportação
LIDERANÇAS EMPRESARIAIS DA CAPITAL MINEIRA TERÃO PALESTRA CONTRA PAGAMENTO DE PROPINA
E por falar em José Carlos Fernandes, ele aceitou o convite do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Minas Gerais e faz palestra em Belo Horizonte, dia 29/11, para associados do grupo. O tema é “Vale a Pena Não Pagar Propina/Ser Honesto é Um Bom Negócio”, lançado pelo Ministério Público de Uberaba, em parceria com o Sindicato do Comércio (Sindicomércio), Sindicato dos Comerciários (Sindcomerciários), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sindicato Rural e Câmara de Vereadores.
PÚBLICO-ALVO
Palestra acontece a partir das 11h, na sede da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Minas Gerais (rua Curitiba, 561/centro), e terá como público-alvo – segundo o presidente do sistema, Lázaro Luiz Gonzaga: os empresários do comércio de bens, serviços e turismo; diretores e quadro funcional da Fecomércio. Eventos são gratuitos e o primeiro aconteceu em Uberaba.
LAVA JATO
A proposta de conscientização do empresariado para não oferecer e nem pagar propinas tem toda razão de ser. Só a operação Lava Jato, maior investigação de corrupção e lavagem de dinheiro realizada no Brasil, já detectou o pagamento de cerca de R$ 6,5 bilhões em propinas – de acordo com o site do Ministério Público Federal/MPF. Peritos da Polícia Federal/PF calculam os prejuízos em mais de R$ 42 bilhões.
--------------------

EMPATE NA REPATRIAÇÃO
Para os briguentos de Uberaba e Uberlândia – que “disputam” cada benefício/prejuízo entre as duas maiores cidades do Triângulo Mineiro, vai aqui uma notícia, que tanto pode ser boa quanto ruim, dependendo de como é encarada... Pelo menos no que se refere à repatriação 2016, deu empate. Cada uma terá direito a receber R$ 3 milhões 254 mil 493,14.
PACIÊNCIA
Pra quem não captou direito ou anda cansado de tanto ouvir falar em repatriação é bom aprender e apreender o assunto e ter muita paciência. Senado acaba de aprovar um projeto que reabre, em 2017, o prazo para a repatriação.
REPATRIAÇÃO
Através da matéria (que vai passar pela Câmara), o contribuinte que mantém recursos no exterior não declarados à Receita Federal do Brasil pode regularizar sua situação. A etapa de 2016 terminou dia 31 de outubro.
ALENTO NA CRISE
De acordo com o balanço da Receita, o governo arrecadou R$ 46,8 bilhões, referentes a multas e impostos recolhidos. Expectativa é de que a repatriação prevista para 2017 recupere algo em torno de R$ 30 bilhões.
ALÍQUOTAS MAIORES
Na primeira fase, o contribuinte que regularizou a situação teve de pagar 15% do valor em imposto de renda e mais 15%, de multa. Para 2017, a proposta prevê alíquotas de 17,5% de imposto de renda e 17,5% de multa.
PEC DO TETO DE GASTOS
Apesar de a repatriação de 2016 não incluir as multas para os estados – mas, apenas o imposto de renda recolhido, o governo Michel Temer (PMDB) fez uma proposta aos governadores: distribuir também as multas, desde que eles façam ajustes em suas contas. Em resumo, desde que os estados assinem um pacto nacional pelo equilíbrio das contas públicos – ou melhor: que “copiem” a PEC – Proposta de Emenda Constitucional, que cria teto para os gatos públicos federais.
----------------
MARCO CURY APRESENTA PROJETO EM SÃO PAULO
Exportação
PROJETO DE UBERABA É CREDENCIADO PARA ATUAR EM TÉCNICAS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL
Fundado em fevereiro de 1993, com sede em Uberaba, e hoje com cerca de 40 empresas parceiras e dezenas de adolescentes colocados no 1º emprego, o Projeto Meninos&Meninas conquista abrangência nacional ao ser cadastrado na Fundação Banco do Brasil na área de Tecnologias Sociais.
COMPLEMENTO
Inclusão acontece através do Sistema Integrado de Educação Complementar – o Siec, um programa paralelo, estruturado pela coordenação do Meninos&Meninas ao longo destes 24 anos de existência.
ORGULHO
“É muito mais do que uma alegria imensa; é uma honra, um tremendo orgulho por termos sido escolhidos entre tantos projetos nacionais” – comemora o fundador e diretor do Meninos&Meninas, Marco Cury. “Nosso cadastro é sinônimo de reconhecimento” – reforça ele.
HABITAÇÃO
Por enquanto, o Siec/Meninos&Meninas vai atuar na elaboração, divulgação e execução de projetos em PNHU - Programa Nacional de Habitação Urbana, na área de Técnicas Sociais da Fundação Banco do Brasil. “Estamos preparados”, diz Marco Cury, revelando que o Siec já realizou mais de 80 encontros de famílias em Uberaba, Uberlândia, Conquista, Frutal, Campo Florido e Araguari – mais recentemente.
“São famílias que conquistaram suas residências através do Minha Casa Minha Vida ou que se inscreveram para terem acesso à moradia”, conta o diretor do Meninos&Meninas.
ABRINDO O CORAÇÃO
Nestes encontros – segundo ele, as famílias falam sobre seus sentimentos em relação ao sonho da casa própria, expõem suas queixas e apresentam sugestões e reivindicações para melhorias no programa habitacional do governo federal. Vale lembrar que o Banco do Brasil é uma das instituições financeiras que financiam o Minha Casa Minha Vida.
Mobilização urbana – incluindo acessibilidade, e desenvolvimento comunitário são os dois principais temas nas reuniões do Siec/Meninos&Meninas e as famílias. “Nossa experiência nestes encontros foi fundamental para a elaboração do projeto que enviamos para o BB” – diz.
O FUTURO
O programa com sede em Uberaba despertou o interesse da Fundação Banco do Brasil, que convidou o diretor para fazer sua apresentação pessoalmente, em São Paulo. Atualmente, a fundação presta assistência técnica social a 124 empreendimentos em 84 municípios, distribuídos em 22 estados, num total de 83.284 unidades habitacionais, e envolvimento de 330 mil pessoas.
Marco Cury tem planos ainda maiores: conquistar o credenciamento em outras áreas sociais da Fundação Banco do Brasil (inclusive em educação), e em outras instituições, como a Petrobras, por exemplo.

GAROTADA DO PROJETO MENINOS&MENINAS TEM REFORÇO
DE AULA DE INGLÊS COM O GRUPO GLOBAL KIDS
MENINOS&MENINAS
Projeto Meninos&Meninas nasceu com o objetivo de  promover o desenvolvimento humano, educacional e profissional para filhos de famílias de baixa renda em Uberaba, com encaminhamento para o 1º emprego. Hoje, são mais de 40 empresas parceiras, entre elas, as agências do Banco do Brasil, Banco Mercantil, Unimed, Usina Vale do Tijuco, Vale Fertilizantes, e o projeto atende em três níveis: de 7 a 14 anos; menores aprendizes (maiores de 14 anos), e preparação para o ensino superior.
----------------

ACADEMIA DE LETRAS RECEBE DOIS NOVOS ACADÊMICOS
Academia de Letras do Triângulo Mineiro recebe dois novos acadêmicos em sessão solene programada para dia 30/11, às 19h, no centro de eventos da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba (Aciu). O fundador e coordenador da Associação Cultural Casa do Folclore, Gilberto Rezende, assume a cadeira 19, que foi ocupada pelo arcebispo metropolitano, dom Benedito de Ulhôa Vieira, e cujo patrono é Artur Lobo. Por sua vez, a superintendente do Arquivo Público, Marta Zednik de Casanova, será titular da cadeira 27, que foi ocupada pela educadora Terezinha Hueb de Menezes, e cujo patrono é Machado de Assis.
--------------------



Nenhum comentário:

Postar um comentário