9 de março de 2018

CONTA-GOTAS...NOTÍCIAS


UBERABENSES CRIAM COMITÊ PRÓ-LULA PRESIDENTE
Com transmissão ao vivo no Facebook e coordenação do deputado federal Adelmo Leão (PT) – que tem domicílio eleitoral na cidade, foi lançado na noite de 09/03, sexta-feira, o Comitê Popular em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser Candidato, em Uberaba.
Lulistas - Logo na primeira fileira, estava o escritor, historiador, membro da Academia de Letras do Triângulo Mineiro, advogado Guido Bilharinho – candidato a senador pelo PDT em 1986, quando saiu das urnas com 70.740 votos. Entre os rostos conhecidos, via-se também, o professor Adislau Leite, ex-presidente do Sindicato dos Educadores do Município de Uberaba/Sindemu.
Apesar dos pesares - Comitês populares estão sendo criados em várias regiões do país, em reação aos problemas jurídicos enfrentados pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), atualmente impedido de se candidatar por ter caído na Lei da Ficha Limpa ao ser condenado em segunda instância (por colegiado). Lula também corre o risco de ser preso assim que encerrar toda a tramitação dos recursos contra sua condenação no Tribunal Regional Federal da 4ª Região.

---------------------

AS FOTOS DE NILCE FREITAS REVELAM MOMENTOS DO EVENTO REALIZADO PELO PR
Quase sob controle
PR/UBERABA GARANTE QUE SITUAÇÃO DO PARTIDO ESTÁ SENDO REGULARIZADA
Evento de posse de Kaká Carneiro no comando municipal do PR recebeu a visita dos emedebistas Paulo Piau e Fabiano Elias, prefeito de Uberaba e presidente da legenda na cidade
Assessoria de imprensa do vereador Kaká Carneiro garante que ele recebe a presidência do PR/Uberaba com a situação jurídica da legenda em fase final de regularização. Na edição anterior, este blog Conta-Gotas...Notícias informou que o partido está suspenso por falta de prestação de contas.
Providências - De acordo com a assessoria do vereador, o então presidente, empresário Mário Vilmair, já tomou providências para regularizar a situação, e logo que o processo for concluído o novo comando será publicado oficialmente.
Bancada - Liderado pelo deputado federal Aelton Freitas – que tem domicílio eleitoral em Uberaba, o PR possui a maior bancada da Câmara de Uberaba – com quatro vereadores eleitos em 2016 e se prepara para lançar candidato a deputado estadual para fazer dobradinha com Aelton.
Além de Kaká, são vereadores pela legenda a única mulher da legislatura (2017/2020), Denise Max, Samuel Pereira e Almir Silva - este último, líder do prefeito Paulo Piau na Câmara. Denise e Samuel disputam a vaga de candidatura à Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

PPL DE UBERABA ESTÁ SUSPENSO POR FALTA DE PRESTAÇÃO DE CONTAS
GLEDSTON MORELI
O PR não é o único partido suspenso pela Justiça Eleitoral em Uberaba. Presidido pelo empresário Gledston Moreli da Silva – o Dê da Só Faróis, o PPL  também está suspenso por falta de prestação de contas. É o que informa o Sistema de Gerenciamento de Informações Partidárias da Justiça Eleitoral.
Em campanha explícita nas redes sociais, o pré-candidato a deputado federal  disputou a Prefeitura de Uberaba em 2016, quando saiu das urnas em 5º lugar com 2.341 votos. Paulo Piau venceu no primeiro turno.


--------------------


Que nem São Tomé
Pra muita gente está difícil acreditar que o ex-presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande/Cohagra, Marcos Jammal, tenha desistido do sonho de se candidatar a deputado estadual em 2018. Muito antes pelo contrário...
Eleitores – digo, uberabenses foram surpreendidos, ou melhor, surpreendidas com cumprimentos pelo Dia Internacional da Mulher – não postados em rede social, conforme o costume de Jammal, mas sim, em caixas de correspondência nas residências.
Boa fé - O popular Jammal deixou a Cohagra e assumiu a diretoria do Departamento de Melhorias Habitacionais do Ministério da Cidades,  a convite do ministro  Alexandre Baldy, levando gregos e troianos a acreditar que ele desistira da ideia de se candidatar em 2018.
Apoios anunciados - Acontece que o ex-presidente da Cohagra é filiado ao MDB do prefeito Paulo Piau, que já anunciou em alto e bom tom que seu candidato é o colega de partido, o radialista e ex-deputado estadual Tony Carlos.
Para se candidatar, Jammal tem duas missões importantes pela frente: escolher outra legenda e se desincompatibilizar do cargo no Ministério das Cidades até 7 de abril
E vale lembrar: assumiu o comando na Cohagra o vice-prefeito João Ripposati, que é do PSD presidido pelo deputado federal Marcos Montes – o nome do prefeito Paulo Piau para a Câmara dos Deputados.

--------------------

Os animais – segundo Chico Xavier
Para revelar o amor que o médium Chico Xavier tinha pelos animais vale lembrar sua relação com a cadelinha Boneca – comprovada em fotos (acima) e em vídeo (https://goo.gl/Ubc6wY). Dois fatos são narrados por amigos, ambos revelados em site do Instituto Beneficente Chico Xavier (https://goo.gl/AbmCym).
Um deles, que Chico falava pra Boneca que estava com pulgas, e a cadelinha tratava de coçar o peito do médium com o focinho (vídeo reforça a história...).
Outro fato é que Boneca morreu velha e doente, e que durante uma viagem a São Paulo, Chico foi presenteado com outra cachorrinha parecida com a dele. A filhotinha repetiu, nos braços de Chico Xavier, o mesmo que acontecia com a Boneca. Bastou que o médium dissesse que estava com pulgas para que ela coçasse o peito dele.
Neste momento, Chico teria explicado que quando se ama e se dedica ao animal sentimentos sinceros, os espíritos amigos o trazem de volta para que a pessoa não sinta sua falta.
Nós, seres humanos, estamos na natureza para auxiliar o progresso dos animais, na mesma proporção que os anjos estão para nos auxiliar. Portanto, quem chuta ou maltrata um animal é alguém que ainda não aprendeu a amar” – teria dito Chico Xavier aos amigos que acompanhavam tudo.

--------------------

RODOBAN, APÓS AS EXPLOSÕES (FOTO: NETO TALMELI)
Resquícios da violência
Após um longo e tenebroso “inverno” de quatro meses, os moradores das redondezas da empresa Rodoban, em Uberaba, começam a ser ressarcidos pelos prejuízos que tiveram com o ataque sofrido pela empresa de valores. Localizada no bairro Boa Vista, a Rodoban foi invadida na madrugada de 6 de novembro de 2017 por cerca de 30 homens. Crime envolveu pelo menos duas explosões, que provocaram abalos em várias residências.
União - O silêncio da empresa com relação aos pedidos dos moradores prejudicados com as explosões acabou motivando o envolvimento do prefeito Paulo Piau,  Conselho Municipal de Segurança Pública, Câmara e até as polícias Militar, Civil e Federal, além de outras autoridades.
Ressarcimento - Indicado para coordenar as negociações, o chefe de Gabinete, Fernando Hueb, explica que o ressarcimento está acontecendo com base em avaliações da Defesa Civil, que emitiu parecer sobre os estragos.
Até hoje a empresa não informou quanto foi roubado.

---------------------

ELAS - Dia Internacional da Mulher (08/03) foi lembrado ao longo da semana em Uberaba com dezenas de eventos e atividades relacionados ao tema – com destaque para o combate à violência em suas mais variadas faces. Caminhada com a participação das escolas municipais; palestras; ações de saúde; apresentações culturais; entre outras atividades, movimentaram toda a administração municipal, Hospital do Câncer, hospitais universitários, entidades  instituições de um modo geral. (Fotos: Neto Talmeli/Secretaria Especial de Comunicação)

------------------------


Infidelidade oficial
Desde 08/03, quinta-feira, os deputados federais e estaduais que desejam candidatar-se nas eleições de 2018 podem mudar de partido sem risco de perder o mandato. O período, denominado “janela partidária”, é de 30 dias e se encerra à meia-noite do dia 6 de abril. Ele não beneficia vereadores, porque não haverá eleições este ano na esfera municipal.
Em tempos normais - A legislação que trata de fidelidade partidária, estabelece que parlamentares só podem mudar de legenda nas seguintes hipóteses: incorporação ou fusão do partido; criação de novo partido; desvio no programa partidário ou grave discriminação pessoal. Mudanças de legenda sem essas justificativas são motivo para a perda do mandato.

------------------

MARCOS MONTES DESABAFA CONTRA O NÃO CUMPRIMENTO DE OBRIGAÇÕES POR
PARTE DAS CONCESSIONÁRIAS DE RODOVIAS 
(FOTO: CLÁUDIO BASÍLIO DE ARAÚJO/LIDERANÇA DO PSD)
DEPUTADO QUER PROIBIR CONCESSIONÁRIAS DE RODOVIAS DE COBRAR POR OBRAS MUNICIPAIS
Através do projeto de lei 9.721/2018 protocolado na semana passada, o deputado federal Marcos Montes (PSD/MG) quer garantir que os prefeitos brasileiros não precisem pagar pela realização de infraestrutura municipal nas faixas de domínio das concessionárias de rodovias. "Não é raro, no Brasil, encontrarmos cidades que nasceram e/ou se desenvolveram no entorno de rodovias, muitas delas, hoje administradas por concessão" - lembra Marcos Montes.
Ele revela que tem sido procurado por prefeitos se queixando de que, quando os municípios precisam realizar obras que passam por estas faixas de domínio das concessionárias, elas cobram valores absurdos das prefeituras para permitir que isso aconteça.
Segundo Marcos Montes, o projeto 9.721, se aprovado pelo Congresso Nacional, vai impedir estas cobranças. "É claro que o prefeito precisa sim, pedir autorização para realizar as obras, mas isso não pode incluir o pagamento de qualquer valor que seja para as concessionárias – que venhamos e convenhamos, já estão em falta com as populações que usufruem das rodovias administradas por elas. Basta ver os atrasos em obras que estavam previstas nos contratos e não saíram do papel" - desabafa.
O deputado cita um exemplo que acontece muito: a prefeitura precisa instalar tubulações de água e esgoto ligando dois bairros – cada um de um lado da rodovia -, e recebe uma conta altíssima da concessionária pela realização desta obra.
"Precisamos acabar com estas cobranças" - diz ele.
Encrenca - Instituída com "festa" pelo governo federal, a concessão de rodovias envolve atualmente uma série de problemas, inclusive o atraso ou não cumprimento de contratos reativos a obras de melhorias e manutenção.
O próprio Marcos Montes ocupou a tribuna da Câmara para cobrar o cumprimento de compromisso antigo, que é a duplicação do trecho Bom Despacho-Uberaba - que fica na BR/262, no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba/Centro-Oeste.
"É lamentável e despropositado que a concessionária tenha pedido o cancelamento da obra por falta de descumprimento de contrato por parte do governo de Minas Gerais. Independentemente de quem seja a culpa, o importante é que o povo mineiro não pode mais pagar pelos erros de quem tem obrigações com o Estado" - desabafou o deputado.
Sem acordo - Por sinal, por falta de acordo a Câmara dos Deputados não votou a Medida Provisória 800/17, que autorizava a Agência Nacional de Transportes Terrestres/ANTT a celebrar aditivo contratual com as concessionárias de rodovias federais para alongar o prazo de execução de investimentos previstos originalmente. A MP perdeu a validade.
Houve resistência a pontos incluídos na MP, como a renovação da concessão de portos e a falta de punição para a empresa que não cumprir o cronograma dos investimentos.

--------------------


Nenhum comentário:

Postar um comentário